Supercopa Libertadores de 1993

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Supercopa Libertadores 1993
Dados
Participantes 16
Organização CONMEBOL
Local de disputa Flags of the Union of South American Nations.gif América do Sul
Período 22 de setembro24 de novembro
Gol(o)s 81
Partidas 30
Média 2,7 gol(o)s por partida
Campeão Brasil São Paulo (1º título)
Vice-campeão Brasil Flamengo
Melhor marcador BrasilBRA Ronaldo (Cruzeiro) – 8 gols
Maior goleada
(diferença)
Cruzeiro Brasil 6 – 1 Chile Colo-Colo
MineirãoBelo Horizonte
5 de outubro, Primeira fase
◄◄ 1992 Soccerball.svg 1994 ►►

A Supercopa Libertadores 1993 foi a sexta edição deste torneio de futebol que reunia os clubes campeões da Taça Libertadores da América. O campeão foi o São Paulo, do Brasil, que na final venceu a equipe do Flamengo.

Participantes[editar | editar código-fonte]

 Argentina
Clube Cidade Classificação
Argentinos Juniors Buenos Aires Campeão da Libertadores de 1985
Boca Juniors Buenos Aires Campeão da Libertadores de 1977 e 1978
Estudiantes La Plata Campeão da Libertadores de 1968, 1969 e 1970
Independiente Avellaneda Campeão da Libertadores de 1964, 1965, 1972, 1973, 1974, 1975 e 1984
Racing Avellaneda Campeão da Libertadores de 1967
River Plate Buenos Aires Campeão da Libertadores de 1986
 Brasil
Clube Cidade Classificação
Cruzeiro Belo Horizonte Campeão da Libertadores de 1976
Flamengo Rio de Janeiro Campeão da Libertadores de 1981
Grêmio Porto Alegre Campeão da Libertadores de 1983
Santos Santos Campeão da Libertadores de 1962 e 1963
São Paulo São Paulo Campeão da Libertadores de 1992 e 1993
 Chile
Clube Cidade Classificação
Colo-Colo Santiago Campeão da Libertadores de 1991
 Colômbia
Clube Cidade Classificação
Atlético Nacional Medellín Campeão da Libertadores de 1989
 Paraguai
Clube Cidade Classificação
Olimpia Assunção Campeão da Libertadores de 1979 e 1990
Uruguai
Clube Cidade Classificação
Nacional Montevidéu Campeão da Libertadores de 1971, 1980 e 1988
Peñarol Montevidéu Campeão da Libertadores de 1960, 1961, 1966, 1982 e 1987

Tabela[editar | editar código-fonte]

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Jogos de ida
22 de setembro de 1993 River Plate Argentina 2 – 1 Argentina Argentinos Juniors Buenos Aires (Argentina)

Medina Bello Gol marcado
Silvani Gol marcado
Cedrés Gol marcado

5 de outubro de 1993 Cruzeiro Brasil 6 – 1 Chile Colo-Colo Mineirão, Belo Horizonte (MG)

Luís Fernando Gol marcado aos 1 minutos de jogo 1'
Ronaldo Gol marcado aos 27 minutos de jogo 27' Gol marcado aos 45 minutos de jogo 45' Gol marcado aos 90 minutos de jogo 90'
Nonato Gol marcado aos 47 minutos de jogo 47'
Edenilson Gol marcado aos 70 minutos de jogo 70'
Reyes Gol marcado aos 48 minutos de jogo 48' Público: 7.067
Árbitro: Uruguai Julio Matto
Auxiliares: Uruguai Pedro Risso e Uruguai Eduardo Luznivisk

5 de outubro de 1993 Estudiantes Argentina 2 – 0 Argentina Boca Juniors Jorge Luis Hirschi, La Plata (Argentina)

González Gol marcado
Calderón Gol marcado

5 de outubro de 1993 Santos Brasil 0 – 0 Colômbia Atlético Nacional Vila Belmiro, Santos (SP)

Árbitro: Uruguai José Luis da Rosa

6 de outubro de 1993 Nacional Uruguai 1 – 1 Argentina Racing Montevidéu (Uruguai)

Canals Gol marcado Fernando Castro Gol marcado

6 de outubro de 1993 Olimpia Paraguai 1 – 0 Brasil Flamengo Assunção (Paraguai)

Cardozo Gol marcado

6 de outubro de 1993 São Paulo Brasil 2 – 0 Argentina Independiente Morumbi, São Paulo (SP)

