Festival de Verão Salvador

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o álbum de Margareth Menezes, veja Festival de Verão de Salvador (Margareth Menezes). Para o álbum do Jota Quest, veja Festival de Verão Salvador (Jota Quest). Para o álbum do LS Jack, veja LS Jack - Festival de Verão Salvador.
Festival de Verão Salvador
Apresentação de Ivete Sangalo na edição de 2010.
Período de atividade 1999atualmente (17 anos)
Número de edições 18
Fundador(es) iContent
Local(is) Parque de Exposições
Salvador (BA),  Brasil
Data(s) Janeiro e fevereiro (1999 a 2015)
Novembro (2016)
Gênero(s) Axé, MPB, Pop, World Music, R&B, Hip-Hop, Forró, Rock Alternativo, Pop Rock, Dance-pop, Folk Rock, Reggae, Pagode, Post-grunge, Blues, Hard rock, Samba-reggae, Sertanejo, Funk, entre outros.
Página oficial FestivaldeVerao.com.br

O Festival de Verão Salvador, ou apenas Festival de Verão, é um evento musical brasileiro que ocorre anualmente em Salvador, capital da Bahia. Idealizado em 1998, o festival é produzido pela iContent, uma empresa de entretenimento do grupo Rede Bahia, e sua primeira edição ocorreu em fevereiro de 1999, em homenagem ao aniversário de 450 anos da capital baiana.[1] Até a edição de 2014, durava quatro dias, passando para três na edição de 2015[2] e para dois na edição de 2016, quando também deixou pela primeira vez de ocorrer no Parque de Exposições, mudando-se para a Itaipava Arena Fonte Nova.[3][4]

Considerado um dos maiores eventos musicais do verão brasileiro, o festival é realizado em datas variáveis, entre os últimos dias de janeiro e os primeiros dias de fevereiro, antes do Carnaval e, desde 2016, no fim do ano.[3][4] Sua característica mais marcante é a diversidade musical, devido ao fato de receber artistas dos mais variados gêneros e gerações musicais, brasileiros ou estrangeiros.

Desde 2004, existe uma versão invernal realizada na cidade de Vitória da Conquista, no interior da Bahia, o Festival de Inverno Bahia.

Estrutura[editar | editar código-fonte]

Tem uma forte estrutura, que acomoda uma multidão de pessoas com segurança durante os dias de exibição (estimados em 50 mil), com um palco principal pronto para receber os artistas, além de palcos alternativos espalhados no parque (como por exemplo para música eletrônica, samba, forró, pagode, etc) contando com camarotes e camarins, praças de alimentação e espaços de convivência. Durante o festival, acontecem outros eventos paralelos.

Na edição de 2010, o evento ofereceu todo conforto como caixas eletrônicos, mais de 20 opções de alimentação, 300 sanitários químicos, cinco palcos e exposições culturais sobre os 60 anos do trio elétrico, loja oficial do festival, câmeras de segurança, bares, alimentos desde o sushi ao acarajé, passando pelas culinárias árabe e mexicana, Juizado de Menores, Achados e perdidos, dois postos médicos, unidade de terapia intensiva de plantão, 26 restaurantes e lanchonetes, alguns estabelecimentos aceitando cartões de débito e crédito. A cada dia de shows, 750 policiais militares, 40 policiais civis, 70 bombeiros e 50 comissários do Juizado da Infância e Juventude (1ª e 2ª Varas) estiveram à disposição do público, além dos 586 seguranças particulares presentes.

Atrações[editar | editar código-fonte]

Já passaram pelo Festival artistas e bandas brasileiras de vários gêneros, como:[5] Adelmário Coelho, Caetano Veloso, Nando Reis, Ivete Sangalo (tanto na carreira solo quanto na banda Eva), Timbalada, Araketu, Psirico, Harmonia do Samba, Asa de Águia, Daniela Mercury, Calcinha Preta, Los Hermanos, Arnaldo Antunes, Maria Gadú, Claudia Leitte (tanto na carreira solo quanto na banda Babado Novo), Sandy e Junior, Natiruts, Jota Quest, Banda Calypso, Os Paralamas do Sucesso, Pitty, Titãs, Lulu Santos, Victor e Leo, Cristiano Araújo, O Rappa, Gilberto Gil, Chiclete com Banana, Saulo Fernandes (tanto na carreira solo quanto na banda Eva), Seu Jorge, Rouge, É O Tchan, Pato Fu, Capital Inicial, Skank, Sorriso Maroto, Ira!, Cidade Negra, Jota Quest, KLB, Revelação, Marcelo D2, Gram, Charlie Brown Jr., Rita Lee, NX Zero, Aviões do Forró, Camisa de Vênus, A Cor do Som, Tomate, Jorge & Mateus, Beth Carvalho, Alcione, Frejat (tanto na carreira solo quanto na banda Barão Vermelho), Raimundos, Sepultura, Pavilhão 9, MV Bill, Planet Hemp, Ana Carolina, Luan Santana, Lucas Lucco, Restart, Malta, Pablo, Gusttavo Lima, Paula Fernandes, The Honkers e outros nomes da música brasileira.

