Alain Delon

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alain Delon
Alain no Festival de Cannes (2010)
Nascimento 8 de novembro de 1935 (78 anos)
Sceaux, Borgonha
 França
Ocupação ator
Cônjuge Nathalie Delon (1964 - 1968)- 1 filho / Rosalie Van Bremer (1987 - 2001) - 2 filhos
César

Melhor ator
*Quartos Separados
Outros prêmios


Alain Delon (Sceaux, 8 de novembro de 1935) é um ator francês. Seu primeiro grande sucesso foi O Sol por Testemunha, de 1959.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Alain Delon nasceu na região da Borgonha, próximo a Paris. Quando tinha apenas quatro anos, seus pais, Edith e Fabian, se divorciaram. Delon foi adotado por um casal, mas pouco tempo depois o casal foi assassinado, e Delon retornou para sua mãe verdadeira, agora casada com um outro homem. Neste ponto, tinha uma meia-irmã e dois meio-irmãos. Teve uma infância problemática, sendo expulso de várias escolas. Aos 15 anos parou de estudar e, aos 17 anos alistou-se na marinha francesa, lutando na Indochina.

Em 1956, passou a viver em Paris. Sem dinheiro, trabalhou como porteiro, garçon, vendedor, nessa época, Delon conhece e se torna vizinho da futura cantora, Dalida, e Delon revelou há pouco tempo atrás que os dois haviam tido um caso nessa época, mesmo assim, se tornaram grandes amigos. Em 1957, foi ao Festival de Cannes com o amigo Jean-Claude Brialy, onde chamou a atenção dos presentes pela sua beleza, entre eles David O. Selznick, que lhe ofereceu um contrato, desde que aprendesse a falar inglês. Delon, então, retornou a Paris para aprender inglês, mas lá conheceu o cineasta Yves Allégret, que o convenceu a começar sua carreira na França.

Com ele, Delon fez seu primeiro filme, Uma tal Condessa (Quand la femme s'en mele, 1957). No filme Christine contracenou com a atriz Romy Schneider, e por ela se apaixonou. Em 1959, foram morar juntos, e o relacionamento deles durou cinco anos.

O primeiro grande papel de Delon no cinema foi como Tom Ripley no clássico suspense O Sol por Testemunha (1959), dirigido pelo cineasta francês René Clément, baseado num livro da escritora Patricia Highsmith. Em 1960, Delon atuou em Rocco e Seus Irmãos, dirigido por Luchino Visconti, um dos filmes mais adorados da história do cinema. Ator e diretor tornaram-se amigos e trabalhariam juntos mais uma vez em outro clássico O Leopardo (1963), vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes.

A beleza física de Delon transformou-o em símbolo sexual dos anos 60 e 70. Apesar disso, sempre lutou para ser reconhecido como um grande ator, e não apenas um rostinho bonito. Em 1962, trabalhou com o cineasta Michelangelo Antonioni, no filme O Eclipse, última parte da célebre trilogia da incomunicabilidade desse diretor. Com o cineasta Jean-Pierre Melville, atuou em filmes como Le samouraï (1967), O Círculo Vermelho (1970) e O Expresso para Bourdeaux (Un flic, 1971). Trabalhou ainda com outros grandes cineastas, como Valerio Zurlini, em A primeira noite de tranquilidade (1972), Joseph Losey, em Cidadão Klein (1976) e O Assassinato de Trotsky (1972), Jean-Luc Godard, em Nouvelle vague (1990).

Em 1964, casou-se com a atriz Nathalie Delon, separando-se em 1969, tiveram um filho o ator Anthony Delon. Nos anos seguintes, teve um longo relacionamento com a atriz Mireille Darc. Durante o período em que estava casado com Nathalie ocorreu um escândalo. Em 1968, um dos seus guarda-costas, Stevan Markovic, apareceu morto com um tiro, e as investigações pareciam mostrar envolvimento de Delon e outras personalidades da época no ocorrido.