Moas Gol marcado (GC)
Valdeir Gol marcado
Público: 5.084

7 de outubro de 1993 Peñarol Uruguai 1 – 0 Brasil Grêmio Montevidéu (Uruguai)

Darío Silva Gol marcado
Jogos de volta
12 de outubro de 1993 Colo-Colo Chile 3 – 3 Brasil Cruzeiro Santiago (Chile)

Vega Gol marcado
Rubio Gol marcado
Etcheverry Gol marcado (P)
Ronaldo Gol marcadoGol marcado
Careca Gol marcado

12 de outubro de 1993 Racing Argentina 1 – 3 Uruguai Nacional Avellaneda (Argentina)

Fernando Castro Gol marcado Julio Morales Gol marcado
Vidal González Gol marcado
Suárez Gol marcado

13 de outubro de 1993 Flamengo Brasil 3 – 1 Paraguai Olimpia Rio de Janeiro (RJ)

Renato Gaúcho Gol marcado
Casagrande Gol marcado
Júnior Baiano Gol marcado (P)
Miguel Sanabria Gol marcado

13 de outubro de 1993 Argentinos Juniors Argentina 1 – 2 Argentina River Plate Mendoza (Argentina)

Lauría Calvo Gol marcado Rivarola Gol marcado (P)
Silvani Gol marcado

13 de outubro de 1993 Boca Juniors Argentina 1 – 3 Argentina Estudiantes La Bombonera, Buenos Aires (Argentina)

Graciani Gol marcado Calderón Gol marcadoGol marcado
Adrián Paz Gol marcado

13 de outubro de 1993 Atlético Nacional Colômbia 1 – 0 Brasil Santos Atanasio Girardot, Medellín (Colômbia)

Trellez Gol marcado Público: 48.437

13 de outubro de 1993 Independiente Argentina 1 – 1 Brasil São Paulo Avellaneda (Argentina)

Hugo Pérez Gol marcado Valdeir Gol marcado

14 de outubro de 1993 Grêmio Brasil 2 – 0 Uruguai Peñarol Porto Alegre (RS)

Charles Gol marcado
Gilson Gol marcado
Árbitro: Colômbia José Torres Cadena

Quartas-de-final[editar | editar código-fonte]

Jogos de ida
20 de outubro de 1993 Cruzeiro Brasil 1 – 2 Uruguai Nacional Belo Horizonte (MG)

Ronaldo Gol marcado Vidal González Gol marcado
Gerardo Severo Gol marcado

20 de outubro de 1993 River Plate Argentina 2 – 1 Brasil Flamengo Buenos Aires (Argentina)

Rivarola Gol marcado aos 56 minutos de jogo 56' (P)
Toresani Gol marcado
Rogério Gol marcado aos 22 minutos de jogo 22'

20 de outubro de 1993 Atlético Nacional Colômbia 1 – 0 Argentina Estudiantes Atanasio Girardot, Medellín (Colômbia)

Alexis García Gol marcado aos 40 minutos de jogo 40' Público: 35.803
Árbitro: Peru Alberto Tejada

20 de outubro de 1993 São Paulo Brasil 2 – 2 Brasil Grêmio Pacaembu, São Paulo (SP)

Cafu Gol marcado aos 7 minutos de jogo 7'
Dinho Gol marcado aos 60 minutos de jogo 60' (P)
Charles Gol marcado aos 57 minutos de jogo 57'
Caio Gol marcado aos 62 minutos de jogo 62'
Jogos de volta
27 de outubro de 1993 Flamengo Brasil 1 – 0 Argentina River Plate Rio de Janeiro (RJ)

Rogério Gol marcado Árbitro: Uruguai Ernesto Filippi
Auxiliares: Uruguai José Luis da Rosa e Uruguai Carlos Velásquez
    Penalidades  
Rogério: marcou.

Marcelinho Carioca: marcou.

Gilmar: marcou.

Marquinhos: marcou.

Gélson Baresi: marcou.

Magno: perdeu.

Éder Lopes: perdeu.

6–5 Rivarola: marcou.

Berti: marcou.

Villalba: marcou.

Altamirano: marcou.

Sodero: marcou.

Hernán Díaz: perdeu.

Silvani: perdeu.

Corti: perdeu.

 

27 de outubro de 1993 Estudiantes Argentina 0 – 1 Colômbia Atlético Nacional Jorge Luis Hirschi, La Plata (Argentina)

Osorio Gol marcado Árbitro: Paraguai Juan Escobar Valdez

27 de outubro de 1993 Grêmio Brasil 0 – 1 Brasil São Paulo Beira-Rio, Porto Alegre (RS)

Toninho Cerezo Gol marcado

* O Grêmio atuou no Estádio Beira-Rio devido à interdição do Estádio Olímpico pela CONMEBOL.


