Brasil na Copa do Mundo FIFA de 1970

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Brasil
Campeão
Flag of Brazil (1968-1992).svg
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
Associação CBD
Confederação Conmebol
Participação
Melhor resultado Nuvola apps mozilla.png Campeão: 1958 e 1962
Treinador Brasil Mário Zagallo
Brazil national team 1970.jpg
Escalação da seleção brasileira na partida contra a Inglaterra.

A Seleção Brasileira de Futebol participou pela nona vez da Copa do Mundo FIFA. A então bicampeã mundial se classificara em primeiro lugar em seu grupo nas elimitatórias para a Copa do Mundo. Foi sorteado no grupo 3, onde enfrentou a Inglaterra, a Romênia e a Tchecoslováquia, classificando-se em primeiro lugar. Nas quartas-de-final, venceu o Peru, bateu o Uruguai nas semifinais e conquistou o título vencendo a Itália na final. A equipe brasileira desta copa contava com jogadores de grande prestígio nacional e internacional, como Pelé, Tostão, Rivellino, Gérson, Jairzinho, entre outros, sendo eleita pela revista World Soccer a melhor equipe de futebol de todos os tempos.[1]

Na fase de grupos, o Brasil foi uma das duas equipes — a outra sendo a Alemanha Ocidental — a vencer todas as partidas. Na primeira partida, contra a seleção tchecoslovaca, a seleção brasileira virou o jogo, que teve o placar aberto por Ladislav Petráš, com gols de Rivellino, Pelé e Jairzinho (2). Este jogo ficou marcado por um lance que ficaria conhecido como "o gol que Pelé não fez", quando este chuta a bola em direção ao gol no meio de campo. A Inglaterra foi a segunda adversária do Brasil, vencida pelo placar mínimo, com gol de Jairzinho, partida essa marcada por uma defesa considerada por muitos comentaristas, historiadores e futebolistas como antológica do goleiro inglês Gordon Banks em cabeçada de Pelé.[2][3] O terceiro jogo foi contra a Romênia, vencido pelo Brasil por 3 a 2, com dois gols de Pelé e um de Jairzinho.

Nas quartas-de-final, venceu o Peru, então treinado pelo campeão mundial Didi, por 4 a 2, com gols de Jairzinho, Rivellino e Tostão (2). Contra o Uruguai, nas semifinais, o Brasil venceu de virada pelo placar de 3 a 1, com gols de Clodoaldo, Jairzinho e Rivellino, em uma partida marcada em outro lance famoso de Pelé, no qual ele aplica um drible de corpo no goleiro uruguaio e chuta a bola para fora. A final da Copa foi disputada pelas seleções brasileira e italiana, no Estádio Azteca. A partida foi vencida pelo Brasil, pelo placar de 4 a 1, com gols de Pelé, Gerson, Jairzinho e Carlos Alberto Torres, sagrando-se como a primeira tricampeã mundial de futebol. Por este feito, o país ganhou a posse definitiva da taça Jules Rimet, como estipulado pelas regras da FIFA, Zagallo tornou-se a primeira pessoa campeã de Copa tanto como jogador como quanto técnico e Pelé tornou-se o primeiro e único jogador a vencer três edições de Copa do Mundo.[4][5]

Eliminatórias[editar | editar código-fonte]

As dez seleções sul-americanas participantes das eliminatórias foram divididas em três grupos, A, B e C. O grupo B, no qual a seleção brasileira ficou, contava com quatro equipes, enquanto os demais contavam com três.

