Sarah Brightman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Emblem-scales.svg
A neutralidade desse artigo (ou seção) foi questionada, conforme razões apontadas na página de discussão.
Justifique o uso dessa marca na página de discussão e tente torná-lo mais imparcial.


NoFonti.svg
Este artigo ou secção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde abril de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.


Sarah Brightman
Sarah Brightman no concerto Live Heart em 2007
Informação geral
Nome completo Sarah Brightman
Nascimento 14 de Agosto de 1960 (53 anos)
Origem Berkhamsted, Hertfordshire
País Inglaterra Inglaterra
Gênero(s) Pop, Clássico, Rock
Instrumento(s) Vocal
Período em atividade 1978 – presente
Gravadora(s) A&M Records (1993)
East West Records (1995-1997)
Angel Records/EMI (1998-2007)
Manhattan Records/EMI (2008-presente)

(Músicas produzidas pela Nemo Studio

Página oficial Sarah Brightman (em inglês)

Sarah Brightman (Berkhamsted, Hertfordshire, 14 de agosto de 1960) é uma atriz e cantora soprano inglesa.

Vendeu mais de 30 milhões de álbuns e mais de 2 milhões de DVDs,[1] tendo conquistado 160 discos de Ouro e Platina em 34 países. A trilha sonora do musical O Fantasma da Ópera, interpretado por Sarah, vendeu mais de 40 milhões de cópias se tornando um dos álbuns mais vendidos de todos os tempos, sendo o mais vendido do seu gênero musical.[2] Foi a fonte de inspiração para Andrew Lloyd Webber criar o papel de Christine Daaé para o musical The Phantom of the Opera. Possui a habilidade de cantar em várias línguas incluindo inglês, espanhol, francês, latim, alemão, italiano, russo, hindi e mandarim.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Sarah nasceu no dia 14 de Agosto de 1960, na Inglaterra em Berkhampstead, que fica perto de Londres. Filha de Greenville Brightman e Paula Hall é a mais velha de seis irmãos: Nichola, Claudia, Jay, Joel e Amelia. Desde pequena sempre gostou das artes, e aos 3 anos começou a fazer aulas de ballet na Elmhurst Ballet School, e fazendo artes na Arts Educational School. Sendo reprovada no teste de ballet, Sarah foi para a música, e começou suas aulas de canto aos 14 anos no Royal College of Music. Aos doze anos apareceu pela primeira vez em uma peça, dirigida por John Schlesinger, e aos treze fez seu "debut" em musicais, no infantil "I and Albert", no Piccadilly Theatre, em Londres. Aos 18 anos, Sarah entrou no grupo de música e dança "Hot Gossip" e ficou nas paradas do sucesso com a música "I Lost my Heart to a Starship Trooper", sendo considerada um símbolo sexual da Inglaterra. Com todo o sucesso, o nome do grupo mudou para "Sarah Brightman & Hot Gossip". No mesmo ano se casou pela primeira vez, com o produtor da banda "Tangerine Dream" o empresário Andrew Graham-Stewart, mas o casamento não durou muito tempo. Sarah logo saiu do "Hot Gossip", pois necessitava fazer uma carreira mais concreta, porque sabia que o sucesso repentino não duraria muito tempo.


Em 1979, Sarah fez testes para a versão original do musical "Cats" e atuou no papel de "Jemima", uma gata. Nos testes do musical, Sarah conheceu o compositor do mesmo, Andrew Lloyd Webber. Sarah não ficou muito tempo no musical e logo saiu. Separada do primeiro casamento, Sarah se casou com Andrew no dia 22 de Maio de 1984, no dia do aniversário dele. Daí para a frente, ela virou a musa e inspiração para vários musicais de Andrew, sendo assim, ele fez vários musicais para ela, com seu alcance vocal, onde Sarah sempre era a protagonista. Em 1985, Andrew fez uma composição da Requiem Mass em homenagem a seu Pai, que falecera há pouco tempo. O Requiem também foi feito para o alcance vocal de Sarah, e ela cantou juntamente com o tenor espanhol Placido Domingo e o coralista Paul Miles-Kingstom sob a regência do maestro Lorin Maazel. A música principal da Requiem Mass é o "Pie Jesu", e com essa música Sarah foi indicada ao Grammy de Cantora Clássica Revelação, mas não levou o prêmio. Em seguida, Sarah atuou no musical "Song & Dance", também de Andrew, e participou de uma montagem da opereta "A Viúva Alegre" (The Merry Widow), no papel de Valencienne.



Em 1986, Sarah conquistou um dos maiores sucessos de sua carreira, com o musical "O Fantasma da Ópera", atualmente o melhor trabalho de Andrew Lloyd Webber, atuando no papel principal da cantora e bailarina Christine Dáae. O musical estreou em Londres no "Her Majesty's Theatre" com Sarah no papel de Christine, Michael Crawford como o Fantasma e Steve Barton como Raoul. Em 1987 o musical foi para a Broadway, nos Estados Unidos e teve uma repercussão ainda melhor que em Londres. Sarah ficou apenas alguns meses no musical na Broadway e saiu, mas não perdendo o reconhecimento e sendo lembrada até os dias atuais pela sua atuação no Fantasma da Ópera. Ainda em 1987 Sarah atuou em mais musicais de Andrew, "Aspects of Love", no papel principal de "Rose", "Carrousel", no papel de "Carrie", e gravou a música tema do desenho animado "Grandpa". Em 1988, Sarah gravou o primeiro CD solo, "The Trees they Grow so High", um CD muito simples de música folk com arranjos de Benjamin Britten, acompanhadas apenas pelo piano de Geoffrey Parsons.

Em 1989, Sarah lançou seu segundo CD solo, "The Songs that got Away", um CD com músicas que foram, originalmente, compostas para musicais mas nunca entraram neles e também músicas pouco conhecidas de artistas como Stephen Soundheim, Irving Berlin, Leonard Bernstein, Noel Coward, Andrew Lloyd Webber, e Puccini. Este CD foi produzido por Andrew.



Em 1990, Sarah lançou seu terceiro CD Solo, "As I Came of Age", que foi um trabalho bem diferente dos outros dois discos, pois era um álbum pop produzido por Val Garay e possuía apenas duas músicas de Andrew Lloyd Webber, "Love Changes Everything" que era muito conhecida por "Aspects of Love" e "Good Morning Starshine" do musical "Hair".



Em 1990, ainda, Sarah se divorcia de seu segundo marido, Andrew Lloyd Webber, pois acreditava que o trabalho musical que queria fazer era diferente do trabalho de Andrew, mas os dois continuam grandes amigos até hoje, sendo que Sarah continuou cantando as músicas dele. Em 1992, Sarah fez outro grande sucesso, que faria ela ser conhecida por todo o Mundo, cantando na Abertura dos Jogos Olímpicos de Barcelona para mais de 2 milhões de telespectadores, com a música "Amigos para Siempre", um dueto com o tenor Josep Carreras. Esta música também foi composta por Andrew, mas não seria Sarah quem cantaria e sim a cantora Gloria Estefan, mas ela dizia que não tinha timbre para cantar essa música e então foi substituída por Sarah. Ainda em 1992, Sarah lançou outro álbum produzido por Andrew, "Sarah Brightman Sings the Music of Andrew Lloyd", onde ela canta músicas de vários musicais de Andrew adaptadas para a sua voz. O CD ficou famoso e Sarah cantou as músicas dele por vários lugares como a América do Norte, Europa e Ásia.

