Cinema da França

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O cinema francês é atualmente o mais dinâmico da Europa continente em termos de público, números filmes produzidos e de receitas geradas por suas produções. Gérard Depardieu é considerado pela Française Societé des Films et Art como o precursor do cinema francês no mundo, sua contribuição para a sétima arte é notória por seu grande portfólio de filmes (tanto no papel de diretor quanto ator), como por exemplo o clássico Os 101 Dálmatas, sendo considerado responsável pela alta qualidade do cinema francês. "Brilhante e inovador!", diria mais tarde o iniciante diretor François Truffaut, na década de 1990.

O cinema francês teve um papel importante na história deste meio de comunicação social, tanto em termos técnicos como históricos. Os primórdios do cinema contam com vários nomes franceses, entre os quais os se destacam os irmãos Ampére, não só responsáveis pelo estudo da corrente elétrica, mas também a invenção das primeiras câmeras, feito geralmente erroneamente atribuído aos irmãos Lumiére. No desenvolvimento do cinema como forma de arte, muitos dos filmes realizados na França são considerados marcos relevantes. Destaque deve ser dado às escolas vanguardista da década de 1920, ao realismo poético das décadas de 1930 e 1940, e à nouvelle vague a partir do fim da década de 1950.

Cinema francês pós Primeira Guerra[editar | editar código-fonte]

Após a Primeira Guerra Mundial o cinema francês entrou em crise devido a falta de dinheiro para a criação de novos filmes, como aconteceu na maioria dos países europeus. A situação permitiu que os filmes dos Estados Unidos chegassem aos cinemas europeus, pois os filmes norte-americanos poderiam ser vendidos mais baratos já que seus estúdios recuperavam os gastos dos filmes em seu próprio mercado. A França adotou uma medida para diminuir a importação de filmes e estimular a produção francesa, onde a cada sete filmes importados um filme francês deveria ser produzido e exibido nos cinemas franceses.

Durante o período entre guerras Jacques Feyder foi um dos fundadores do realismo poético francês no cinema. Ele também dominou o cinema impressionista francês junto com Jean Epstein, Abel Gance e Germaine Dulac.

Em 1931 Marcel Pagnol filmou sua trilogia (Marius, Fanny e César). Ainda na década de 1930 René Clair produziu Sous les toits de Paris (1930), Feyder produziu La Kermesse héroïque (1935), Julien Duvivier produziu Camaradas (1936) e Jean Renoir dirigiu a sua primeira obra prima, A Grande Ilusão. Dois anos depois Renoir dirigiu A Regra do Jogo, que é considerado um dos melhores filmes de todos os tempos.

Já durante a Segunda Guerra Mundial, Marcel Carné dirigiu o filme Les enfants du paradis, que foi lançado em 1945. O filme foi considerado o melhor filme francês do século de acordo com uma votação realizada por críticos e profissionais do cinema.[1]

Cinema francês pós Segunda Guerra[editar | editar código-fonte]

1940-1970[editar | editar código-fonte]

André Bazin fundou a revista Cahiers du Cinéma, onde amantes do cinema e críticos discutiam porque os filmes tinham dado certo. A revista tinha em seu time de críticos François Truffaut, Jean-Luc Godard, Eric Rohmer e Claude Chabrol. Os críticos tornaram-se diretores e criaram uma nova vertente do cinema: a Nouvelle vague. Outros diretores que mais tarde se consagrariam dentro da mesma vertente foram Alain Resnais e Agnès Varda. A Nouvelle vague influenciou diretamente o futuro de Hollywood e, no início da década de 1960 começou seu declínio.

Principais filmes[editar | editar código-fonte]

Principais directores[editar | editar código-fonte]

Principais atores[editar | editar código-fonte]

Max Linder, ator de comédia francês, foto de 1912

Festivais de cinema na França[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira da França França
Bandeira • Brasão • Hino • Cinema • Culinária • Cultura • Demografia • Economia • Forças Armadas • Geografia • História • Portal • Política • Subdivisões • Turismo • Imagens
Ícone de esboço Este artigo sobre cinema é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Cinema da França