Em 1973, sua amiga de longa data, a cantora Dalida convida Delon para fazer um dueto com ela, na canção Paroles, paroles, que se tornou um enorme sucesso na época.

Em 1987 conheceu a modelo holandesa Rosalie Van Bremen, durante a exibição do videoclipe de uma canção interpretada por Delon, Comme au cinéma. Os dois iniciaram um relacionamento, mesmo com a diferença de 32 anos entre os dois. Tiveram 2 filhos.

Em 1997, para tristeza dos fãs, Delon anunciou que pararia de atuar, decepcionado com os rumos do cinema francês.

Em 2001 Delon divorciou-se de Rosalie. A separação foi muito difícil para ele, que passou a enfrentar períodos de depressão e confessou ter pensado inclusive em suicídio.

Delon possui vários produtos com seu nome, incluindo roupas, perfumes, óculos e cigarros.

Em 2008 retornou ao cinema no filme Astérix nos Jogos Olímpicos, no papel do conquistador romano Júlio César.

Em 2012 sofreu um AVC.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Diretor Co-estrelas
1957 Quand la femme s'en mêle Jo Yves Allégret Edwige Feuillère, Jean Servais, Jean Debucourt, Bernard Blier
1957 Sois belle et tais-toi Loulou Marc Allégret Mylène Demongeot, Henri Vidal, Béatrice Altariba, Roger Hanin, Darry Cowl, Jean-Paul Belmondo
1958 Christine Franz Lobheiner Pierre Gaspard-Huit Romy Schneider, Jean-Claude Brialy
1959 Faibles femmes Julien Fenal Michel Boisrond Mylène Demongeot, Pascale Petit, Jacqueline Sassard
1960 O Sol por Testemunha Tom Ripley/Philippe Greenleaf René Clément Maurice Ronet, Marie Laforêt, Romy Schneider
1960 Rocco e seus Irmãos Rocco Parondi Luchino Visconti Renato Salvatori, Annie Girardot, Claudia Cardinale
1961 Quelle joie de vivre Ulysse Cecconato René Clément Barbara Lass, Gino Cervi
1961 Les amours célèbres Le duc Albert de Bavière em Agnès Bernauer Michel Boisrond Brigitte Bardot
1962 Le chien François Chalais Elke Sommer, Albert Dinan, Louison Roblin
1962 L'éclipse Piero Michelangelo Antonioni Monica Vitti, Francisco Rabal
1962 Le diable et les dix commandements Pierre Messager Julien Duvivier Danielle Darrieux, Madeleine Robinson
1963 Carambolages M. Lambert Marcel Bluwal Jean-Claude Brialy, Sophie Daumier, Louis de Funès
1963 Mélodie en sous-sol Francis Verlot Henri Verneuil Jean Gabin, Maurice Biraud, Viviane Romance
1963 Il gattopardo Tancrède Luchino Visconti Burt Lancaster, Claudia Cardinale
1964 La tulipe noire Guillaume e Julien de Saint-Preux Christian-Jaque Virna Lisi, Dawn Addams
1964 L'insoumis Thomas Vlassenroot Alain Cavalier Léa Massari, Georges Géret
1964 Les félins Marc René Clément Jane Fonda, Lola Albright
1964 The Yellow Rolls-Royce Stefano Anthony Asquith Shirley MacLaine, George C. Scott
1965 Once a Thief Ralph Nelson
1966 Paris brûle-t-il ? Jacques Chaban-Delmas René Clément Jean-Paul Belmondo, Charles Boyer, Leslie Caron, Jean-Pierre Cassel, George Chakiris, Bruno Cremer, Claude Dauphin
1966 Texas, nous voilà Don Andrea Baldazar dit Baldy Michael Gordon Dean Martin, Rosemary Forsyth, Joey Bishop
1966 Les centurions Philippe Esclavier Mark Robson Anthony Quinn, George Segal, Michèle Morgan