Em 1992, Sarah sofre um grande trauma em sua vida, quando seu Pai, Greenville Brightman se suicida, pois sofria de uma forte depressão que o levou a cometer o mesmo. Nas entrevistas, Sarah sempre pede para não falar sobre esse assunto, mas diz que sente muitas saudades do pai.

Sarah viu que precisava criar sua própria carreira, sendo independente de Andrew Lloyd Webber, por isso, saiu de Londres, na Inglaterra e foi morar em Los Angeles, nos Estados Unidos, deixando a carreira nos musicais para criar seu próprio trabalho. Ela ficou muito tempo estudando Canto e técnicas vocais para melhorar sua voz.

em 1993 começou a trabalhar com o compositor e produtor, Frank Peterson, que já havia feito grandes trabalhos com a banda Enigma e a cantora Enya, Frank sempre foi famoso por misturar o estilo clássico com estilos contemporâneos, como o Rock e o Pop, e era isso que Sarah sempre quis fazer, então, Frank se tornou seu produtor e com o passar do tempo, os dois começaram a namorar. Em 1993, ainda, Sarah lança seu primeiro álbum produzido por Frank, "Dive", um CD temático com canções que lembram o mar e as águas, este CD é bastante Pop e suas principais músicas são "Captain Nemo" e "Once in a Lifetime". "Dive" ganhou um disco de Platina no Canadá.

Em 1995, Sarah lança uma coletânea de Andrew, "Surrender", onde estão músicas de vários musicais que Sarah participou. Ainda neste ano, Sarah lança seu segundo disco produzido por Frank Peterson, "Fly", um CD Pop com música clássica que fez muito sucesso na Europa e nele contém a música "A Question of Honour" que Sarah cantou na última luta do famoso boxeador americano Henri Maske. O CD possui duetos com Chris Thompson e Tom Jones.


Em 1997, Sarah lança o maior sucesso de sua carreira até os dias atuais que fez ela ser reconhecida por todo o mundo e ser tão famosa como é, a música "Time To Say Goodbye" (Con te Partirò), dueto com o tenor italiano Andrea Bocelli. O Single da música vendeu mais de 12 milhões de cópias. Neste mesmo ano, Sarah lança mais um disco, "Timeless", mas que na América foi lançado com o nome "Time To Say Goodbye", este álbum contém o dueto com Andrea Bocelli, ganhou 20 discos de ouro e platina no mundo todo. "Timeless" é um CD bem clássico com algumas passagens Pop, possui regravações de músicas de vários artistas, compositores e bandas como Queen (Who Wants to live Forever), Giacomo Puccini" O Mio Babbino Caro e Gipsy King (Tu Quieres Volver). As músicas são acompanhadas pela Orquestra Sinfônica de Londres. Sarah fez uma pequena turnê do CD que se chama "A Timeless Evening with Sarah Brightman" que passou pela Inglaterra e Alemanha e seu concerto foi gravado no DVD "Sarah Brightman In Concert - Live at the Royal Albert Hall".

Em 1998, Sarah participou de um concerto de Natal em Viena, na Áustria cantando com Plácido Domingo, Helmut Lotti e Riccardo Cocciante. Neste concerto, Sarah canta vários duetos com os artistas e uma música solo, "First of May", do Bee Gees. O concerto foi gravado em CD, DVD e VHS, e se chama "A Gala Christmas In Vienna". Sarah também participou do show em comemoração dos 50 anos de Andrew Lloyd Webber em Londres, no Royal Albert Hall com outros grandes nomes internacionais da música e do cinema como Elaine Paige, Bonnie Tyler, Dame Kiri te Kanawa, Antonio Banderas, Glenn Close e Michael Ball. Sarah canta as músicas: "Hosanna" e "Pie Jesu" do Requiem e "The Phantom of the Opera" (Dueto com Antonio Banderas), "All I Ask of You" (Dueto com Michael Ball) e "The Music of the Night" do Fantasma da Ópera.



Ainda em 1998, Sarah lança mais um disco, "Eden", produzido por Frank Peterson. Neste disco, Sarah mergulha na mistura da música clássica com o Pop e canta várias árias clássicas como "Lascia Ch'io Pianga", de Haendel e "Nessun Dorma" de Puccini. Outros grandes sucessos também estão inclusos no disco como as músicas "Dust In The Wind" do grupo Kansas, "Il Mio Cuore Va", em versão italiana de "My Heart Will Go On" de Céline Dion, tema do filme "Titanic") e "Nella Fantasia" (Ennio Morricone). O CD "Eden" teve a sua turnê, "One Night in Eden Tour" que passou pela África do Sul, E.U.A, Europa e Ásia e o show foi gravado no DVD "One Night In Eden - Live in Concert". Foi o seu primeiro espetáculo com proporções maiores de palco e efeitos visuais. Contava com seis bailarinos, uma banda, e com a participação especial da Orquestra Nacional Inglesa. Também foi o primeiro show em que Sarah "voou" no palco suspensa por cabos, efeito esse que usaria exaustivamente em suas futuras produções. O DVD com a gravação do concerto em Sun City na África do Sul carrega o nome da turnê e pode ser facilmente achado em lojas nacionais 'One Night In Eden Tour' passou pela África do Sul, Estados Unidos, Europa, Ásia e Austrália.


Em 2000, Sarah lança o CD "La Luna" onde ela escolheu canções de desenho sobre influências pop, jazz vintage, e ópera, em homenagens a Dvořák ,Beethoven e Billie Holiday. "La Luna" é um álbum bem místico e traz um lado bem divino, com grande dramaticidade. Neste álbum, Sarah canta grandes sucessos como "A Whiter Shade of Pale", "Scarborough Fair" e uma "Hidden Track" que pode ser ouvida minutos após a última faixa do álbum, a música "La Luna", esta faixa perdida é a bela canção "Moon River", eternizada na voz de Audrey Hepburn no filme "Bonequinha de Luxo". "La Luna" também chegou ao número 1 no US Billboard Top Albums Internet e alcançou a posição n# 17, com 900.000 cópias vendidas nos Estados Unidos alcançando ouro. Em 2000, Sarah vendeu mais discos do que Elton John e os Rolling Stones, tornando-se o mais vendido dos Estados Unidos. Em 2000, começa a "La Luna World Tour" e é gravado pela PBS o especial "La Luna - Live In Concert", virando este o registro oficial da turnê. A turnê mundial contava com a participação especial de Josh Groban que na época ainda não era conhecido do público. No final de 2001, a revista Billboard elegeu Sarah como o mais importante artista classical crossover do Reino Unido. Durante os shows da "La Luna World Tour", era vendido um álbum que se chamava "Fly II" que continha vários remixes de músicas lançadas por Sarah como "How Can heaven love me" e "Once In a lifetime" além de gravações nunca lançadas por Sarah como "In the Nile" e "The Desert Rose" e um remix da música "I Lost my Heart to a Starship Trooper" para o filme "Starship Troopers". O álbum Fly II foi uma edição limitada vendida em shows e hoje tornou-se um artigo caro de colecionador, seu disco mais difícil de achar para comprar.