Além dos artistas brasileiros, o Festival de Verão de Salvador também recebeu artistas e bandas internacionais, como: Gloria Gaynor, Men at Work, Eagle-Eye Cherry, Fatboy Slim, Ben Harper, James Blunt, Manu Chao, West Life, The Gladiators, Alanis Morissette, Akon, SOJA, Sublime with Rome, Jason Mraz, The Wailers, Ne-Yo e Kesha.

Edições[editar | editar código-fonte]

Em 1999, cenas da novela teen Malhação, exibida pela Rede Globo, foram gravadas durante o Festival de Verão Salvador, com parte do elenco do programa.

O cantor Lazzo abriu a primeira edição do Festival de Verão cantando o hino do Senhor do Bonfim, às 17 horas.

Em 2000, os hits “Anna Júlia”, da banda Los Hermanos, e “Papo de Jacaré”, do grupo P.O.Box, foram as músicas mais tocadas no festival.

Em 2001, uma sirene foi inserida no festival como marca de início e final dos shows do palco principal.

O vocalista da banda Paralamas do Sucesso, Herbert Vianna, sofreu acidente e todos os shows do domingo da 3ª edição do evento foram dedicado a ele.

Em 2002, foi realizado no Festival de Verão Salvador, a Etapa Nordeste do Concurso Top Model, promovido pela Rede Globo para selecionar uma garota para participar da novela Desejos de Mulher. Duas baianas foram as finalistas num programa que contou com a apresentação de Renata Ceribelli e que foi exibido durante o Fantástico. A etapa do Festival contou com dez concorrentes, que desfilaram de biquíni para um corpo de jurados composto por 14 pessoas, entre as quais a estilista baiana Márcia Gannen, a modelo Patrícia Luvifotto, o ator Daniel Del Sarto, a atriz Regiane Alves, entre outros.

O Festival de Verão 2002 foi marcado pelas homenagens prestadas à Cássia Eller, que morreu em 29 de dezembro de 2001. A homenagem do festival foi a exibição do vídeo em que a artista cantava “Malandragem”. Praticamente todos os artistas que participaram do evento dedicaram o show à cantora.

Em 2003, a passarela de acesso ao palco principal foi incorporada ao projeto.

Em 2004, o Festival de Verão abriu espaço pela primeira vez para o heavy metal. O Sepultura apresentou em Salvador o novo trabalho da banda: Roorback.

Seis artistas nacionais estrearam no Festival de Verão Salvador 2005. Foi o ano com o maior números de estreias.

Alguns artistas chegaram a lançar DVDs com os registros de suas apresentações no festival: Margareth Menezes, e as bandas Ara Ketu e Camisa de Vênus (na edição de 2004), o grupo Olodum (em 2005), Carlinhos Brown (em 2006) e a cantora Gloria Gaynor (também em 2006). Alguns shows de artistas baianos que participaram da edição de 2006, como Chiclete com Banana, Asa de Águia, Banda Cheiro de Amor, Daniela Mercury, Banda Eva, Rapazolla e Margareth Menezes, tiveram canções escolhidas para um DVD especial do Festival de Verão, lançado no mesmo ano.

Em 2008, o show da banda O Rappa teve que ser cancelado devido à problemas de saúde do cantor. A banda Charlie Brown Jr. cantou no horário que seria da banda de Falcão. Curiosamente, Charlie Brown já havia se apresentado no primeiro dia do festival daquele ano, tornando-se então a única banda a fazer duas apresentações, no palco principal, em um único ano.

A cantora baiana Ivete Sangalo foi a única artista a participar de todas edições do festival, desde 1999. Na 15ª edição, em 2013, ela foi homenageada por esse feito subindo ao palco vestida de debutante e com direito a valsa acompanhada de 15 artistas baianos.