28 de outubro de 1993 Nacional Uruguai 2 – 3 Brasil Cruzeiro Centenário, Montevidéu (Uruguai)

Olivera Gol marcado aos 63 minutos de jogo 63'
Julio Morales Gol marcado aos 72 minutos de jogo 72'
Macalé Gol marcado aos 44 minutos de jogo 44'
Ronaldo Gol marcado aos 54 minutos de jogo 54' Gol marcado aos 90 minutos de jogo 90'
Árbitro: Argentina Javier Castrilli
Auxiliares: Argentina Juan Bava e Argentina José Mendez
    Penalidades  
Canals: marcou.

Larré: marcou.

Morales: marcou.

Vidal González: marcou.

Suárez: perdeu.

4–2 Roberto Gaúcho: marcou.

Macalé: marcou.

Paulo Roberto: perdeu.

Edenilson: perdeu.

 

Semifinais[editar | editar código-fonte]

Jogos de ida
3 de novembro de 1993 São Paulo Brasil 1 – 0 Colômbia Atlético Nacional Pacaembu, São Paulo (SP)

Müller Gol marcado aos 77 minutos de jogo 77'

4 de novembro de 1993 Flamengo Brasil 2 – 1 Uruguai Nacional São Paulo (SP)

Casagrande Gol marcado
Renato Gaúcho Gol marcado
O'Neill Gol marcado
Jogos de volta
10 de novembro de 1993 Nacional Uruguai 0 – 3 Brasil Flamengo Centenário, Montevidéu (Uruguai)

Nélio Gol marcado aos 45 minutos de jogo 45' Gol marcado aos 56 minutos de jogo 56'
Renato Gaúcho Gol marcado aos 52 minutos de jogo 52'
Árbitro: Argentina Juan Carlos Loustau

* O árbitro argentino Juan Carlos Loustau encerrou a partida no minuto 77, devido a incidentes promovidos pela torcida do Nacional.


10 de novembro de 1993 Atlético Nacional Colômbia 2 – 1 Brasil São Paulo Atanasio Girardot, Medellín (Colômbia)

Aristizábal Gol marcado aos 38 minutos de jogo 38'
Zúñiga Gol marcado aos 58 minutos de jogo 58'
Palhinha Gol marcado aos 8 minutos de jogo 8' Árbitro: Peru Alberto Tejada
Auxiliares: Peru Luis Seminario e Peru César Cachay
    Penalidades  
Trellez: perdeu.

Gaviria: marcou.

Escobar: marcou.

Osorio: marcou.

Castañeda: marcou.

Aristizábal: perdeu.

4–5 Dinho: marcou.

Leonardo: marcou.

Cafu: marcou.

Válber: perdeu.

Müller: marcou.

Gilmar: marcou.

 

Finais[editar | editar código-fonte]

1° jogo
17 de novembro de 1993 Flamengo Brasil 2 – 2 Brasil São Paulo Maracanã, Rio de Janeiro (RJ)

Marquinhos Gol marcado aos 35 minutos de jogo 35' Gol marcado aos 46 minutos de jogo 46' Leonardo Gol marcado aos 15 minutos de jogo 15'
Juninho Paulista Gol marcado aos 86 minutos de jogo 86'
Árbitro: Brasil Márcio Rezende de Freitas
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Flamengo
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
São Paulo
FLAMENGO:
G 1 Brasil Gilmar
LD 2 Brasil Charles Guerreiro
Z 3 Brasil Júnior Baiano PenalizadoPenalizadoExpulso
Z 4 Brasil Rogério (C)
LE 25 Brasil Marcos Adriano
V 5 Brasil Fabinho
M 8 Brasil Marquinhos
M 15 Brasil Marcelinho Carioca
M 10 Brasil Nélio
A 7 Brasil Renato Gaúcho Substituído após a minutos de jogo a'
A 9 Brasil Casagrande Substituído após b minutos de jogo b'
Substituição:
LE 6 Brasil Piá Entrou em campo após a minutos a'
Z 18 Brasil Gélson Baresi Entrou em campo após b minutos b'
Treinador:
Brasil Júnior
SÃO PAULO:
G 1 Brasil Zetti
LD 10 Brasil Cafu
Z 3 Brasil Válber
Z 4 Brasil Ronaldão (C)
LE 21 Brasil André Luiz
V 24 Brasil Doriva
V 8 Brasil Toninho Cerezo Substituído após a minutos de jogo a'
V 5 Brasil Dinho
M 9 Brasil Palhinha Substituído após b minutos de jogo b'
M 6 Brasil Leonardo
A 7 Brasil Müller
Substituição:
A 11 Brasil Valdeir Entrou em campo após a minutos a'
A 15 Brasil Juninho Paulista Entrou em campo após b minutos b'
Treinador:
Brasil Telê Santana
2° jogo
24 de novembro de 1993 São Paulo Brasil 2 – 2 Brasil Flamengo Morumbi, São Paulo (SP)

