Cabul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cabul
کابل
—  Cidade  —
Vista de Cabul (2006)
Vista de Cabul (2006)
Cabul está localizado em: Afeganistão
Cabul
Localização de Kabul no Afeganistão
34° 31' 59" N 69° 09' 58" E
País  Afeganistão
Província Cabul
Administração
 - Prefeito Mohammad Yunus Noandesh
Área
 - Cidade 275 km²
 - Metro 425 km²
Altitude 1 790 m (5 873 pés)
População (2009)[1]
 - Cidade 3 573 000

Cabul ou Cábul[2] (em persa: کابل Kābol, AFI: [kɒːbol]; pastó: کابل Kābəl, AFI: [kɑbəl]) é a capital e mais populosa cidade do Afeganistão. Cabul é, também, a capital da província de Cabul. Localiza-se no vale do rio Cabul e tem 3 573 000 de habitantes em sua região metropolitana, de acordo com estimativa oficial de 2009.[1] que inclui tadjiques, hazaras e pachtuns, um número menor de afegãos pertencentes a outros grupos étnicos.[3] É a 64ª maior cidade[4] e a quinta que mais cresce no mundo.[5]

Cabul possui mais de 3 500 anos de idade; foi disputada por muitos impérios sobre o vale para a sua localização estratégica ao longo das rotas comerciais da Ásia Central e Meridional. Fazia-se no extremo leste do Império Medo antes de se tornar parte do Império Aquemênida. Em 331 a.C., Alexandre, o Grande, derrotou os Aquemênidas e a área tornou-se parte do Império Selêucida seguido pelo Império Máuria. Até o século 1 depois de Cristo, tornou-se a capital do Império Kushana. Mais tarde, foi controlado pelo Cabul Shahis, Safáridas, Gaznévidas, Guaridas, e outros.[6]

História[editar | editar código-fonte]

Tem mais de 3 500 anos de história, tendo sido disputada por diversos impérios e reinos, devido à sua posição estratégica ao longo das rotas de comércio da Ásia Meridional e da Ásia Central.[6] É a capital afegã desde 1776.

É reconhecida pela sua recente e turbulenta história. Em 1979, o país foi invadido pela União Soviética, durando o seu domínio aproximadamente dez anos. Com a retirada das tropas soviéticas, deu-se início à guerra civil, sendo dominada pelos talibãs em 1996 e, finalmente, ocupada pela OTAN em 2001. Ultimamente, esses conflitos ganharam um destaque maior perante o mundo, devido ao best-seller The Kite Runner (O Caçador de Pipas) e pelo livro A Thousand Splendid Suns (A cidade do sol), escrito por Khaled Hosseini, que fugiu para os Estados Unidos aos dezessete anos de idade.

Todos estes conflitos acabaram por destruir a cidade, chegando até a haver uma suspensão no fornecimento de água potável e na energia da cidade. Desde o ano de 2003, a cidade tem se vindo lentamente a reconstruir.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b KABUL (capital) 3.573 million (2009), The World Factbook (CIA). 2012-11-27
  2. C.M. (12 de novembro de 2001). Cabul. Ciberdúvidas da Língua Portuguesa. Página visitada em 15 de julho de 2012.
  3. 2003 National Geographic Population Map (PDF). Thomas Gouttierre, Center For Afghanistan Studies, Universidade de Nebraska at Omaha; Matthew S. Baker, Stratfor. National Geographic Society (Novembro de 2003). Página visitada em 24 de novembro de 2013.
  4. Largest cities in the world and their mayors - 1 to 150 (em inglês). City Mayors (17 de maio de 2012). Página visitada em 24 de novembro de 2013.
  5. World's fastest growing urban areas (1) (em inglês). City Mayors (17 de maio de 2012). Página visitada em 24 de novembro de 2013.
  6. a b Nancy Hatch Dupree / Aḥmad ʻAlī Kuhzād (1972). "An Historical Guide to Kabul – The Story of Kabul". American International School of Kabul. Página visitada em 24 de novembro de 2013.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Cabul