Euroceticismo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O euroceticismo é uma doutrina política assentada na desconfiança ou na descrença acerca da União Europeia[1]. Dentro dos partidos eurocéticos há uma vasta gama de linhas de pensamento desde uma menor integração econômica entre os países até os que defendem nenhuma integração[2].

No espectro político português, o euroceticismo é representado na esquerda pelos Partido Comunista Português, Partido Operário de Unidade Socialista, Partido Comunista dos Trabalhadores Portugueses e Movimento Alternativa Socialista e pela direita pelo Partido Nova Democracia e pelo Partido Nacional Renovador[2].

Referências

  1. «Definição de Euroceticismo». Priberam. Consultado em 3 de fevereiro de 2018. 
  2. a b Falcão, Catarina (23 de maio de 2014). «A saída do euro é argumento político em Portugal». Observador. Consultado em 5 de fevereiro de 2018. 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Euroceticismo
Ícone de esboço Este artigo sobre a União Europeia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.