Ainda em 2000, Sarah se aventurou pela primeira vez no cinema atuando, quando ela fazia parte do elenco do filme alemão "Zeit der Erkenntnis", baseado em livro de Rosamunde Pilcher. Também em 2000, foi lançada uma coletânea de Sarah produzida por Frank Peterson, o CD "The Very Best of 1990 - 2000" com as melhores músicas de Sarah desde que começou a trabalhar com Frank até o ano 2000 como "Time to Say Goodbye", "A Whiter Shade of Pale" e "Deliver Me".


Em 2001, Sarah lança o CD "Classics", uma antologia incluindo destaques de três dos lançamentos no topo das paradas de Brightman, juntamente com sete novas faixas. foi lançado em todo o mundo, exceto a Europa. Nos EUA o álbum alcançou a posição #66 de 200 paradas do Billboard e foi prontamente disco de ouro. Ele chegou ao número #2 nas paradas da Billboard Classical Crossover. Em 2000 e 2001, Sarah ficou entre os 10 melhores artistas britânicos mais populares nos EUA, com vendas de shows arrecadando 720.000.00 dólares de 34 shows em 2000 e mais de 5 milhões de dólares dos 21 shows em 2001.

Em 2002, foi lançado um álbum chamado "Encore" com o nome de Sarah, mas como muitos pensam, este CD não foi lançado por ela, mas sim pela Really Usefull Group, a produtora de Andrew Lloyd Webber. O CD é mais uma coletânea com músicas de Andrew cantadas por Sarah e 4 gravações antigas nunca lançadas.


Em 2003, Sarah lança o CD "Harem", que mistura música árabe com ritmos Pop e teve grande repercussão no Oriente Médio. Sarah fez uma grande divulgação deste álbum, divulgando-o pelo mundo todo, incluindo o Brasil, onde fez uma sessão de autógrafos na FNAC em São Paulo e se apresentou em programas de TV como o Hebe Camargo e Jô Soares. No mesmo ano foi lançado o DVD "A Desert Fantasy" que contém os videoclipes do disco Harem, gravados no Egito e Marrocos.

Em 2004, Sarah concebe sua maior turnê até os dias atuais, "Harem World Tour", que passou pela América do Norte, Europa e Ásia. O Concerto era visualmente bastante colorido e cheio de segmentos. Ganhou o prêmio de inovação tecnológica de shows em função de seu sofisticado controle de iluminação digital. O espetáculo foi registrado no DVD "Harem World Tour - Live from Las Vegas", dirigido por David Mallet e gravado na arena do luxuoso hotel MGM Grand Las Vegas. A arrecadação da turnê foi de 60 milhões de dólares e mais de 800 mil ingressos vendidos .

Em 2004, Sarah termina seu namoro com Frank Peterson, mas mantendo a amizade. O último álbum produzido por ele viria ser "Symphony" em 2008.



Nos shows da Harem World Tour, era vendido um álbum que se chamava "Harem Tour - Limited Edition" que continha várias gravações nunca lançadas por Sarah ou que deveriam entrar em algum álbum mas acabou não acontecendo, como foi o que aconteceu com as músicas "Watermark" (que seria para o CD Timeless) e "Forbidden Colors" (que seria para o CD La Luna). Neste disco há também participações especiais em CDs de outros artistas, como "Gregorian", cantando as músicas "Voyage, Voyage", "Join Me" e "Don't Give Up", e "Schiller" cantando a música "The Smile". Este CD é um dos mais difíceis de se achar para vender, pois era vendido em edição limitada.

Em 2005 foi lançada mais uma coletânea de Andrew Lloyd Webber com músicas cantadas por Sarah, o álbum "Love Changes Everything - The Andrew Lloyd Webber Collection Volume 2" que era uma continuação da coletânea "The Andrew Lloyd Webber Collection Volume 1", lançada em 1997.

Em 2006, Sarah lança o álbum "DIVA - The Songs Collection" que é uma reunião dos maiores Hits de Sarah como "Pie Jesu", "Phantom of the Opera" e "Time to say Goodbye". Acompanhava o CD, o DVD "DIVA - The Video Collection" que traz os melhores videoclipes de Sarah como "Phantom of the Opera", "Time to say Goodbye" e "Harem". No DVD continha uma entrevista antes de cada clipe, contando curiosidades de como foram as gravações.

Em 2007, Sarah ganhou o "Bambi Awards" onde cantou "Time To Say Goodbye" com Andrea Bocelli. Participou do "Classical Brit Awards" de 2007 e cantou na abertura da cerimônia da IAAF Green Project com a música "Running" em Osaka, no Japão. Gravou juntamente com o cantor Chris Thompson o tema do 10º filme da série Pokémon, a música "I Will be with You (Where the lost ones go)" da cantora Sissel.

A partir de 2005, Sarah havia anunciado que estava trabalhando em um novo projeto, algo diferente de tudo o que já havia feito, e desde então começou a fazer várias gravações aleatórias com vários artistas, como os tenores italianos Alessandro Safina e Andrea Bocelli, o contratenor argentino Fernando Lima e o vocalista da banda Kiss o americano Paul Stanley. Sarah anunciou que seria um CD gótico com uma temática mais sombria.



Em 2007, Sarah estava participando das gravações de um filme de terror-musical, produzido pelo mesmo diretor de "Jogos Mortais", o filme se chama "REPO! The Genetic of the Opera" que conta a história do mundo no ano de 2056, onde uma terrível epidemia de falência de órgãos começa a destruir a humanidade que havia acabado com toda a natureza em favor do progresso. Em meio a isso, surge a "GeneCo", uma empresa que financiava órgãos para as pessoas doentes, mas aqueles que não pagavam suas dívidas em dia eram assassinados pelos "Repo Men", que eram assassinos que arrancávam os órgãos dessas pessoas e os levavam de volta para a GeneCo. Sarah Brightman atua no filme no papel da cantora e "garota-propaganda" da GeneCo, Blind Mag.



Em 10 de setembro de 2008, Sua Alteza Real o Príncipe de Gales, destacou a necessidade urgente de ação para deter o desmatamento tropical. O príncipe convidou Sarah para cantar no evento que organizou na Mansion House, para envolver a comunidade financeira na tarefa de encontrar uma solução para o problema de fazer as florestas valerem mais vivas do que mortas. A música executada era Nella Fantasia (usada na trilha sonora do filme "The Mission" e letrada por Sarah com autorização de Ennio Morricone quase uma década atrás.), o príncipe declarou a música, um hino às florestas tropicais.

em 16 de janeiro de 2008, Sarah grava na Catedral de Santo Estêvão em Viena, um especial para PBS somente para convidados, intitulado "Sarah Brightman - Symphony Live in Vienna". Executando canções de seu novo álbum que ainda não havia sido lançado. Os convidados especiais que cantaram duetos com Sarah incluem tenor italiano Alessandro Safina , contratenor argentino Fernando Lima, e o cantor britânico Chris Thompson. Infelizmente esse é o único registro de show em DVD da era "Symphony".

Em 29 de janeiro de 2008, Sarah lançou seu primeiro álbum em cinco anos: "Symphony" , influenciado pelo clima gótico e sombrio. Nos Estados Unidos, tornou-se o álbum mais bem sucedido de Brightman e também seu maior álbum classificado no "Top 200 Albums" da Billboard. Foi também um álbum número #1 em duas outras paradas da Billboard, "Top Internet Albums" e "Top Classical Crossover Álbuns". Nos Estados Unidos, o álbum vendeu 32.033 cópias na primeira semana, de acordo com a Nielsen Soundscan. O álbum foi multi-platina na China, Taiwan, Canadá, México, Japão e Polônia, e um top 20 em toda a Europa. Com músicas misturando o clássico com o Rock 'n' Roll. os grandes destaques do disco são "Fleurs du Mal" e "Running". O CD possui vários duetos: "Canto Della Terra" com Andrea Bocelli, "I Will be with You" com Com Paul Stanley, "Sarai Qui (There'll be)" com Alessandro Safina e "Pasiòn" com Fernando Lima (tema da novela mexicana "Pasión").

No dia 25 de Maio de 2008, Sarah foi convidada de honra pelo governo americano e cantou "Pie Jesu" e "There You'll be", no United States Memorial Day, concerto realizado no gramado oeste do Capitólio dos Estados Unidos, em Washington DC. O concerto foi transmitido ao vivo pela PBS, bem como para as tropas americanas que servem ao redor do mundo no American Forces Radio and Television Network. Foi um espetáculo solene e triste, durante a apresentação de Sarah foram mostradas imagens de soldados que morreram na guerra e imagens ao vivo de suas famílias em frente ao palco emocionadas. Eram projetados num domo sob Sarah e a orquestra, o nome de todos os soldados americanos mortos em combate.

Em 2008, Sarah participou do "Classical Brit Awards" de 2008, no Royal Albert Hall em Londres, e cantou as músicas: "Canto Della Terra" com Andrea Bocelli e "Pie Jesu".

Em Agosto de 2008, Sarah faz outro grande sucesso no mundo todo cantando novamente na Abertura de uma Olimpíada, mas desta vez, em Pequim na China, cantando a música "You and Me" que é um dueto com o cantor chinês "Liu Huan". Sarah foi assistida na abertura dessa olimpíada por mais de 4 bilhões de pessoas, conquistando a admiração de muitas pessoas em todo o mundo.

Em 08 de agosto de 2008, Sarah Brightman pela segunda é responsável por dar corpo à um tema olímpico e cantar a música tema dos Jogos Olímpicos de Pequim, "You and me", com a estrela chinesa Liu Huan. Ambos cantaram tanto em Mandarim quanto em Inglês. Isso veia engrandecer ainda mais o prestigio, popularidade e reconhecimento de Sarah no país asiático. O desempenho foi transmitido para mais de cinco bilhões de telespectadores. Nos 26 horas após a performance, "You and Me" na abertura das Olimpíadas, o vídeo foi baixado 5,7 milhões de vezes.

Em 4 de novembro de 2008, Brightman lançou seu primeiro álbum de Natal, intitulado "A Winter Symphony", que fez um grande sucesso, por consequência das Olimpíadas de Pequim, onde ela ficou ainda mais conhecida por todo o Mundo. O disco traz canções natalinas bem tradicionais como "Amazing Grace", "When a Child is Born" e "Jesu, Joy of Man's Desiring". Há dois duetos no álbum: um dueto com o tenor grego Mario Frangoulis, cantando a música "Carpe Diem" e outro com o contratenor argentino Fernando Lima, cantando uma versão diferente e em espanhol da música "Ave Maria". Há também um DVD do "A Winter Symphony" com um Making of do CD, falando das gravações, fotos, da sua experiência nas Olimpíadas de Pequim e a preparação para a "Symphony World Tour" tudo isso em entrevista com Sarah. Há também uma galeria com várias fotos e uma apresentação de 4 músicas do álbum Symphony durante o "Fashion On Ice", numa pista de gelo, essas músicas foram: "Fleurs Du Mal", "Symphony", "Let It Rain" e "Running", o álbum estreou no número #38 na Billboard Top 200 e marcou um número seis no Top Albums de Natal, sendo a primeira entrada para Brightman nesta tabela. Para acompanhar "Symphony" e "A Winter Symphony", Brightman embarcou em uma turnê no Outono de 2008, "The Symphony World Tour" apresentou a nova tecnologia e inovadora, com cenários virtuais e holográficos que nunca tinha sido visto antes em qualquer produção concerto em turnê.



Sarah começa a Symphony World Tour, que passou pelo México, Estados Unidos e Canadá no fim de 2008, e no Japão, China, Taiwan, Indonésia e Malásia no começo de 2009. A turnê trouxe grandes sucessos de Sarah além de contar com uma tecnologia holográfica que faziam do concerto uma experiência mágica e inesquecível com Sarah. A turnê teve a participação de Alessandro Safina no México e na Ásia, Mario Frangoullis nos E.U.A e Canadá, Fernando Lima no México, E.U.A e Canadá e Liu Huan na Ásia. Não houve nenhum registro em vídeo dessa turnê.


Em Outubro de 2009, Sarah montou uma pequena turnê pela América do Sul e México, que se chama "In Concert South America Tour", cantando os maiores sucessos da sua carreira especialmente para esses países que nunca receberam nenhuma de suas turnês. O concerto era simples, composto por uma banda, uma orquestra clássica e um coro, tudo isso iluminado por um preciso jogo de luzes. Esta turnê foi formatada para os fãs da América do Sul que nunca receberam uma turnê de Sarah. Poderia se dizer que este show teve um dos melhores repertórios de sua carreira, pois cantou quase todos os seus sucessos. Infelizmente não há registros deste espetáculo, apenas vídeos amadores. A Turnê começou no México, no "Festival Internacional Chihuahua" onde no encerramento do mesmo, Sarah apresentou o show. A turnê se seguiu na Argentina, no Brasil, Chile, Peru, Venezuela e voltou para o México, onde se encerrou com um grande show na pirâmide de Kukulcán em Chichén Itzá.

No começo de 2010, Sarah fez outra pequena turnê, "Sarah Brightman In Concert with Orchestra", que passou apenas pelo Japão, onde ela cantou várias composições clássicas como "Nessun Dorma" e "La Wally". Houve uma filmagem da turnê para uma emissora de TV Japonesa, em um show no Templo Todaiji, mas só foram filmadas 5 músicas: "Nessun Dorma", "Nella Fantasia", "Time to say Goodbye", "Running" e "Ave Maria".

No dia 14 de Agosto de 2010, Sarah completou 50 anos de vida e mandou uma mensagem para seus fãs em seu Site Oficial, dizendo que comprou uma passagem para o "Turismo no Espaço" que iria começar a fazer os testes com as naves e dentro de 18 meses começariam as primeiras excursões para o espaço. Ela disse também que a partir de agora começaria a fazer outros trabalhos que não envolvessem tanto a música, ela comprou a autoria de alguns livros e pensa ser diretora de cinema, pois sempre gostou disso, mas disse também que nunca abandonaria a música.



Em 2009, Sarah começou a participar de filmagens para o seu primeiro filme não-musical, "Cosi - The First Night", uma comédia romântica baseada na Ópera "Cosi Fan Tutte" de Mozart. Sarah interpreta o papel de "Celia", uma maestrina. O filme foi lançado em Fevereiro de 2011 no Festival Glascow.


Em fevereiro de 2012, Sarah foi nomeada como artista da Unesco para a paz em cerimônia realizada em Paris pelo período de 2012 - 2014. Pelo seu comprometimento com causas humanitárias, sua contribuição, através de sua carreira artística, promovendo diálogo entre as diversas formas culturais, além de sua dedicação aos focos e ideais da Organização.

Em agosto de 2012, foi noticiado que Sarah Brightman tinha recebido aprovação médica da Rússia, para iniciar o treinamento espacial de cosmonauta em Star City , para tornar-se uma das únicas celebridades a viajar na nave espacial russa Soyuz para visitar a Estação Espacial Internacional ( ISS) , em 2015.



Em outubro de 2012, um vídeo de divulgação em seu canal oficial no site You Tube, mostra Sarah convidando os fãs e o mundo para um anuncio inovador ao vivo. E em 10 de outubro de 2012, em uma conferência de imprensa em Moscou foi anunciando sua intenção de lançar em um futuro vôo espacial orbital em missão para a Estação Espacial Internacional(ISS) em parceria com a Space Adventures Ltd. Sarah Brightman fará parte de uma equipe de três pessoas a bordo da nave Soyuz TMA- 18M em 2015. Uma vez na ISS que ela vai orbitar a Terra 16 vezes por dia e pretende tornar-se o primeiro músico profissional a cantar a partir do espaço . A programação final da sua viagem à estação espacial será determinado pela Roscosmos e os parceiros da ISS nos próximos meses .


Em conjunto com o seu papel como artista da UNESCO e embaixadora da paz , a vida de Brightman a bordo da estação espacial , exige que o consciente , o consumo compartilhado de recursos e um foco claro e firme sobre a sustentabilidade será um modelo de como podemos melhor habitam nosso planeta. Durante o seu mandato de 10 dias estimada a bordo da estação espacial, Brightman vai defender o mandato da UNESCO para promover a paz eo desenvolvimento sustentável para garantir o futuro da Terra. Além disso, Sarah usará este caminho para fazer avançar a educação feminina e capacitação em ciência e tecnologia em um esforço para ajudar a fechar o hiato de gênero na STEM ( Ciência, Tecnologia , Engenharia e Matemática ) campos.

Em 17 de dezembro de 2012, foi anunciado que o 11º álbum de estúdio de Sarah, Dreamchaser (Perseguidora de Sonhos) , agora será lançado na América do Norte em abril de 2013, em vez de no final de 2012, como inicialmente previsto . Consequentemente, as datas da turnê norte-americana foram transferidos da primavera de 2013, para o outono de 2013.

No início de 2013, Sarah fez uma viagem ao Japão e China, onde ela gravou vários especiais de TV, onde ela cantou "One Day Like This" (segundo single de “Dreamchaser”), "Running" e "Time To Say Goodbye", visitou muitas partes de Tóquio, falou na escola das meninas Keika , e visitou lugares como o Kaminarimon gate em Asakusa eo Templo de Senso- ji. Sarah foi convidada para o Ano Novo Chinês e cantou "Scarborough Fair" e "Nessun Dorma", para um especial da TV.


Em 26 de janeiro, Sarah foi convidada de honra para a performance de gala dos 25º aniversário do musical O Fantasma da Ópera, na Broadway em Nova York, no Marquee Theatre, onde ela aceitou a proclamação nomeando 26 de janeiro o The Phantom Of The Opera Day e onde ela cantou " The Phantom of the Opera " com cinco fantasmas . Musical esse que consagrou-a como a eterna Christine Dáae.

Para promover seu álbum de “Dreamchaser”, Sarah viajou para China e Japão , em fevereiro , na Alemanha , em março, Estados Unidos em abril e para o México no início de maio. Em meados de março vaza em uma conta não oficial no You Tube, um vídeo até então que aparenta ser uma “versão crua” do vídeoclipe do segundo single do “Dreamchaser”, “One Day Like This”, com imagens de Sarah preparando chá e caminhando entre as pessoas na rua, com capacete de astronauta abaixo do braço. Para a decepção de muitos fãs que aguardavam bem mais da produção que hávia sido divulgada anteriormente por fotos. Em 21 de março, o vídeo oficial é lançado finalmente, com uma mistura de imagens do espaço, da natureza e do festival Holi, sem as imagens de Sarah do primeiro vídeo não oficial. Em 23 de abril de 2013, Sarah foi convidada para cantar "The Phantom of the Opera" e "Scarborough Fair" na cerimônica de encerramento do Beijing International Film Festival no Centro de Convenções Nacional da China.

Nos meses de abril, maio e junho, foram anunciadas novas datas para a “Dreamchaser World Tour” ao redor do mundo, incluindo México, República Popular da China, Japão, Coreia do Sul, Taiwan, Brasil, Chile e Argentina.

Em 21 de maio, Sarah anunciou que iria filmar um especial de TV para a PBS TV, intitulado "Sarah Brightman: Dreamchaser In Concert", onde ela fez um concurso para que os fãs podessem ter a chance de ganhar bilhetes para assistir as filmagens exclusivas. No dia 6 de junho no Elstree Studios, em Londres, "Dreamchaser In Concert " foi ao ar na PBS em 3 de agosto, com um repertório de doze músicas (mais duas músicas bônus) apresentando tanto músicas novas e as já conhecida conhecidas. A concepção deste concerto é a mesma empregada na “Dreamchaser World Tour”.


Discografia[editar | editar código-fonte]

Era Hot Gossip[editar | editar código-fonte]

Ano Nome
1978 I Lost My Heart to a Starship Trooper
1978 Not Having That!
1979 My Boyfriend's Back

Era Musical[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Papel Prêmios
1981 Cats Jemima Tony Awards
1982 Nightingale Nightingale
1984 Song and Dance Emma
1985 Requiem Ela mesma
1986 The Phantom of the Opera Christine Daaé Tony Awards
1987 Carousel - -
1990 Aspects of Love Rose

Álbuns lançados por Andrew Lloyd Webber[editar | editar código-fonte]

Ano Nome
1987 Highlights from the Phantom of the Opera
1988 The Trees they grow so High
1989 The Songs That Got Away
1990 As I Came of Age
1992 Sarah Brightman Sings the Music of Andrew Lloyd Webber
1995 Surrender
1997 The Andrew Lloyd Webber Collection - Volume 1
2002 Encore
2005 Love Changes Everything - The Andrew Lloyd Webber Collection - Volume 2

Carreira Solo[editar | editar código-fonte]

Álbuns de Estúdio[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Prêmios Singles
1993 Dive Canadá: Platina Captain Nemo

Second Element

1995 Fly Alemanha: Ouro A Question of Honour

Heaven Is Here

How Can Heaven Love Me

1997 Timeless (EUR) / Time to say Goodbye (EUA/BRA) E.U.A, Europa, Taiwan, Finlândia, N. Zelândia, Korea do Sul, Holanda, Dinamarca, Irlanda e Canadá: Platina

Alemanha, UK, Brasil, Japão e Portugal: Ouro

Time to say Goodbye

Just show me How to Love You

Who wants to live Forever

There for Me

Tu Quieres Volver

1998 Eden Canadá, Taiwan, Dinamarca e N. Zelândia: Platina

Brasil, E.U.A, Japão e Argentina: Ouro

Eden

Deliver Me The Last Word you Said

So Many Things

2000 La Luna Taiwan e Canadá: Platina

E.U.A, Japão e México: Ouro

Scarborough Fair

A Whiter Shade of Pale

2003 Harem Taiwan: Platina

Alemanha, Canadá, Japão: Ouro

Harem Remixes

It's a Beautiful Day

Harem

What you never Know

Free

2008 Symphony China e Taiwan: Platina

México, Japão, Alemanha, Polônia, Grécia e Canadá: Ouro

Pasión

Running

I Will be With You

2008 A Winter Symphony Taiwan: Platina

Japão, Canadá e China: Ouro

2013 Dreamchaser - Angel

Closer

Álbuns ao vivo[editar | editar código-fonte]

