Léo Pelé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Léo Pelé
Informações pessoais
Nome completo Leonardo Pinheiro da Conceição
Data de nasc. 6 de março de 1996 (25 anos)
Local de nasc. Rio de Janeiro (RJ), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,83 m
canhoto
Informações profissionais
Clube atual São Paulo
Número 16
Posição lateral-esquerdo ou zagueiro
Clubes de juventude
2011–2015 Fluminense
Clubes profissionais
Anos Clubes
2013–2018
2016
2018
2019–
Fluminense
Londrina (emp.)
Bahia (emp.)
São Paulo

Leonardo Pinheiro da Conceição, mais conhecido como Léo Pelé ou simplesmente Léo (Rio de Janeiro, 6 de março de 1996), é um futebolista brasileiro que atua como lateral-esquerdo ou zagueiro. Atualmente joga no São Paulo.

Possui esse apelido devido à semelhança física com o craque Pelé.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Fluminense[editar | editar código-fonte]

Léo nasceu no Rio de Janeiro e começou sua carreira de jogador no Fluminense, clube no qual treinou desde a sua juventude nas categorias de base. Ele foi integrado na equipe principal no final do Campeonato Brasileiro de 2013, permanecendo como um substituto não utilizado em três partidas, começando com um empate por 1 a 1 contra a Ponte Preta, no Estádio do Maracanã, em 19 de outubro.[2]

Estreou pela equipe dois anos depois, no dia 13 de setembro de 2015, atuando os 90 minutos na derrota de 1 a 0 para o Sport, válida pelo Campeonato Brasileiro.[3][4] Depois do jogo, ele e o atacante Marcos Júnior foram cobrados por torcedores que falavam "Você precisa sangrar pelo time... aqui não é o Vasco".[5] No total, Léo atuou em 12 partidas pelo Flu entre os anos de 2015 e 2016.

Em 31 de janeiro de 2016, ele fez sua estreia no Campeonato Carioca, começando com uma derrota por 3 a 1 contra o Volta Redonda, no primeiro jogo da temporada. Em 17 de fevereiro, ele renovou com o Tricolor das Laranjeiras até o final de 2019.[6]

Londrina[editar | editar código-fonte]

Em 5 de maio de 2016, o Fluminense emprestou Léo para o Londrina com o contrato até dezembro. O jogador havia prorrogado o seu contrato com o Tricolor, mas perdeu espaço no profissional.[7] Ele estreou pelo Londrina no dia 14 de maio, na abertura da Série B, em uma derrota por 1 a 0 para o CRB. Foram 28 jogos pelo time paranaense, que fez uma boa campanha e encerrou a competição na 6ª posição.[8]

Retorno ao Flumninense[editar | editar código-fonte]

Em 5 de janeiro de 2017, após um bom desempenho no Londrina, o jogador retornou ao Fluminense.[9] Léo voltou a jogar com a camisa Tricolor em 24 de janeiro, no qual, pela Primeira Liga, o Fluminense venceu o Criciúma por 3 a 2.[10] Em 5 de fevereiro, marcou seu primeiro gol na carreira numa vitória por 3 a 0 contra a Portuguesa da Ilha, válida pelo Campeonato Carioca.[11] Atuou a maioria dos jogos na titularidade e ganhou confiança dos técnicos e da torcida, onde atuou em 51 jogos e marcou três gols no seu retorno.[12]

Bahia[editar | editar código-fonte]

Após perder a titularidade na lateral-esquerda para Marlon na reta final de 2017, ficou sem espaço no Fluminense. Assim, no dia 3 de janeiro de 2018 foi anunciado o seu empréstimo para o Bahia, com um contrato até o final do ano.[13] Estreou pela equipe no dia 18 de janeiro, na derrota por 1 a 0 para o Botafogo-PB, válida pela Copa do Nordeste.[14] Experiente e habilidoso, chamou atenção de diversos clubes do Brasil devido à suas boas atuações no Bahia.[15]

São Paulo[editar | editar código-fonte]

Em 5 de dezembro de 2018, foi anunciada a transferência de Léo para o São Paulo em um contrato definitivo de quatro anos, por uma taxa de 3 milhões de reais.[16][17] Dividindo o espaço da lateral-esquerda com Reinaldo, estreou com a camisa do Tricolor Paulista no dia 3 de fevereiro, em uma vitória em casa por 1 a 0 contra o São Bento.[18]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Fluminense
Londrina
Bahia
São Paulo

Referências

  1. Jéssica Rocha (21 de dezembro de 2015). «Léo Pelé fala da semelhança com o Rei do futebol e chance no elenco do Flu». O Dia. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  2. «Em jogo ruim, Flu e Ponte ficam no empate e não reagem na tabela». GloboEsporte.com. 19 de outubro de 2013. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  3. «Sport vence Fluminense, encerra jejum e deixa Tricolor pressionado». GloboEsporte.com. 13 de setembro de 2015. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  4. «Fluminense perde para o Sport e chega a 6 jogos sem vitória no Brasileirão». UOL. 13 de setembro de 2015. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  5. «Após serem cobrados por organizada do Fluminense, Leo Pelé e Marcos Júnior posam para foto com torcedor». Extra. 16 de setembro de 2015. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  6. Patrick Monteiro (17 de fevereiro de 2016). «Fluminense prorroga contrato e altera salário de Léo Pelé». Terra. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  7. Edgard Maciel de Sá (5 de maio de 2016). «Flu encaminha empréstimo de Léo Pelé para o Londrina até dezembro». GloboEsporte.com. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  8. «Após boa passagem pelo Londrina, Léo Pelé se diz mais experiente». LANCE!. 5 de dezembro de 2016. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  9. «Destaque da Série B pelo Londrina, Léo retorna ao Fluminense». Bonde. 5 de janeiro de 2017. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  10. «Mexidas dão certo, Fluminense vira para cima do Criciúma e começa bem a temporada». GloboEsporte.com. 24 de janeiro de 2017. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  11. «Flu ignora campo alagado em Xerém e vence a Portuguesa com facilidade». GloboEsporte.com. 5 de fevereiro de 2017. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  12. «Cria de Xerém, Léo chega a 50 jogos pelo Flu». Site oficial do Fluminense. 26 de junho de 2017. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  13. Fellipe Costa (3 de janeiro de 2018). «Mais um! Bahia anuncia contratação do lateral-esquerdo Léo Pelé». Futebol Bahiano. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  14. «Atual campeão, Bahia leva gol no início e perde para o Belo na estreia do Nordestão». GloboEsporte.com. 18 de janeiro de 2018. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  15. «Lateral do Bahia, Léo prefere não falar sobre rumores de transferência». LANCE!. 27 de novembro de 2018. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  16. «São Paulo anuncia a contratação do lateral-esquerdo Léo Pelé». GloboEsporte.com. 5 de dezembro de 2018. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  17. «Rápido, forte e driblador: conheça Léo Pelé, novo reforço do São Paulo». Terra. 6 de dezembro de 2018. Consultado em 18 de dezembro de 2021 
  18. «Hernanes faz golaço e dá vitória aos reservas do São Paulo em último jogo antes da Libertadores». GloboEsporte.com. 3 de fevereiro de 2019. Consultado em 18 de dezembro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]