Jardim Helena

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Distrito paulistano do
Jardim Helena
Área 9,1 km²
População (24°) 153.634 hab. (2010)
Densidade 168,83 hab/ha
Renda média R$ 584,04
IDH 0,751 - médio (91°)
Subprefeitura São Miguel Paulista
Região Administrativa Leste 2
Área Geográfica 3
Distritos de São Paulo Bandeira da cidade de São Paulo.svg

Jardim Helena é um distrito situado no extremo leste do município brasileiro de São Paulo.

O distrito de Jardim Helena foi beneficiada com a construção da Estação Jardim Helena-Vila Mara da CPTM, pois a parte norte da estação pertence a esse distrito. O distrito possui também as estações Itaim Paulista e Jardim Romano (parte norte, pois a parte sul dessas estações pertencem ao distrito de Itaim Paulista). Esse projeto faz parte da modernização da linha 12 da CPTM e beneficiou outras estações da linha. Os moradores da região aguardavam a estação com uma grande expectativa, pois é uma forma de se locomover até lugares mais longes e com menos demora do que o ônibus.

História[editar | editar código-fonte]

A história do Jardim Helena em sua parte leste é a mesma do distrito de Itaim Paulista e a do distrito da Vila Curuçá, o início da exploração pelos portugueses ocorreu no início do século XVII, com a doação de semarias a portugueses. Consta que entre o período de 1610 e 1611, o Bandeirante Domingos de Góes virou "sesmeiro" das terras da região do "boi sentado" que estão localizadas nas proximidades do Rio Tietê. Elas foram passadas para o controle dos padres carmelitas em 1621. Nesse período foi construído uma capela denominada Nossa Senhora da Biacica (esse nome vem do tupi "imbeicica" ou "cipó resistente", facilmente encontrado no rio Tietê), capela essa que é considerada como um marco da colonização da região. Por muito tempo Itaim Paulista e Vila Curuçá e a parte leste do Jardim Helena formavam um bairro só, chamado de "imbeicica", depois houve a separação.

O senso comum dos moradores da parte leste (Jardim Romano, Vila Itaim, e Jardim Aimoré) determina que estes bairros seriam do distrito de Itaim Paulista, o que é desmentido pelos mapas oficiais da Prefeitura de São Paulo.

A parte oeste do distrito tem história semelhante a do distrito de São Miguel Paulista. Teve como núcleo inicial a chamada Capela dos Índios, uma igreja construída no século XVI para o aldeamento de indígenas da região. Tanto que os moradores da parte oeste do distrito (Parque Paulistano e Vila Mara) e até mesmo moradores do centro do distrito por senso comum acreditam que o Jardim Helena faz parte do distrito de São Miguel Paulista. O distrito "Jardim Helena" foi criado há poucas décadas atrás por parte da prefeitura de São Paulo para facilitar a administração. Parte de São Miguel Paulista e de Itaim Paulista (ao norte) se tornaram pertencentes ao distrito de Jardim Helena.

Atualidade[editar | editar código-fonte]

Jardim Helena no extremo leste de São Paulo, é apontado como um dos bairros mais carentes da cidade, ao lado de Jardim Ângela, Grajaú, Pedreira, Campo Limpo, Jardim São Luís e Guaianases.[1]

Referências

  1. Mapeamento das regiões mais vuneráveis da capital, CEM (Centro de Estudos da Metrópole) da USP. 2003
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia de São Paulo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.