Obstáculo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Um obstáculo, ou óbice, é um objeto, coisa, ação ou situação que causa um impedimento, forma uma barreira, cria uma dificuldade, um incômodo ou um transtorno para se alcançar objetivos concretos. Há, portanto, diferentes tipos de obstáculos, que podem ser físicos, econômicos, bio-psico-sócio-culturais, políticos, tecnológicos ou até militar

Barreiras físicas[editar | editar código-fonte]

Mecánico Clásico RCN.jpg
Tgalindoobstaculo.jpg

Como obstáculos físicos, podem-se enumerar todas aquelas barreiras físicas que se interpõem a uma ação e que impedem o progresso ou a consecução de um objetivo concreto. São exemplos:

Barreiras no esporte[editar | editar código-fonte]

Um jovem competidor se apresenta em salto sobre obstáculo a cavalo na Dinamarca.

Na prática de esportes, foram introduzidas nas regras de competição uma variedade de barreiras físicas ou obstáculos, para torná-las ainda mais difíceis e competitivas:

  • no atletismo, existem obstáculos nas provas de corrida de 110 metros e de 3000 metros com barreiras, assim como no salto em altura e no salto com vara;
  • nas competições de hipismo, há também as provas de salto sobre obstáculos;
  • no tênis e no voleibol, se interpõe a rede, como obstáculo que divide a quadra;
  • no ciclismo, motociclismo e automobilismo, se interpõem desenhos de circuitos com traçados difíceis para obstaculizar e tornar mais difícil a competição;
  • nos esportes coletivos, como o futebol, o basquetebol e o voleibol, os jogadores de ataque são obstaculizados pelos jogadores de defesa, que os dificultam a se deslocar ou lançar a bola em direção à trave, cesta ou quadra adversária, e marcar gols ou pontos;
  • em outros esportes, tais como o Parkour, cujo objetivo para o competidor é o de se deslocar de um ponto a outro da maneira mais fluida e rápida possível, pulando os obstáculos da arquitetura urbana que se interponham no caminho.

Barreiras econômicas[editar | editar código-fonte]

Cena comum de emigração durante a seca do Nordeste do Brasil. Aqui, moradores do município de Caraúbas do Piauí são transportados em uma camionete ao estilo "pau-de-arara".

Podem ser definidos como aqueles elementos de carência material que as pessoas podem ter para atingir determinados objetivos, tais como:

O cientista Stephen Hawking, portador de deficiência física, na inauguração do Laboratório de Astronomia e Partículas, em Paris, oportunidade na qual também lançou a versão francesa do seu livro "Deus criou os (números) inteiros" (2006).

Barreiras bio-psico-sócio-culturais[editar | editar código-fonte]

São as barreiras que as pessoas têm de natureza biológica, psíquica, social ou cultural que lhes impedem ou dificultam de alcançar certos objetivos, como por exemplo:

Barreiras políticas[editar | editar código-fonte]

São impedimentos ou dificuldades que grupos de cidadãos, seus representantes políticos, partidos políticos ou países se interpõem, de forma a obstaculizar certas ações dos seus adversários, tais como:

Barreiras tecnológicas[editar | editar código-fonte]

Royal Air Force Short Tucano T1, uma versão modificada do brasileiro Embraer EMB-312 Tucano, construído sob licença da Embraer pela Short Brothers, de Belfast, na Irlanda do Norte. (Junho 2008)

A melhoria das condições de vida de qualquer comunidade humana é desafiada constantemente pela necessidade de tecnologias ainda inacessíveis ou inexistentes, que podem ser adquiridas de outras comunidades que já as tenham desenvolvido, ou por desenvolvimento autóctone, devendo-se suplantar, em ambos os casos, barreiras como as seguintes:

Barreiras militares[editar | editar código-fonte]

O muro de Berlim foi construído na guerra fria como barreira militar. Foto tirada durante sua derrubada, na altura do Portão de Brandemburgo, em 10 de Novembro de 1989.

Quando diferentes comunidades ou países não conseguem desenvolver boas relações de convivência, sendo fronteiriços ou não, por razões econômicas, culturais ou políticas, podem ultrapassar os limites das negociações diplomáticas, criando obstáculos de natureza militar defensivos ou ofensivos aos seus adversários ou inimigos, tais como: