Feniletilamina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Feniletilamina
Alerta sobre risco à saúde[1]
Fenyloetyloamina.svg
Nome IUPAC 2-feniletilamina
Outros nomes β-feniletilamina
1-amino-2-fenil-etano
Identificadores
Número CAS 64-04-0
SMILES
Propriedades
Fórmula química C8H11N
Massa molar 121.18 g mol-1
Densidade 0.964 g/cm³
Ponto de fusão

-60 °C

Ponto de ebulição

194.5-195 °C

Farmacologia
Via(s) de administração Oral
Metabolismo MAO-A, MAO-B, ALDH, DBH, CYP2D6
Meia-vida biológica ~5-10 minutes
Classificação legal



{{{legal_status}}}

Riscos associados
NFPA 704
NFPA 704.svg
2
2
2
 
Compostos relacionados
Outros aniões/ânions 1-Fenil-2-nitro-etano
Álcool fenetílico (2-fenil-etanol)
Aminas relacionados Benzilamina
N,N-Dimetilanilina
1-fenil-etilamina
Anfetamina (1-fenil-2-amino-propano)
Metilfenetilamina (N-Metil-2-fenil-1-amino-etano)
Compostos relacionados Fenilalanina (ácido 2-amino-3-fenil-propanoico)
Excepto onde denotado, os dados referem-se a
materiais sob condições PTN

Referências e avisos gerais sobre esta caixa.
Alerta sobre risco à saúde.

Feniletilamina (PEA) é um alcaloide natural semelhante as anfetaminas, uma amina aromática muito simples, de fórmula C8H11N, sendo um neurotrasmisor monoamínico biosintetizado através da decarboxilazação enzimática do aminoácido fenilalanina. Este alcaloide, se for ingerido, activa a libertação de dopamina.

Referências

  1. Merck Index, 12th Edition, 7371.
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.

Fenetilamina também estrar ligada ao amor esse hormônio é responsável pela sensação de bem-estar e desligamento dos apaixonados, pode ser encontrada também no chocolate.