Lauren Jauregui

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lauren Jauregui
Lauren em 2013.
Informação geral
Nome completo Lauren Michelle Jauregui Morgado
Também conhecido(a) como Lolo, Lern, Lo, Laur, Lamp
Nascimento 27 de junho de 1996 (21 anos)
Local de nascimento Miami,  Flórida
 Estados Unidos
Nacionalidade norte-americana
cubana
Gênero(s)
Ocupação(ões)
Instrumento(s) Voz
Extensão vocal Contralto
Período em atividade 2012—presente
Outras ocupações Cartunista
Gravadora(s)
Afiliação(ões) Fifth Harmony, Halsey
Influência(s)

Lauren Michelle Jauregui Morgado (Miami, 27 de junho de 1996), mais conhecida como Lauren Jauregui, é uma cantora e compositora cubana-americana. Ela é conhecida por ser integrante do grupo Fifth Harmony. Lauren deu início à carreira após participar da segunda temporada do talent show The X Factor, onde o grupo se conheceu e foi formado. Depois de terminarem em terceiro lugar, as garotas lançaram dois álbuns de estúdio, Reflection (2015) e 7/27 (2016).[1]

Carreira

2012: Fifth Harmony

Após sua audição na versão americana do The X Factor norte-americano, Jauregui se tornou parte do quinteto Fifth Harmony ficando em terceiro lugar. Junto do grupo Lauren tem conquistado muitos prêmios, além de emplacar dois hits mundiais com Worth It e Work From Home com variadas platinas. O primeiro álbum Reflection ficou em quinto lugar na Billboard 200 e seu segundo álbum 7/27 ficou em quarto lugar.

Projetos solo

No dia 9 de dezembro de 2016, Lauren lançou seu primeiro projeto solo: a música "Back to Me", em parceria com Marian Hill.[2] Por ser seu primeiro trabalho fora do grupo, a faixa repercutiu bastante nas redes sociais.[3]

Em 26 de maio de 2017, lançou também uma canção com Halsey chamada Strangers, sendo o segundo single promocional do album Hopeless Fountain Kingdom. Teve muita repercussão devido a letra falar sobre um romance lésbico. A música ficou na posição #100 da Billboard Hot 100.

Vida pessoal

Início da vida

Lauren é descendente de cubanos, sua primeira língua foi o espanhol, só aprendeu inglês mais tarde, na escola. Ela estudou por muito tempo em uma escola católica privada, em Miami, Flórida.

Em 19 de Novembro de 2016 ela se assumiu bissexual, em uma carta aberta que foi publicada na Billboard

Controvérsias

No dia 18 de novembro de 2016, foi publicada na Billboard uma carta aberta a todos eleitores do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, escrita pela artista. No texto, Lauren demonstra sua insatisfação e chama os apoiadores de Trump de "hipócritas". Além disso, a artista se assumiu, declarando-se bissexual ao dizer:[4]

Eu sou uma mulher cubana-americana bissexual e sou orgulhosa disso. Sou orgulhosa de fazer parte de uma comunidade que apenas projeta o amor e a educação e o apoio de um ao outro. Sou orgulhosa de ser neta e filha de imigrantes que bravamente deixaram suas casas para entrar em um novo mundo com uma língua e cultura diferentes e se imergiram sem medo para começar uma vida melhor para eles e suas famílias.

Logo em seguida, Jauregui recebeu diversas mensagens de apoio por toda a internet, inclusive de seu pai, que declarou ser um "pai orgulhoso".[5][6]

Detenção

Em 13 de dezembro de 2016, Jauregui foi notificada por porte de cannabis no aeroporto de Dulles, em Washington. A artista tentava embarcar para o Brasil com as integrantes do Fifth Harmony, já que faria um show no evento FunPopFun, organizado pela Fanta. A droga se encontrava em sua bagagem de mão. Com isso, a cantora ficou em espera para ser interrogada pelas autoridades, o que resultou no seu atraso e perda de seu voo para o São Paulo. As outras quatro integrantes realizaram o show sem Jauregui, e não se manifestaram sobre o ocorrido.[7]

Dois dias depois, a musicista emitiu um pedido de desculpas aos admiradores brasileiros pelo atraso e por não ter comparecido ao show, dizendo que tentaria recompensá-los. Além disso, a artista postou uma declaração sobre o ocorrido, na qual sua advogada afirma que ela não foi sentenciada, e que apenas recebeu uma advertência; na nota, também é dito que a profissional estava a buscar uma forma de resolver isso judicialmente, e que isso não interferiria na agenda e nem na carreira de Jauregui, que terminou a publicação adjetivando a mídia de sensacionalista com a hashtag "#sensationalizedmedia".[8]

Referências

  1. «Lauren Jauregui, do Fifth Harmony, e seus vinte anos de história». Midiodama.com. 26 de junho de 2016. Consultado em 11 de dezembro de 2016.  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  2. «Lauren Jauregui, do Fifth Harmony, lança seu primeiro single solo oficialmente. Ouça "Back To Me".». purebreak.com. 9 de dezembro de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2016 
  3. «Lauren Jauregui, do Fifth Harmony, agradece aos fãs brasileiros após lançar single "Back To Me".». purebreak.com.br. 9 de dezembro de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2016 
  4. Lauren Jauregui (18 de novembro de 2016). «Fifth Harmony's Lauren Jauregui Pens Open Letter to Donald Trump Voters: 'I Am a Bisexual Cuban-American Woman & I Am So Proud of It'». Billboard (em inglês). Consultado em 20 de novembro de 2016 
  5. «Lauren Jauregui, do Fifth Harmony, assume bissexualidade em carta a eleitores de Donald Trump». PureBreak. 19 de novembro de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2016 
  6. «THEMIKEINATOR on Twitter». Twitter. 19 de novembro de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2016 
  7. «Fifth Harmony canta em SP sem Lauren Jauregui, detida por porte de maconha». G1. 14 de dezembro de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2016 
  8. «Integrante do Fifth Harmony pede desculpas aos fãs brasileiros». G1. 15 de dezembro de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2016 

Ligações externas

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikiquote Citações no Wikiquote
Commons Categoria no Commons