Tabela de classificação[editar | editar código-fonte]

Equipe Pts. J V E D GP GC SG
Brasil Brasil 12 6 6 0 0 23 2 21
Flag of Paraguay.svg Paraguai 8 6 4 0 2 6 5 1
Flag of Colombia.svg Colômbia 3 6 1 1 4 7 12 -5
Flag of Venezuela.svg Venezuela 1 6 0 1 5 1 18 -17
L\V Brasil Colômbia Paraguai Venezuela
Brasil 6:2 1:0 6:0
Colômbia 0:2 0:1 3:0
Paraguai 0:3 2:1 1:0
Venezuela 0:5 1:1 0:2

Escalação[editar | editar código-fonte]

Número / Nome Clube à época Jogos (gols)1 Data de nascimento J Gols Penalizado com cartão amarelo Expulso
Goleiros
1  Félix  Brasil Fluminense FC 23 (0) 24 de dezembro de 1937 (32 anos) 6 0 0 0
12  Ado  Brasil SC Corinthians 2 (0) 4 de junho de 1946 (23 anos) 0 0 0 0
22  Leão  Brasil SE Palmeiras 2 (0) 11 de junho de 1949 (20 anos) 0 0 0 0
Defensores
4  Carlos Alberto  Brasil Santos FC 40 (5) 17 de julho de 1944 (25 anos) 6 1 1 0
21  Zé Maria  Brasil SC Corinthians 1 (0) 18 de maio de 1949 (21 anos) 0 0 0 0
6  Marco Antônio  Brasil Fluminense FC 7 (0) 6 de fevereiro de 1951 (19 anos) 2 0 0 0
16  Everaldo  Brasil Grêmio FBPA 8 (0) 11 de setembro de 1944 (25 anos) 5 0 0 0
2  Brito  Brasil CR Flamengo 28 (0) 9 de agosto de 1939 (30 anos) 6 0 0 0
3  Piazza  Brasil Cruzeiro EC 16 (0) 25 de fevereiro de 1943 (26 anos) 6 0 0 0
14  Baldocchi  Brasil SE Palmeiras 1 (0) 14 de março de 1946 (24 anos) 0 0 0 0
15  Fontana  Brasil Cruzeiro EC 6 (0) 31 de dezembro de 1940 (29 anos) 2 0 0 0
17  Joel  Brasil Santos FC 26 (0) 18 de setembro de 1946 (23 anos) 0 0 0 0
Meias
5  Clodoaldo  Brasil Santos FC 7 (0) 25 de setembro de 1949 (20 anos) 6 1 0 0
8  Gérson  Brasil São Paulo FC 54 (11) 11 de janeiro de 1941 (29 anos) 4 1 1 0
11  Rivellino  Brasil SC Corinthians 21 (9) 1 de janeiro de 1946 (24 anos) 5 3 1 0
18  Paulo Cézar  Brasil Botafogo FR 14 (2) 16 de junho de 1949 (20 anos) 4 0 0 0
Atacantes
7  Jairzinho  Brasil Botafogo FR 45 (14) 25 de dezembro de 1944 (25 anos) 6 7 0 0
9  Tostão  Brasil Cruzeiro EC 36 (26) 25 de janeiro de 1947 (26 anos) 6 2 1 0
10  Pelé  Brasil Santos FC 82 (71) 23 de outubro de 1940 (29 anos) 6 4 0 0
13  Roberto  Brasil Botafogo FR 9 (6) 31 de julho de 1943 (25 anos) 2 0 0 0
19  Edu  Brasil Santos FC 29 (0) 6 de agosto de 1949 (20 anos) 1 0 0 0
20  Dario  Brasil Atlético Mineiro 3 (0) 4 de março de 1946 (24 anos) 0 0 0 0
Treinador
  Mário Zagallo     9 de agosto de 1931 (40 anos)

Nota:

  • 1 O número de jogos e gols se referem aos jogos pela Seleção até a data de convocação dos jogadores.

