O Velho, o Menino e o Burro

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
O Velho, o Menino e o Burro
Informação geral
Formato Telenovela
Duração 45 minutos aprox.
Criador(es) Carmem Lídia
País de origem Brasil Brasil
Idioma original português
Produção
Diretor(es) Antônio Moura Mattos
Elenco ver elenco
Exibição
Emissora original Brasil Rede Tupi
Transmissão original 14 de abril de 1975 - 10 de janeiro de 1976
Episódios 184
Cronologia
Canção para Isabel

O Velho, o Menino e o Burro foi uma telenovela brasileira produzida e exibida pela TV Tupi, de 14 de abril de 1975 a 10 de janeiro de 1976.[1]

Foi escrita por Carmem Lídia e dirigida por Antônio Moura Mattos

Sinopse[editar | editar código-fonte]

A novela contava as incursões sem destino de um velho e um garoto, sempre acompanhados de um burrinho falante.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Zé Luiz Pinho - a voz do burro

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

  • "Spicks And Specks" - The Eleven Brothers
  • "Love Won't Let Me Wait" - Major Harris
  • "Vulcan Princess - Stanley Clarke
  • "Better By Far" - Lena Martell
  • "Killed a Cat" - Kenny Rankin
  • "La Canción de Arbol del Olvido" - Ernesto Bitetti
  • "Show Your Love" - The Image
  • "Spring Of 1912" - Brotherhood Of Men
  • "Let Me Try Again" - Berto Pisano
  • "Recuerdos de La Alhambra" - Ernesto Bitetti
  • "Melody Fair" - The Eleven Brothers


Referências

  1. «O velho, o menino e o burro». Teledramaturgia. Consultado em 29 de abril de 2016 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.