Uncle Tom's Cabin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura uma novela brasileira, veja A Cabana do Pai Tomás.
Uncle Tom's Cabin; or, Life Among the Lowly
A Cabana do Pai Tomás ou os Negros na América (PT)
Autor (es) Harriet Beecher Stowe
Idioma língua inglesa
País  Estados Unidos
Género Ficção
Lançamento 20 de Março de 1852
Edição portuguesa
Editora Typ. do Centro Comercial
Lançamento 1853

Uncle Tom's Cabin; or, Life Among the Lowly (em português: A cabana do Pai Tomás) é um livro da escritora estadunidense Harriet Beecher Stowe.[1]

A Cabana do Pai Tomás apresenta, de forma romanceada, o conflito vivido entre os escravos norte-americanos e os ricos proprietários de terras no sul dos Estados Unidos, mostrando quão infame era a escravidão. A Cabana do Pai Tomás é uma história de fé, coragem, determinação, perseverança e luta pela liberdade.

Harriet Beecher Stowe, que conheceu de perto a realidade do cenário que narra, passa ao leitor um sentimento de revolta e indignação ao apresentar detalhadamente o comércio "legal" de seres humanos e a forma brutal e selvagem com que os senhores tratavam os negros a fim de obterem mais lucros em suas propriedades. Este registro literário contribuiu intensamente para a abolição da escravatura. Basta observar que, dois anos depois de seu lançamento, surgiu o Partido Republicano, que abraçou a causa abolicionista. A autora chegou até mesmo a merecer do presidente norte-americano, Abraham Lincoln, esta consideração: "Foi a senhora que, com seu livro, causou essa grande guerra" (a guerra entre os estados).

Referências

  1. Will Kaufman, The Civil War in American Culture, Edinburgh University Press, 2006, p. 18.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Uncle Tom's Cabin


Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.