Até 2015, já havia ocorrido dezessete edições do Festival de Verão, sempre no Parque de Exposições. Em 2016, está previsto para acontecer nos dias 10 e 11 de dezembro, dessa vez na Itaipava Arena Fonte Nova.[3]

Transmissão[editar | editar código-fonte]

A transmissão do Festival de Verão é feita desde a primeira edição em 1999 pela Rede Bahia de Televisão (afiliada da Rede Globo) em estudo próprio na capital para todo estado. A Globo chegou a exibir algumas edições em sua programação para todo o Brasil e para dezenas de países através da Globo Internacional em um compacto com os melhores momentos.[6]

Em 2015, o canal por assinatura Multishow passou a exibir o evento todos os dias e ao vivo.[7]

Equipe[editar | editar código-fonte]

Trabalham ou trabalharam no festival os seguintes profissionais, tanto na transmissão nacional quanto local:

Apresentação: Maria Paula, Daniele Suzuki, Otaviano Costa, André Marques, Fernando Sodake, Camila Marinho, Gustavo José, Andréa Silva, José Raimundo, Jefferson Beltrão, Renan Pinheiro, Patrícia Abreu, Kátia Guzzo, Georgina Maynart, Leandro Ramalho, Ricardo Ishmael, Silvana Freire, Judson Almeida, Jackson Costa, Thiago Mastroianni, Darino Sena, Tino de Jesus, Dalton Soares, Lete Simões, Madalena Braga, Liliane Reis (eventual), Giácomo Mancini, Abel Dias e Alessandro Timbó.
Repórteres: Andréa Silva, Giácomo Mancini, Márcio Canuto, Maria Menezes, Renata Menezes, Pablo Vasconcelos, Leandro Ramalho, José Raimundo, Patrícia Abreu, Renan Pinheiro, Thiago Mastroianni, Darino Sena, Gustavo José, Daniela Carvalho, Fábia Navalho, Acácia Lirya, Valber Carvalho, Renata Scampiranit, Emilly Santana, Diego Lombard, Alice Souza, Bel Costa, Jacqueline Freire, Genildo Lawinscky, Jonny Torres, Wanda Chase, Olga Amaral, Mauro Anchieta, Pedro Canisio, Fernando Sodake, Camila Marinho, Ricardo Ishmael, Silvana Freire, Jefferson Beltrão, Kátia Guzzo, Judson Almeida, Tino de Jesus, Alessandro Timbó, Jackson Costa, Lete Simões, Madalena Braga, Indhira Almeida, Ramon Ferraz, Georgina Maynart, Alexandre Uilliam, Tiago Cesco, Dalton Soares, Elen Vila Nova, Marcelo Bragatto, Mayara Magalhães, Diego Macedo, Thaic Carvalho, Roger Sarmento, Sérgio Pinheiro, Adana Matos, Silvio Santana, Joel Damasceno, Gisa Ramos, George Bonifácio, Matheus Souza de Freitas, Geisy Almeida, Fábio Geynardi, Matheus Bittencourt, Pietro Ramos, Natália Pontes, Adriana Oliveira, Anna Valéria, Jéssica Smetak, Eduardo Oliveira, Rebeca Santos, Taísa Moura e Patrícia Nobre.
Comentaristas: Eduardo Oliveira, Tino de Jesus, Valber Carvalho, Darino Sena, Karen Póvoas, Camila Oliveira e Gustavo José.

Referências

  1. «Festival de Verão Salvador». Relembre as atrações que passaram pelo palco principal. G1. 13/10/2011. Consultado em 5 de junho de 2016. 
  2. Porciuncula, Bruno. (07/07/2015). "Produtora nega mudanças no Festival de Verão". A Tarde. Visitado em 10 de julho de 2015.
  3. a b c «Festival de Verão anuncia datas, local e novidades para a edição 2016». 2016-08-22. Consultado em 2016-08-23. 
  4. a b «Festival de Verão Salvador vai acontecer em novembro de 2016». Consultado em 2016-08-23. 
  5. «Relembre algumas das atrações que já passaram pelo Festival de Verão». G1. 07/01/2014. Consultado em 5 de junho de 2016. 
  6. «Globo irá transmitir o Festival de Verão para todo o mundo». Correio24horas. 26/01/2009. Consultado em 6 de junho de 2016. 
  7. Festival de Verão será transmitido ao vivo pelo canal Multishow

Ligações externas[editar | editar código-fonte]