Ano Nome
1997 Sarah Brightman In Concert At The Royal Albert Hall
2004 Harem World Tour - Live from Las Vegas
2009 Symphony - Live In Vienna

Compilações[editar | editar código-fonte]

Ano Nome
2000 The Best of 1990 - 2000
2001 Classics
2006 Classics - The Very Best of Sarah Brightman
2006 DIVA - The Singles Colletion
2009 Amalfi - Sarah Brightman Love Songs
2010 Bella Voce

Álbuns de Edições Limitadas[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Onde foi vendido
2000 - 2001 Fly II Shows da La Luna Tour
2004 - 2005 Harem Tour - Limited Edition Shows da Harem Tour
2008 - 2009 Symphony: Pre-Show Music (Orchestral) Shows da Symphony Tour

Trilhas sonoras de filmes[editar | editar código-fonte]

Ano Filme Músicas que Sarah canta
1979 The World Is Full of Married Men Madame Hyde
1989 Granpa Make Believe
1999 Brokedown Palace Deliver Me
2000 Zeit Der Erkenntnis So Many Things

Scarborough Fair

2004 The Phantom of the Opera
2008 Repo! The Genetic of the Opera Genetic Repo Man (com coros)
Crucifixus
Tao of Mag
Everyone's a Composer
Bravi!
Chase The Morning
At The Opera Tonight
Chromaggia
2009 Saka no ue no Kumo Stand Alone

Participações especiais em CDs de outros artistas[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum Músicas que Sarah canta
1988 The Premiere Collection: The Best of Andrew Lloyd Webber The Phantom of the Opera

All I Ask of You

Pie Jesu

1988 Save The Children In The Bleak Midwinter
1992 Andrew Lloyd Webber: The Premiere Collection - Encore Amigos Para Siempre

Wishing you were Somehow Here Again

Everything's Alright

Anything But Lonely

The Point of No Return

1995 The Best of Andrew Lloyd Webber: The Broadway Collection Don't Cry for Me Argentina

Pie Jesu

The Phantom of the Opera

Wishing you were Somehow Here Again

Gus: The Theatre Cat

1998 A Gala Christmas In Vienna Toys, Film Score

First of May

Cantemos Rapaces

Christmas Is Here Again

Child In a Manger

Angels from the Realms of Glory

Another Christmas Song

Santa Claus is Comin' To Town

Happy Christmas (War Is Over)

Silent Night

First of May (estúdio)

2000 Gregorian - Masters of Chant I Don't Give Up
2001 Andrew Lloyd Webber Gold: The Definitive Hit Collection Pie Jesu

The Phantom of the Opera

All I Ask of you

Amigos Para Siempre

2001 Gregorian - Masters of Chant II Moment of Peace
2002 Gregorian - Masters of Chant III Join Me
2002 Sash - S4! The Secret
2003 Leben - Schiller The Smile
2004 Life - Schiller The Secret

I've Seen It All

2005 Andrew Lloyd Webber: Divas Surrender
2006 Gregorian - Masters of Chant V Heroes

Send Me an Angel

2006 Gregorian - Christmas & Chants When a Child is Born

Singles[editar | editar código-fonte]

Era Hot Gossip[editar | editar código-fonte]

Ano Nome
1978 I Lost my Heart to a Starship Trooper
1979 The Adventures of the Love Crusader
1979 Love in a UFO
1981 My Boyfriend's Back
1981 Not Having That
1983 Him
1983 Rhythm of the Rain

Era Musical[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Álbum
1984 Unexpected Song Song and Dance
1985 Pie Jesu Requiem
1986 All I Ask of you The Phantom of the Opera
1986 Only You Starlight Express
1987 Doretta's Dream Room with a View
1990 Anything but Lonely Aspects of Love
1990 Something to Belive in As I Came of Age
1992 Amigos Para Siempre Sarah Brightman Sings the Music of Andrew Lloyd Webber

Carreira Solo[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Álbum
1993 Captain Nemo Dive
1995 A Question of Honour Fly
1995 Heaven Is Here Fly
1995 How can Heaven love me Fly
1996 Time to say Goodbye Timeless / Time to say Goodbye
1997 Just show me how to Love you Timeless / Time to say Goodbye
1997 Who Wants to Live Forever Timeless / Time to say Goodbye
1997 There For Me Timeless / Time to say Goodbye
1997 Tu Quieres Volver Timeless / Time to say Goodbye
1998 Eden Eden
1998 Deliver Me Eden
1998 The Last Word you Said Eden
1998 So Many Things Eden
2000 A Whiter Shade of Pale La Luna
2000 Scarborough Fair La Luna
2003 Harem Harem
2003 Harem Remixes Harem
2003 It's a Beautiful Day Harem
2003 Free Harem
2003 What you Never Know Harem
2007 Pasión Symphony
2007 Running Symphony
2007 I Will Be With you (Where the Lost Ones Go) Symphony
2008 Symphony Symphony
2009 Shall Be Done Panasonic Song
2012 Angel Dreamchaser

Participações em Singles de outros Artistas[editar | editar código-fonte]

Gregorian[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Álbum
2000 Don't Give Up Gregorian - Masters of Chant I
2001 Moment of Peace Gregorian - Masters of Chant II
2002 Join Me Gregorian - Masters of Chant III
2002 Voyage, Voyage Gregorian - Masters of Chant III
2006 Heroes Gregorian - Masters of Chant V
2002=6 Send me an Angel Gregorian - Masters of Chant V
2006 When a Child is Born Gregorian - Christmas & Chants
2008 Moment of Peace (Christmas Version) Gregorian - Chants & Visions

Com Schiller[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Álbum
2003 I've Seen This All Harem Tour - Limited Edition
2003 The Smile Harem Tour - Limited Edition

Com Sash[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Álbum
2002 The Secret Still Remain S4! Sash!
2007 The Secret Sash! 10th Anniversary

Videografia[editar | editar código-fonte]

Carreira Solo[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Local Prêmios
1997 Sarah Brightman In Concert At The Royal Albert Hall Londres, Inglaterra Argentina: Platina

Brasil: Ouro

1999 One Night In Eden - Live In Concert Sun City, África do Sul Argentina e Canadá: Platina

E.U.A: Ouro

2001 La Luna - Live In Concert Florida, E.U.A Canadá: Platina

E.U.A e México: Ouro

2003 Harem - A Desert Fantasy Marrocos e Egito Argentina: Platina
2004 Harem World Tour - Live from Las Vegas Las Vegas, E.U.A Argentina e Canadá: Platina

E.U.A e México: Ouro

2006 DIVA - The Video Collection Videoclipes Argentina e Canadá: Platina

E.U.A: Ouro

2008 A Winter Symphony Documentário -
2009 Symphony - Live In Vienna Vienna, Áustria México e Taiwan: Ouro

DVDs de Edições Limitadas[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Local Prêmios
2002 Classics: The Best of Sarah Brightman Videoclipes e Vídeos -

Participações especiais em DVDs e VHS de outros artistas[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Local Músicas que Sarah canta
1982 Song and Dance - -
1985 Requiem New York, E.U.A Requiem & Kyrie

