Iproniazida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Estrutura química de Iproniazida
Iproniazida
Star of life caution.svg Aviso médico
Nome IUPAC (sistemática)
N'-isopropylisonicotinohydrazide
Identificadores
CAS 54-92-2
ATC N06AF05
PubChem 3748
DrugBank DB04818
Informação química
Fórmula molecular C9H13N3O
Massa molar 179.219 g/mol
Farmacocinética
Biodisponibilidade  ?
Metabolismo  ?
Meia-vida  ?
Excreção  ?
Considerações terapêuticas
Administração  ?
DL50  ?

Iproniazida (Marsilid, Rivivol, Euphozid, Iprazid, Ipronid, Ipronin) é um inibidor da monoamina oxidase (IMAO) irreversível não-seletivo da classe hidrazina.[1][2] Foi interrompido em quase todo o mundo na década de 1960, mas permaneceu em uso na França até muito recentemente.[3]

Referências

  1. Robert A. Maxwell; Shohreh B. Eckhardt (1990). Drug discovery. [S.l.]: Humana Press. pp. 143–154. ISBN 9780896031807 
  2. Fagervall I, Ross SB (abril de 1986). «Inhibition of monoamine oxidase in monoaminergic neurones in the rat brain by irreversible inhibitors». Biochemical pharmacology. 35 (8): 1381–7. PMID 2870717. doi:10.1016/0006-2952(86)90285-6 
  3. Maille F, Duvoux C, Cherqui D, Radier C, Zafrani ES, Dhumeaux D (outubro de 1999). «[Auxiliary hepatic transplantation in iproniazid-induced subfulminant hepatitis. Should iproniazid still be sold in France?]». Gastroenterol. Clin. Biol. (em French). 23 (10): 1083–5. PMID 10592880