Moreno

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Moreno
"A Cidade das Verdes Colinas” ou “A Terra dos Eucaliptos"
Bandeira de Moreno
Brasão de Moreno
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 11 de setembro de 1928
Gentílico morenense
Padroeiro(a) Nossa Senhora da Conceição
Prefeito(a) Adilson Gomes Filho (PSB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Moreno
Localização de Moreno em Pernambuco
Moreno está localizado em: Brasil
Moreno
Localização de Moreno no Brasil
08° 07' 07" S 35° 05' 32" O08° 07' 07" S 35° 05' 32" O
Unidade federativa  Pernambuco
Mesorregião Metropolitana de Recife IBGE/2008 [1]
Microrregião Recife IBGE/2008 [1]
Região metropolitana Recife
Municípios limítrofes São Lourenço da Mata, Cabo de Santo Agostinho, Jaboatão dos Guararapes, Vitória de Santo Antão
Distância até a capital 28 km
Características geográficas
Área 195,603 km² [2]
População 59 836 hab. IBGE/2013[3]
Densidade 305,91 hab./km²
Altitude 96 m
Clima Tropical As'
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,652 médio PNUD/2010 [4]
PIB R$ 343 039 mil IBGE/2011[5]
PIB per capita R$ 5 989 75 IBGE/2011[5]
Página oficial

Moreno é um município brasileiro do estado de Pernambuco. O município é formado pelo distrito sede e pelo povoado de Bonanza.

História[editar | editar código-fonte]

A ocupação do atual município de Moreno provém da faixa de terra comprada, em torno do ano 1616, por dois irmãos portugueses de sobrenome Moreno. A intenção era a instalação de um engenho. Um deles morreu antes da concretização deste projeto. O segundo, Baltazar Gonçalves Moreno, faleceu no dia do funcionamento do engenho. A propriedade foi vendida pelos seus herdeiros a Antônio de Souza Leão. O engenho foi visitado por Dom Pedro II em 18 de dezembro de 1859, quando o proprietário foi agraciado com o título de Barão de Moreno e sua esposa, Maria Amélia de Sousa Leão, com o título de Baronesa.

O desenvolvimento do município ganhou impulso com a instalação da indústria têxtil Societé Cotonière Belge Brésilienne, no início do século XX. O distrito foi criado pela lei municipal nº 126, de 8 de março de 1920, subordinado ao município de Jaboatão dos Guararapes. A emancipação veio através da Lei 1.931 de 11 de setembro de 1928. O município foi instalado em 1 de janeiro de 1929.

A história do município está registrada em suas construções seculares: são 39 engenhos, alguns ainda em atividade, com destaque para o Casarão do Engenho Moreno, onde Dom Pedro II se hospedou. O período da indústria têxtil está registrado nos prédios da Vila Operária, Estação Ferroviária, Mercado Público, Prefeitura, obras que identificam o período da industrialização.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 08º07'07" sul e a uma longitude 35º05'32" oeste, estando a uma altitude de 96 metros. Sua população estimada em 2010 era de 56.696 habitantes segundo o DATASUS. Divide-se em dois distritos, Bonança e Moreno.

Possui uma área de 192,14 km², o que corresponde a uma densidade de 283 hab/km², em dados de 2004.

Economia[editar | editar código-fonte]

As principais atividades econômicas do município são a agropecuária, setor que mais emprega na cidade, com destaques para as culturas de cana de açúcar, coco, banana, inhame, maracujá e acerola. O comércio e a prestação de serviços também têm bastante representatividade na economia local.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Estimativa Populacional 2013. Censo Populacional 2013. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (outubro de 2013). Página visitada em 28 de outubro de 2013.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Página visitada em 09 de setembro de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2011. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 17 dez. 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Pernambuco é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.