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

Pos. Seleção P J V E D GP GC SG
1 Brasil Brasil 6 3 3 0 0 8 3 +5
2 Flag of England.svg Inglaterra 4 3 2 0 1 2 1 +1
3 Roménia Romênia 2 3 1 0 2 4 5 –1
4 Flag of the Czech Republic.svg Tchecoslováquia 0 3 0 0 3 2 7 –5

Brasil – Tchecoslováquia[editar | editar código-fonte]

3 de junho Brasil Brasil 4 – 1 Flag of the Czech Republic.svg Tchecoslováquia Estádio Jalisco, Guadalajara
20:30
Rivellino Gol marcado aos 24 minutos de jogo 24'
Pelé Gol marcado aos 59 minutos de jogo 59'
Jairzinho Gol marcado aos 61 minutos de jogo 61', Gol marcado aos 83 minutos de jogo 83'
Report Petráš Gol marcado aos 11 minutos de jogo 11' Público: 52 897
Árbitro: UruguaiURU Ramón Barreto
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Brasil
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Tchecoslováquia
G 1 Félix
LD 4 Carlos Alberto Capitão
Z 3 Piazza
Z 2 Brito
LE 16 Everaldo
V 5 Clodoaldo
V 8 Gérson Penalizado com cartão amarelo  Substituído após 62 minutos de jogo 62'
PD 7 Jairzinho
A 9 Tostão Penalizado com cartão amarelo
A 10 Pelé
PE 11 Rivellino
Substituições:
M 18 Paulo Cézar Entrou em campo após 62 minutos 62'
Treinador:
Mário Zagallo
G 1 Ivo Viktor
LD 2 Karol Dobiaš
Z 5 Alexander Horváth Capitão  Penalizado com cartão amarelo
Z 3 Václav Migas
LE 4 Vladimír Hagara
V 16 Ivan Hrdlička Substituído após 46 minutos de jogo 46'
VD 9 Ladislav Kuna
VE 18 František Veselý Substituído após 75 minutos de jogo 75'
V 8 Ladislav Petráš
A 10 Jozef Adamec
A 11 Karol Jokl
Substituições:
M 6 Andrej Kvašňák Entrou em campo após 46 minutos 46'
M 7 Bohumil Veselý Entrou em campo após 75 minutos 75'
Treinador:
Jozef Marko


Bandeirinhas:
Israel Abraham Klein
México Arturo Yamasaki

Brasil – Inglaterra[editar | editar código-fonte]

7 de junho Brasil Brasil 1 – 0 Flag of England.svg Inglaterra Estádio Jalisco, Guadalajara
12:00
Jairzinho Gol marcado aos 59 minutos de jogo 59' Report Público: 66 843
Árbitro: IsraelISR Abraham Klein
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Brasil
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Inglaterra
G 1 Félix
LD 4 Carlos Alberto Capitão
Z 3 Piazza
Z 2 Brito
LE 16 Everaldo
V 5 Clodoaldo
M 11 Paulo Cézar
PD 7 Jairzinho
A 9 Tostão Substituído após 68 minutos de jogo 68'
A 10 Pelé
PE 11 Rivellino
Substituições:
A 13 Roberto Entrou em campo após 68 minutos 68'
Treinador:
Mário Zagallo
G 1 Gordon Banks
LD 14 Tommy Wright
Z 5 Brian Labone
Z 6 Bobby Moore Capitão
LE 3 Terry Cooper
V 4 Alan Mullery
M 8 Alan Ball, Jr.
M 9 Bobby Charlton Substituído após 63 minutos de jogo 63'
M 11 Martin Peters
A 10 Geoff Hurst
A 7 Francis Lee Penalizado com cartão amarelo Substituído após 63 minutos de jogo 63'
Substituições:
M 19 Colin Bell Entrou em campo após 63 minutos 63'
A 22 Jeff Astle Entrou em campo após 63 minutos 63'
Manager:
Alf Ramsey


Bandeirinhas:
México Arturo Yamasaki
França Roger Machin

Brasil – Romênia[editar | editar código-fonte]

