Titanic: Honor and Glory

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Current event marker.png
Este artigo ou seção é sobre um jogo em produção.
A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis.
Simple Game current event.svg
Titanic: Honor and Glory
Desenvolvedora(s) Four Funnels Entertainment
Publicadora(s) Vintage Digital Revival
Diretor(es) Thomas Lynskey
Produtor(es) Thomas Lynskey
Matthew DeWinkeleer
Escritor(es) Thomas Lynskey
Programador(es) Kyle Hudak
Artista(s) Matthew DeWinkeleer
Kyle Hudak
Compositor(es) Anthony Caselena
Motor Unreal Engine 4
Plataforma(s) Microsoft Windows
macOS
Gênero(s) Aventura
Modos de jogo Um jogador
Página oficial

Titanic: Honor and Glory é um jogo eletrônico atualmente em desenvolvimento pela Vintage Digital Revival. A acção irá decorrer na trágica viagem inaugural do transatlântico RMS Titanic, sendo que irá figurar no jogo a mais fiel representação digital do navio feita até hoje, juntamente com uma reprodução da cidade portuária de Southampton tal como era em 1912.[1] O jogo pretende não servir apenas de entretenimento, mas também servir de memorial e homenagem a todos aqueles que perderam a vida no naufrágio.[2][3]

O projecto foi inicialmente custeado através de campanhas de crowdfunding; todavia, durante um podcast a 10 de Abril de 2015, o director Thomas Lynskey anunciou que a equipa criativa se afastaria do financiamento colectivo de modo a empenhar-se mais afincadamente no desenvolvimento do jogo propriamente dito.[4]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O jogo centra-se num jovem americano, formado na Universidade de Oxford, chamado Owen Robert Morgan. Após ter sido incriminado numa série de roubos e assassinatos, Morgan embarca no Titanic num último esforço para ser ilibado ao desmascarar os verdadeiros culpados.[5]

Modos de jogo adicionais[editar | editar código-fonte]

Há planos para três modos de jogo adicionais, a serem incluidos.[5] O mais proeminente é o Tour Mode, que permitirá ao jogador explorar o interior completo do navio e a cidade de Southampton, sem as restrições do Story Mode. Outro modo de jogo, o Simulator Mode, dará a oportunidade de conduzir o Titanic no oceano. O terceiro modo planeado é o Multiplayer Mode, que ainda está a ser delineado, que deverá permitir mais do que um jogador.

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

O desenvolvimento do jogo começou em Novembro de 2012, após o cancelamento do Titanic: Lost in the Darkness, um mod para o Crysis 2. A 25 de Dezembro de 2012, foi lançada a primeira pré-visualização do jogo, mostrando uma visão da Grande Escadaria. Nessa altura, a equipa criativa estava a usar a CryEngine 3 para desenvolver o jogo; desde então, mudaram para a Unreal Engine 4. A 7 de Março de 2015, foi lançada a primeira pré-visualização do jogo na Unreal Engine 4, através do YouTube. Mostrava uma animação da Sala de Recepção do Convés D, a afundar em tempo real. No início de Abril de 2015, foi lançado um pequeno demo, onde se podiam observar poucas salas do navio, incluindo a Sala de Recepção de Primeira Classe, a Sala de Jantar de Terceira Classe, a Scotland Road, e os Banhos Turcos. A 30 de Julho de 2015, teve lugar um podcast para divulgar actualizações do projecto, durante o qual foram lançadas várias novas imagens da Grande Escadaria. Nesse mesmo dia, foi aberto um fórum de discussão oficial.

Referências

  1. Clarke, Patrick. «'Titanic: Honor and Glory' Game Recreates Voyage, Sinking in Full Detail». Travel Pulse. Consultado em 24 de julho de 2015 
  2. «Experience One of History's Biggest Disasters in Titanic: Honor and Glory». Paste Magazine. Consultado em 24 de julho de 2015 
  3. «Go down with the ship: Titanic game goes deep on history». Cult of Mac. Consultado em 24 de julho de 2015 
  4. «April 10, 2015 - 103rd Anniversary Of Departure». Titanic: Honor and Glory. Consultado em 24 de julho de 2015. Arquivado do original em 4 de maio de 2015 
  5. a b «The Backstory». Titanic: Honor and Glory. Consultado em 4 de agosto de 2015. Arquivado do original em 28 de fevereiro de 2018