Porão do Rock

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Porão do Rock
Logo da Edição de 2016
Período de atividade 1998–atualmente (19 anos)
Local(is) Brasília, Distrito Federal, Brasil
Página oficial www.poraodorock.com.br

Porão do Rock é um festival de música realizado pela primeira vez em 1998 [1]. É realizado anualmente em Brasília, com edições especiais em outras localidades.

História[editar | editar código-fonte]

Brasília tem grande notoriedade no rock brasileiro, sendo casa de bandas como Legião Urbana, Capital Inicial, Plebe Rude entre outros. O objetivo de criar um festival de rock foi prestigiar o rock de Brasília. A primeira edição do festival foi realizado em 1998 e desde então foi realizado anualmente.

Edições[editar | editar código-fonte]

Cronograma[editar | editar código-fonte]

Ano Edição Localidade Endereço
1998[2][3] 1ª Edição Brasília Concha Acústica de Brasília
1999[2] 2ª Edição Brasília Concha Acústica de Brasília
2000[2] 3ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2001[2] 4ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2002[2] 5ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2003[2] 6ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2004[2] 7ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2005[2] 8ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2006[2] 9ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2007[2] 10ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2008[2] 11ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2009[2] 12ª Edição Brasília Esplanada dos Ministérios
2009[4][5] Edição Extra Buenos Aires Niceto Club
2010[2] 13ª Edição Brasília Ginásio Nilson Nelson
2011[2][6][7] 14ª Edição Brasília Ginásio Nilson Nelson
2012[2][8] 15ª Edição Brasília Ginásio Nilson Nelson
2013[2] 16ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2014[2] 17ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2015[2][9] 18ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha
2016[2][10] 19ª Edição Brasília Estacionamento do Mané Garrincha

Programação[editar | editar código-fonte]

Outros Projetos[editar | editar código-fonte]

Além do festival, o Porão do Rock ainda possui outros projetos como as Seletivas para o Porão do Rock, Pílulas, uma rádio chamada Rádio Porão do Rock e Noites PDR.[11]

Referências

  1. Porão do Rock. «Porão do Rock». Porão do Rock. Consultado em 6 de fevereiro de 2017 
  2. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s Porão do Rock. «Edições do Porão do Rock». Porão do Rock. Consultado em 6 de fevereiro de 2017 
  3. Lizandra Pronin. «PORÃO DO ROCK 1998». PorãoWeb. Consultado em 6 de fevereiro de 2017 
  4. Lizandra Pronin (15 de outubro de 2009). «Festival Porão do Rock ganha edição na Argentina». Território da Música. Consultado em 6 de fevereiro de 2017 
  5. Rafael Ribeiro (29 de outubro de 2009). «Resenha: Porão do Rock @ Buenos Aires – Argentina 24/10/09». rockinpress.com.br. Consultado em 6 de fevereiro de 2017 
  6. G1. «Porão do Rock aposta na diversidade e em bandas independentes». G1. Consultado em 6 de fevereiro de 2017 
  7. Renato Acha. «Porão do Rock apresenta 43 bandas no Ginásio Nilson Nelson com entrada franca.». achabrasilia. Consultado em 6 de fevereiro de 2017 
  8. Victor Hunter. «Porão do Rock reúne 30 mil pessoas em 2 dias de festa». rockexpress. Consultado em 6 de fevereiro de 2017 
  9. Leonardo Fernandes (4 de dezembro de 2015). «Porão do Rock chega à 18ª edição». rockexpress. Consultado em 6 de fevereiro de 2017 
  10. G1 (29 de outubro de 2016). «DF tem Porão do Rock neste sábado com Emicida, Ira! e Nação Zumbi». G1. Consultado em 6 de fevereiro de 2017 
  11. Porão do Rock. «História do Porão do Rock». Porão do Rock. Consultado em 6 de fevereiro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.