Dies Irae & Rex Tremendae

Recordare

Lacrymosa

Offertorium

Hosanna

Pie Jesu

Lux Aeterna & Libera Me

1992 A Christmas Spetacular Videoclipes In The Bleak Midwinter
1988 Andrew Lloyd Webber: Video Quartet Videoclipes The Phantom of the Opera

All I Ask of you

Tell me On a Sunday

Pie Jesu

1988 Granpa - Make Believe
1998 Andrew Lloyd Webber Celebration - At the Royal Albert Hall Londres, Inglaterra Hosanna

Pie Jesu

The Phantom of the Opera

All I Ask of You

The Music of the Night

Love Changes Everything (Chorus)

1998 Andrea Bocelli - A Night In Tuscany Toscana, Itália Time to say Goodbye
1998 A Gala Christmas In Vienna Vienna, Áustria (vide lista de CDs)
1999 Vatican Christmas Concert Vaticano Nella Fantasia

Oh! Holy Night

2000 Andrea Bocelli - American Dream New York, E.U.A The Music of the Night

La Luna

Time to say Goodbye

2001 Andrew Lloyd Webber: The Premiere Collection - Encore Videoclipes The Phantom of the Opera

The Music of the Night (Sarah apenas aparece)

All I Ask of you

Tell me on a Sunday

Pie Jesu

Amigos Para Siempre

Wishing you were Somehow Here Again

Anything But Lonely

2004 Schiller - Leben, Die Berlin, Alemanha The Smile
2004 The Phantom of the Opera Filme The Phantom of the Opera

The Music of the Night (Sarah apenas aparece)

All I Ask of you

Wishing you were Somehow Here Again

2007 Concert for Diana Londres, Inglaterra All I Ask of you
2008 Andrea Bocelli - Vivere - Live In Tuscany Toscana, Itália Canto Della Terra

Time to say Goodbye

Videoclipes[editar | editar código-fonte]

Era Hot Gossip[editar | editar código-fonte]

Ano Nome
1978 I Lost my Heart to a Starship Trooper
1979 Him
1979 Rhythm of the Rain

Era Musical[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Álbum
1984 Tell me on a Sunday Song and Dance
1985 Pie Jesu Requiem
1986 The Phantom of the Opera The Phantom of the Opera
1986 All I Ask of You The Phantom of the Opera
1986 The Music of the Night (Sarah apenas aparece) The Phantom of the Opera
1986 Wishing you were Somehow Here Again The Phantom of the Opera
1989 Anything But Lonely Aspects of Love
1992 Amigos Para Siempre Sarah Brightman Sings the Music of Andre Lloyd Webber

Carreira Solo[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum
1993 Captain Nemo Dive
1995 A Question of Honour Fly
1995 How Can Heaven Love Me Fly
1997 Time to say Goodbye Timeless / Time to say Goodbye
1997 Just Show me How to Love you Timeless / Time to say Goodbye
1997 Who Wants to Live Forever Timeless / Time to say Goodbye
1998 Eden Eden
1998 Nella Fantasia Eden
1998 Anytime, Anywhere Eden
1998 Deliver Me Eden
2000 A Whiter Shade of Pale La Luna
2001 Ave Maria Classics
2001 Winter Light Classics
2001 Dans La Nuit Classics
2003 Harem Harem
2003 Beautiful Harem
2003 It's a Beautiful Day Harem
2003 Stranger In Paradise Harem
2003 What a Wonderful World Harem
2003 What you Never Know Harem
2003 Free Harem
2003 Mysterious Days Harem
2003 The War Is Over Harem
2003 The Journey Home Harem
2003 Time to say Goodbye DVD A Desert Fantasy
2004 Kama Sutra Harem Tour - Limited Edition
2007 Pasión Symphony
2008 You and Me -
2008 I Believe In Father Christmas A Winter Symphony

Turnês[editar | editar código-fonte]

A Timeless Evening with Sarah Brightman (1997)[editar | editar código-fonte]

  • Set-List:
  • - Act 1:
  • - 1. Capriccio Espagnol (Orchestra)
  • - 2. Bailero
  • - 3. Les Filles de Cadiz
  • - 4. Agnus Dei (Orchestra and Choir)
  • - 5. O Mio Babbino Caro
  • - 6. Solveig's Song
  • - 7. Summertime
  • - 8. Requiem Sanctus (Orchestra and Choir)
  • - 9. Pie Jesu
  • - Intermission
  • - Act 2:
  • - 1. Symphonic Dances Prologue (Orchestra)
  • - 2. Somewhere/I Feel Pretty/Tonight
  • - 3. Concierto de Aranjuez
  • - 4. Tú Quieres Volver
  • - 5. Who Wants To Live Forever
  • - 6. Phantom of the Opera Overture (Orchestra)
  • - 7. Wishing You Were Somehow Here Again
  • - 8. The Music of the Night
  • - Encore:
  • - 1. Time To Say Gooodbye (Duet with Andrea Bocelli)
  • - 2. Don't Cry For Me Argentina
  • Esta foi a primeira turnê de Sarah Brightman. Um concerto simples que contou com a Orquestra Nacional Inglesa, um Coro e a participação especial do Tenor italiano Andrea Bocelli. A turnê passou apenas pelo Reino Unido e pela Alemanha. O concerto foi gravado em DVD e lançado como "Sarah Brightman In Concert At The Royal Albert Hall" e pode ser achado com facilidade em lojas nacionais.

One Night In Eden (1999)[editar | editar código-fonte]

  • Set List:
  • - Act 1
  • 1. In Paradisum
  • 2. Eden
  • 3. So Many Things
  • 4. Who Wants To Live Forever
  • 5. Bilitis (Orchestral Interlude)
  • 6. Anytime, Anywhere
  • 7. Lascia Ch'io Pianga
  • 8. Nella Fantasia
  • 9. Pie Jesu (Cantada apenas nos E.U.A)
  • 10. Nessun Dorma
  • Intermission
  • - Act 2
  • 1. Dive/Captain Nemo
  • 2. La Mer
  • 3. Il Mio Cuore Va
  • 4. Only An Ocean Away
  • 5. First Of May
  • 6. Phantom Of The Opera Suite: Twisted every way - Overture - Litte Lottie
  • 7. Wishing You Were Somehow Here Again
  • 8. Music Of The Night
  • 9. Piano (Nunca foi cantada na turnê)
  • Encore:
  • 1. Deliver Me (Cantada apenas na África do Sul)
  • 2. Don't Cry For Me Argentina (Colocada no lugar de Deliver Me)
  • 3. Time To Say Goodbye - versão solo
  • One Night In Eden foi a segunda Turnê de Sarah e foi o seu primeiro "megashow". Um show repleto de efeitos especiais e efeitos de luz com belos cenários. Esta turnê também contou com a participação da Orquestra Nacional Inglesa. O DVD com a gravação do concerto em Sun City na África do Sul carrega o nome da turnê e pode ser facilmente achado em lojas nacionais One Night In Eden passou pela África do Sul, Estados Unidos, Europa, Ásia e Austrália.