1966 Les aventuriers Manu Borelli Robert Enrico Lino Ventura, Joanna Shimkus
1967 Diaboliquement vôtre Georges Campo Julien Duvivier Senta Berger, Sergio Fantoni
1967 Le samouraï Jef Costello Jean-Pierre Melville François Périer, Nathalie Delon, Cathy Rosier
1968 Adieu l'ami Dino Barran Jean Herman Charles Bronson, Olga Georges-Picot, Brigitte Fossey
1968 Girl on a Motorcycle Daniel Jack Cardiff Marianne Faithfull, Roger Mutton
1968 La piscine Jean-Paul Leroy Jacques Deray Romy Schneider, Maurice Ronet, Jane Birkin
1968 Histoires extraordinaires|William Wilson]] Louis Malle Brigitte Bardot
1969 Jeff Laurent Jean Herman Mireille Darc, Georges Rouquier, Gabriel Jabbour
1969 Madly Julien Dandieu Roger Kahane Mireille Darc, Jane Davenport, Valentina Cortese
1969 Le clan des Siciliens Roger Sartet Henri Verneuil Jean Gabin, Lino Ventura, Irina Demick
1970 Doucement les basses Simon Médieu Jacques Deray Paul Meurisse, Nathalie Delon, Julien Guiomar
1970 Borsalino Roch Siffredi Jacques Deray Jean-Paul Belmondo, Catherine Rouvel, Michel Bouquet, Daniel Ivernel
1970 Le cercle rouge Corey Jean-Pierre Melville Bourvil, Gian Maria Volonte, Yves Montand
1971 Soleil rouge Gauche Terence Young Charles Bronson, Ursula Andress, Toshirô Mifune
1971 Fantasia chez les ploucs aparição Gérard Pirès Lino Ventura, Jean Yanne, Georges Demestre, Mireille Darc
1971 O Assassinato de Trotsky Frank Jackson Joseph Losey Romy Schneider, Richard Burton
1971 La veuve Couderc Jean Lavigne Pierre Granier-Deferre Simone Signoret, Ottavia Piccolo
1972 Un flic Jean-Pierre Melville Catherine Deneuve, Richard Crenna
1972 A primeira noite de tranquilidade Valerio Zurlini
1972 Il était une fois un flic l'homme qui sonne à la porte (sem créditos) Georges Lautner Michel Constantin, Michael Lonsdale, Daniel Ivernel, Mireille Darc
1972 Traitement de choc Doutor Devilers Alain Jessua Annie Girardot, Michel Duchaussoy
1973 Les grands fusils Duccio Tessari
1973 Scorpio Michael Winner
1973 Les granges brûlées Pierre Larcher Jean Chapot Simone Signoret, Paul Crauchet
1973 La race des 'seigneurs' Pierre Granier-Deferre
1973 Deux hommes dans la ville Gino Strabliggi José Giovanni Jean Gabin, Michel Bouquet
1974 Borsalino & Co. Roch Siffredi Jacques Deray Riccardo Cucciolla, Reinhard Kolldehoff
1974 Les seins de glace Marc Rilson Georges Lautner Claude Brasseur, Mireille Darc
1974 Zorro Don Diego de la Vega/Zorro Duccio Tessari
1975 Le gitan Hugo Sennart dit Le Gitan José Giovanni Paul Meurisse, Annie Girardot
1975 Flic Story Roger Borniche Jacques Deray Jean-Louis Trintignant, Claudine Auger, Henri Guybet
1976 Comme un boomerang Jacques Batkin José Giovanni Charles Vanel, Louis Julien, Pierre Maguelon
1976 Armaguedon Doutor Michel Ambroise Alain Jessua Jean Yanne, Renato Salvatori, Michel Duchaussoy
1976 Cidadão Klein Robert Klein Joseph Losey Jeanne Moreau, Francine Bergé, Juliet Berto
1977 L'homme pressé Pierre Niox Edouard Molinaro Mireille Darc, Michel Duchaussoy, Monica Guerritore, Marie Déa
1977 Mort d'un pourri Xavier Maréchal dit Xav Georges Lautner Ornella Muti, Stéphane Audran, Mireille Darc, Maurice Ronet