Leonardo Gol marcado aos 61 minutos de jogo 61'
Juninho Paulista Gol marcado aos 79 minutos de jogo 79'
Renato Gaúcho Gol marcado aos 9 minutos de jogo 9'
Marquinhos Gol marcado aos 81 minutos de jogo 81'
Público: 65.355 pagantes
Árbitro: Brasil Renato Marsiglia
    Penalidades  
Dinho: marcou.

Leonardo: marcou.

Cafu: marcou.

André Luiz: marcou.

Müller: marcou.

5–3 Rogério: marcou.

Marcelinho Carioca: perdeu.

Marquinhos: marcou.

Gélson Baresi: marcou.

 
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
São Paulo
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Flamengo
SÃO PAULO:
G 1 Brasil Zetti
LD 10 Brasil Cafu
Z 3 Brasil Válber
Z 4 Brasil Ronaldão (C)
LE 21 Brasil André Luiz
V 24 Brasil Doriva
V 8 Brasil Toninho Cerezo Substituído após a minutos de jogo a'
V 5 Brasil Dinho
M 9 Brasil Palhinha Substituído após b minutos de jogo b'
M 6 Brasil Leonardo
A 7 Brasil Müller
Substituição:
A 15 Brasil Juninho Paulista Entrou em campo após a minutos a'
A 18 Brasil Guilherme Entrou em campo após b minutos b'
Treinador:
Brasil Telê Santana
FLAMENGO:
G 1 Brasil Gilmar
LD 2 Brasil Charles Guerreiro
Z 18 Brasil Gélson Baresi
Z 4 Brasil Rogério (C)
LE 25 Brasil Marcos Adriano
V 5 Brasil Fabinho
M 8 Brasil Marquinhos
M 15 Brasil Marcelinho Carioca
M 10 Brasil Nélio
A 7 Brasil Renato Gaúcho Substituído após a minutos de jogo a'
A 9 Brasil Casagrande Substituído após b minutos de jogo b'
Substituição:
M 16 Brasil Éder Lopes Entrou em campo após a minutos a'
A 22 Brasil Magno Entrou em campo após b minutos b'
Treinador:
Brasil Júnior

Confrontos[editar | editar código-fonte]

Oitavas de final Quartas de final Semifinais Final
           
                                       
1  Brasil Cruzeiro 6 3  
16  Chile Colo Colo 1 3  
   Brasil Cruzeiro 1 3 (2)  
   Uruguai Nacional 2 2 (4)  
8  Uruguai Nacional 1 3
9  Argentina Racing Club 1 1  
   Brasil Flamengo 2 3  
   Uruguai Nacional 1 0  
5  Paraguai Olimpia 1 1  
12  Brasil Flamengo 0 3  
   Argentina River Plate 2 0 (5)
   Brasil Flamengo 1 1 (6)  
4  Argentina River Plate 2 2
13  Argentina Argentinos Juniors 1 1  
   Brasil Flamengo 2 2 (3)
   Brasil São Paulo 2 2 (5)
2  Argentina Estudiantes-LP 2 3  
15  Argentina Boca Juniors 0 1  
   Colômbia Atlético Nacional 1 1
   Argentina Estudiantes-LP 0 0  
7  Brasil Santos 0 0
10  Colômbia Atlético Nacional 0 1  
   Brasil São Paulo 1 1 (5)
   Colômbia Atlético Nacional 0 2 (4)  
6  Uruguai Peñarol 1 0  
11  Brasil Grêmio 0 2  
   Brasil São Paulo 2 1
   Brasil Grêmio 2 0  
3  Brasil São Paulo 2 1
14  Argentina Independiente 0 1  
Supercopa Libertadores 1993
Flag of Brazil.svg
São Paulo
Campeão
(1º título)
Ícone de esboço Este artigo sobre futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.