10 de junho Brasil Brasil 3 – 2 Flag of Romania.svg Romênia Estádio Jalisco, Guadalajara
16:00
Pelé Gol marcado aos 19 minutos de jogo 19', Gol marcado aos 67 minutos de jogo 67'
Jairzinho Gol marcado aos 22 minutos de jogo 22'
Report Dumitrache Gol marcado aos 34 minutos de jogo 34'
Dembrovschi Gol marcado aos 84 minutos de jogo 84'
Público: 50 804
Árbitro: ÁustriaAUT Ferdinand Marschall
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Brasil
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Romênia
G 1 Félix
LD 4 Carlos Alberto Capitão
Z 3 Piazza
Z 2 Brito
LE 16 Everaldo Substituído após 60 minutos de jogo 60'
Z 15 Fontana
V 5 Clodoaldo Substituído após 74 minutos de jogo 74'
M 18 Paulo Cézar
A 7 Jairzinho
A 9 Tostão
A 10 Pelé
Substituições:
Z 6 Marco Antônio Entrou em campo após 60 minutos 60'
A 19 Edu Entrou em campo após 74 minutos 74'
Treinador:
Mário Zagallo
G 21 Stere Adamache Substituído após 27 minutos de jogo 27'
LD 2 Lajos Sătmăreanu
Z 3 Nicolae Lupescu
Z 5 Cornel Dinu
LE 4 Mihai Mocanu Penalizado com cartão amarelo
V 15 Ion Dumitru Penalizado com cartão amarelo
M 10 Radu Nunweiller
M 7 Emerich Dembrovschi
M 16 Alexandru Neagu
A 9 Florea Dumitrache Substituído após 72 minutos de jogo 72'
A 11 Mircea Lucescu Capitão
Substituições:
G 1 Necula Răducanu Entrou em campo após 27 minutos 27'
A 17 Gheorghe Tătaru Entrou em campo após 72 minutos 72'
Treinadores:
Angelo Niculescu


Bandeirinhas:
Uruguai Ramón Barreto
Bélgica Vital Loraux

Fase final[editar | editar código-fonte]

Quartas-de-final[editar | editar código-fonte]

14 de junho Brasil Brasil 4 – 2 Flag of Peru.svg Peru Estádio Jalisco, Guadalajara
12:00
Rivellino Gol marcado aos 11 minutos de jogo 11'
Tostão Gol marcado aos 15 minutos de jogo 15', Gol marcado aos 52 minutos de jogo 52'
Jairzinho Gol marcado aos 75 minutos de jogo 75'
Report Gallardo Gol marcado aos 28 minutos de jogo 28'
Cubillas Gol marcado aos 70 minutos de jogo 70'
Público: 54 233
Árbitro: BélgicaBEL Vital Loraux
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Brazil
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Peru
G 1 Félix
LE 4 Carlos Alberto Capitão
Z 3 Piazza
Z 2 Brito
LD 6 Marco Antônio
V 5 Clodoaldo
V 8 Gérson Substituído após 67 minutos de jogo 67'
PD 7 Jairzinho Substituído após 80 minutos de jogo 80'
A 9 Tostão
A 10 Pelé
PE 11 Rivelino
Substituições:
A 13 Roberto Entrou em campo após 80 minutos 80'
M 18 Paulo Cézar Entrou em campo após 67 minutos 67'
Treinador:
Mário Zagallo
G 1 Luis Rubiños
LE 2 Eloy Campos
Z 14 José Fernández
Z 4 Héctor Chumpitaz Capitão
LD 5 Nicolás Fuentes
M 6 Ramón Mifflin
M 7 Roberto Challe
A 8 Julio Baylón Substituído após 54 minutos de jogo 54'
A 9 Pedro Pablo León Substituído após 61 minutos de jogo 61'
A 10 Teófilo Cubillas
A 11 Alberto Gallardo
Substituições:
Z 19 Eladio Reyes Entrou em campo após 61 minutos 61'
A 20 Hugo Sotil Entrou em campo após 54 minutos 54'
Treinador:
Brasil Didi


Bandeirinhas:
Áustria Ferdinand Marschall
Hungria Gyula Emsberger

Semifinal[editar | editar código-fonte]