1977 Le gang Robert dit Le dingue Jacques Deray Nicole Calfan, Adalberto Maria Merli, Maurice Barrier
1978 Attention, les enfants regardent Serge Leroy
1979 Airport 80 Concorde Comandante Paul Metrand David Lowell Rich George Kennedy, Susan Blakely, Robert Wagner
1979 Le toubib Jean-Marie Desprée Pierre Granier-Deferre Véronique Jannot, Bernard Giraudeau, Francine Bergé
1980 Téhéran 43, nid d'espions Foche Alexandre Alov e Vladimir Naournov Natacha Belokhvostikova, Igor Kostolevksy, Armen Djigarkhanian, Claude Jade
1980 Trois hommes à abattre Michel Gerfaut Jacques Deray Dalila Di Lazzaro, Pierre Dux, Michel Auclair
1981 Pour la peau d'un flic Choucas ele mesmo Anne Parillaud, Daniel Ceccaldi, Jean-Pierre Darras
1982 Le choc Robin Davis Catherine Deneuve, Philippe Léotard, François Perrot, Étienne Chicot, Stéphane Audran
1983 Un amour de Swann Barão de Charlus Volker Schlöndorff Jeremy Irons, Ornella Muti, Fanny Ardant
1983 Le battant Jacques Darnay ele mesmo e Robin Davis François Périer, Pierre Mondy, Anne Parillaud
1984 Notre histoire Robert Avranches Bertrand Blier Nathalie Baye, Michel Galabru
1985 Parole de flic Daniel Pratt José Pinheiro Jacques Perrin, Fiona Gélin, Éva Darlan
1986 Le passage Jean Diaz René Manzor Christine Boisson, Jean-Luc Moreau
1988 Ne réveillez pas un flic qui dort Comissário Eugène Grindel José Pinheiro Michel Serrault, Xavier Deluc, Patrick Catalifo
1990 Dancing Machine Gilles Béhat
1990 Nouvelle vague Lui, Roger Lennox e Richard Lennox Jean-Luc Godard Domiziana Giordano, Roland Amstutz, Laurence Côte
1992 Le retour de Casanova Giacomo Casanova Edouard Niermans Fabrice Luchini, Elsa, Wadeck Stanczak
1993 Un crime Maître Charles Dunand Jacques Deray Manuel Blanc, Sophie Broustal, Maxime Leroux, Jean-Marie Winling
1994 L'ours en peluche Jean Rivière Jacques Deray Laure Killing, Alexandra Winisky
1995 Les cent et une nuits de Simon Cinéma Alain Delon, en visite Agnès Varda Michel Piccoli, Marcello Mastroianni, Henri Garcin
1997 Le jour et la nuit Bernard-Henri Lévy
1998 Une chance sur deux Julien Vignal Patrice Leconte Jean-Paul Belmondo, Vanessa Paradis
2000 Les acteurs ele mesmo Bertrand Blier Pierre Arditi, Josiane Balasko, Jean-Paul Belmondo
2001 Fabio Montale (TV) Fabio Montale José Pinheiro Cédric Chevalme, Elena Sofia Ricci
2003 Le Lion (TV) John Bullit José Pinheiro Anouchka Delon, Ornella Muti
2003 - 2004 Frank Riva (TV) Frank Riva Patrick Jamain Jacques Perrin, Sophie Von Kessel
2008 Astérix nos Jogos Olímpicos Julio César Frédéric Forestier e Thomas Langmann Clovis Cornillac, Gérard Depardieu, Benoît Poelvoorde
Portal A Wikipédia possui o
Portal cinema


Prêmio e Indicações[editar | editar código-fonte]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Participou, a partir de 1953, da Guerra da Indochina (1946 - 1954), quando integrava o exército francês.
  • Madonna o homenageou compondo a canção Beautiful Killer, presente em seu álbum MDNA de 2012. Ao final da canção ela diz "Você pode ser um lindo matador... Mas nunca será Alain Delon".

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Alain Delon


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Alain Delon