Igreja Batista Regular

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

As igrejas batistas regulares são igrejas cristãs, de orientação batista conservadora e fundamentalista. [1]

História[editar | editar código-fonte]

O movimento batista regular que originou as igrejas batistas regulares brasileiras organizou-se em 1932 quando batistas que se separaram da Convenção Batista do Norte, dos Estados Unidos, liderados por Howard C. Fulton, fundaram a General Association of Regular Baptist Churches (GARBC). A separação deu-se devido ao liberalismo teológico que solapou as bases de todas as denominações daquele país.

No Brasil, o movimento chegou ao Nordeste através dos missionários Carleton e Adelaide Mateus em 1932, na cidade de São José de Mipibu no estado do Rio Grande do Norte; e em 1935 e 1936 com os missionários William A. Ross e Edward Guy McLain respectivamente. McLain ao chegar ao Brasil se instalou em Juazeiro do Norte, CE. Atualmente, entre os batistas regulares, se estuda qual teria sido a primeira igreja batista regular do Brasil. Se fora a de São José de Mipibu, RN, a de Juazeiro do Norte, CE, e a de Cachoeirinha, Manaus, AM.

A doutrina batista regular é bem mais conservadora e tradicional do que a de outros batistas, denominam-se fundamentalistas e separatistas. São pré-milenistas, dispensacionalistas, rejeitam o pentecostalismo, o ecumenismo e qualquer de suas expressões.

Referências

  1. «Definition of REGULAR BAPTIST». Merriam-Webster (em inglês). Consultado em 15 de julho de 2019