17 de junho Brasil Brasil 3-1 Flag of Uruguay.svg Uruguai Estádio Jalisco, Guadalajara
16:00
Clodoaldo Gol marcado aos 44 minutos de jogo 44'
Jairzinho Gol marcado aos 76 minutos de jogo 76'
Rivellino Gol marcado aos 89 minutos de jogo 89'
Report Cubilla Gol marcado aos 19 minutos de jogo 19' Público: 51 261
Árbitro: EspanhaESP José María Ortiz de Mendibil
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Brazil
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uruguay
G 1 Félix
LE 4 Carlos Alberto Capitão  Penalizado com cartão amarelo
Z 3 Piazza
Z 2 Brito
LD 16 Everaldo
V 5 Clodoaldo
V 8 Gérson
PD 7 Jairzinho
A 9 Tostão
A 10 Pelé
PE 11 Rivelino
Treinador:
Mário Zagallo
G 1 Ladislao Mazurkiewicz
LD 4 Luis Ubiña Capitão
Z 2 Atilio Ancheta
Z 3 Roberto Matosas
LE 6 Juan Mujica Penalizado com cartão amarelo
M 10 Ildo Maneiro Penalizado com cartão amarelo  Substituído após 73 minutos de jogo 73'
M 20 Julio César Cortés
M 5 Julio Montero Castillo
M 7 Luis Cubilla
A 15 Dagoberto Fontes Penalizado com cartão amarelo
A 11 Julio Morales
Substituições:
A 9 Víctor Espárrago Entrou em campo após 73 minutos 73'
Treinador:
Juan Hohberg


Bandeirinhas:
Ucrânia Tofik Bakhramov
Áustria Ferdinand Marschall

Final[editar | editar código-fonte]

21 de junho Brasil Brasil 4 – 1 Flag of Italy.svg Itália Estádio Azteca, Cidade do México
12:00
Pelé Gol marcado aos 18 minutos de jogo 18'
Gérson Gol marcado aos 66 minutos de jogo 66'
Jairzinho Gol marcado aos 71 minutos de jogo 71'
Carlos Alberto Gol marcado aos 86 minutos de jogo 86'
Relatório Boninsegna Gol marcado aos 37 minutos de jogo 37' Público: 107 412
Árbitro: Alemanha OrientalGDR Rudi Glöckner
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Brasil
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Itália
G 1 Félix
LD 4 Carlos Alberto Capitão
Z 2 Brito
Z 3 Piazza
LE 16 Everaldo
M 5 Clodoaldo
M 8 Gérson
A 7 Jairzinho
A 9 Tostão
A 10 Pelé
A 11 Rivelino Penalizado com cartão amarelo
Treinador:
Mário Zagallo
BRA-ITA 1970-06-21.svg
G 1 Enrico Albertosi
LD 2 Tarcisio Burgnich Penalizado com cartão amarelo
Z 8 Roberto Rosato
Z 5 Pierluigi Cera
LE 3 Giacinto Facchetti Capitão
M 10 Mario Bertini Substituído após 75 minutos de jogo 75'
M 13 Angelo Domenghini
A 15 Sandro Mazzola
M 16 Giancarlo De Sisti
A 11 Luigi Riva
A 20 Roberto Boninsegna Substituído após 84 minutos de jogo 84'
Substitutos:
MC 18 Antonio Juliano Entrou em campo após 75 minutos 75'
MC 14 Gianni Rivera Entrou em campo após 84 minutos 84'
Treinador:
Ferruccio Valcareggi

Bandeirinha:
Suíça Rudolf Scheurer
Argentina Ángel Norberto Coerezza

Referências

  1. «Seleção brasileira de 1970 é a melhor de todos os tempos». O Globo. 9 de julho de 2007. Consultado em 7 de dezembro de 2017 
  2. Hattenstone, Simon (30 de junho de 2003). «And God created Pele». The Guardian. Consultado em 8 de dezembro de 2017 
  3. Rice, Simon (9 de junho de 2010). «The 100 greatest World Cup moments». The Independent. Consultado em 8 de dezembro de 2017 
  4. «70 facts about Brazil legend Pele». Goal.com. Consultado em 8 de dezembro de 2017 
  5. «Brazil's heroes of 1970 relive their days of glory». FIFA.com. 10 de junho de 2000. Consultado em 8 de dezembro de 2017 

Ver também[editar | editar código-fonte]