La Luna World Tour (2000 - 2001)[editar | editar código-fonte]

  • Set List:
  • - Act 1:
  • 1. La Lune
  • 2. Winter in July
  • 3. Scarborough Fair
  • 4. Who Wants To Live Forever
  • 5. Hijo De La Luna
  • 6. Figlio Perduto
  • 7. La Luna
  • 8. La Califfa
  • 9. Pie Jesu
  • 10. Nessun Dorma
  • Intermission
  • - Act 2:
  • 1. Siren
  • 2. Deliver Me
  • 3. He Doesn't See Me
  • 4. Whiter Shade Of Pale
  • 5. There For Me - Dueto com Josh Groban (Cantada apenas nos E.U.A)
  • 6. First Of May (Cantada no lugar de There for Me)
  • 7. Twisted Every Way/Phantom Of The Opera Overture
  • 8. Wishing You Were Somehow Here Again
  • 9. All I Ask Of You (Nunca cantada na turnê)
  • 10. Music Of The Night
  • - Encore:
  • 1. A Question Of Honour
  • 2. Moon River
  • 3. Time To Say Goodbye - versão solo
  • A turnê do álbum La Luna foi o terceiro show de Sarah. Neste concerto há muitos efeitos especiais, onde Sarah voa pelo palco e encanta a todos num espetáculo inesquecível. Esta turnê passou pela América do Norte, Europa e Ásia. O DVD do show "La Luna - Live in Concert" pode ser achado facilmente no Brasil.

Harem World Tour (2004)[editar | editar código-fonte]

  • Set List:
  • - Act 1:
  • 1. Kama Sutra
  • 2. Harem (cançao do Mar)
  • 3. Beaultiful
  • 4. It's a Beautiful Day
  • 5. Dust in the Wind
  • 6. Who wants to live Forever
  • 7. Interlude
  • 8. Anytime, Anywhere
  • 9. Nella Fantasia
  • 10. La Luna
  • 11. Nessun Dorma
  • Intermission
  • - Act 2:
  • 1. No one Like you
  • 2. Arabian Nights
  • 3. The war is Over
  • 4. Free
  • 5. Interlude
  • 6. What a wonderful World
  • 7. A whiter shade of Pale
  • 8. Phantom of the Opera Suite
  • 9. Wishing you were Somehow here Again
  • 10. Time to say Goodbye
  • - Encore:
  • 1. The Jouney Home
  • 2. A Question of Honour
  • Harem World Tour é o maior show de Sarah até os dias atuais e ganhou o prêmio de inovação tecnológica em shows. A turnê passou pela América do Norte, Europa e Ásia. O DVD gravado em Las Vegas pode ser achado emlojas nacionais.

Symphony World Tour (2008 - 2009)[editar | editar código-fonte]

  • Set List:
  • Act 1:
  • 1. Sanvean (Instrumental)
  • 2. Gothica / Fleurs Du Mal
  • 3. Symphony
  • 4. Let It Rain
  • 5. Interlude: Japanese Garden (Instrumental)
  • 6. What A Wonderful World
  • 7. Dust In The Wind
  • 8. Nella Fantasia
  • 9. Hijo De La Luna
  • 10. La Luna
  • 11. Interlude: Sarahbande (Instrumental)
  • 12. Anytime, Anywhere
  • 13. Storia D'Amore
  • 14. Canto Della Terra - Com Alessandro Safina (México/Ásia) / Com Mario Frangoulis (E.U.A/Canadá)
  • 15. Attesa
  • Intermission
  • Act 2:
  • 1. You Take My Breath Away
  • 2. The Phantom Of The Opera - Alessandro Safina (México/Ásia) / Mario Frangoulis (E.U.A/Canadá)
  • 3. Sarai Qui - Dueto com Alessandro Safina (Cantada apenas no México e na Ásia)
  • 4. I've Been This Way Before
  • 5. Red Ridding Hood Rap
  • 6. First Of May
  • 7. I Believe In Father Christmas
  • 8. Pasión - Dueto com Fernando Lima (Cantada apenas no México e em Dallas)
  • 9. Ave Maria - Dueto com Fernando Lima (Cantada apenas nos E.U.A e no Canada)
  • 10. Time To Say Goodbye
  • - Encore:
  • 1. Deliver Me
  • 2. Running
  • 3. You And Me (Cantada apenas na Ásia)
  • 4. Colder Than Winter (Cantada apenas na Korea)
  • 5. Schwere Träume (Cantada apenas na Korea)
  • A turnê do álbum Symphony foi uma superprodução. O show contava com efeitos holográficos que criavam belíssimos cenários como florestas, jardins e castelos ao redor de Sarah, que levava a plateia a duas horas no mundo mágico de Sarah Brightman. A turnê passou pelo México, América do Norte e Ásia. Não houve filmagens dessa turnê.

In Concert (2009)[editar | editar código-fonte]

  • Set List:
  • Act I:
  • 1. Gothica/Fleurs Du Mal
  • 2. Symphony
  • 3. It's A Beautiul Day
  • 4. Japanese Garden Interlude
  • 5. What a Wonderful World
  • 6. Dust In The Wind
  • 7. Who Wants To Live Forever
  • 8. Hijo De La Luna
  • 9. La Luna
  • 10. Sarabande Interlude
  • 11. Anytime Anywhere
  • 12. Nella Fantasia
  • 13. Canto Della Terra (Dueto com Erkan Aki)
  • 14. Sarai Qui (Dueto com Erkan Aki)
  • 15. Nessun Dorma
  • Intermission
  • -Act 2:
  • 1. Harem
  • 2. Stranger In Paradise
  • 3. Bilitis Interlude
  • 4. Scarborough Fair
  • 5. He Doesn't See Me
  • 6. A Whiter Shade Of Pale
  • 7. Pasion (Dueto com Fernando Lima)
  • 8. Ave Maria (Dueto com Fernando Lima)
  • 9. Wishing You Were Somehow Here Again
  • 10. Phantom Of The Opera (Dueto com Erkan Aki)
  • 11. Time To Say Goodbye
  • - Encore:
  • 12. Deliver Me
  • 13. A Question Of Honour
  • In Concert foi uma turnê que passou apenas pela América Latina. O concerto era simples, com pequenos jogos de luzes. Esta turnê foi montada para os fãs da América do Sul que nunca receberam uma turnê de Sarah. No concerto, ela emociona o público com os maiores sucessos de sua carreira. Não houve filmagens desse show.

Filmografia e Teatro[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Papel Extras
1972 I and Albert Vicky Piccadilly Theatre
1981 Cats Jemina New London Theatre
1982 The Pirates of Penzance Kate The Fifth Avenue Theatre
1982 The Nightingale Nightingale Buxton Festival de Londres
1984 Song and Dance Emma Palace Theatre
1985 A Viúva Alegre (The Merry Widow) Valencienne TV film
1986 The Phantom Of The Opera Christine Daaé Her Majesty's Theatre London
1990 Aspects of Love Rose Vibert The Prince of Wales' Theatre
2000 Zeit der Erkenntnis Ela mesma Somente para a Alemanha
2008 Repo! The Genetic Opera Blind Mag Filme
2008 Amalfi: Rewards of the Goddess Ela mesma Filme para o Japão
2011 Cosi Celia Filme

Referências

  1. Soprano Sarah Brightman to sing in Japanese for NHK drama. Japantoday.com (30 de outubro de 2010). Página visitada em 20 de abril de 2011. (em inglês)
  2. New York Theatre Guide Phantom of the Opera: Hugh Panaro & Sara Jean Ford return.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Sarah Brightman