Estrela do Terceiro Milênio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Estrela do Terceiro Milênio
Fundação 5 de maio de 1998 (18 anos)
Escola-madrinha Rosas de Ouro[1]
Cores

Vermelho

Azul

Branco

Verde
Símbolo Coruja
Bairro Grajaú
Presidente Alberto Souza Miranda
Patrono Alexandre Leite
Carnavalesco Eduardo Félix
Intérprete oficial Vaguinho
Diretor de carnaval Silvio Azevedo
Diretor de harmonia Wilson Costa (Japonês)
Diretor de bateria Mestre Diego
Rainha da bateria Elaine de Abreu
Mestre-sala e porta-bandeira Edilane e Alex
Coreógrafo Chris Rabelo
Desfile de 2017
Enredo Para bom entendedor um pingo é letra e o símbolo uma palavra
Posição de desfile 1ª - 21:00
26 de Fevereiro

O Grêmio Recreativo Cultural Escola de Samba Estrela do Terceiro Milênio é uma escola de samba de São Paulo. A escola está situada na região do Grajaú - Parque América - Zona Sul de São Paulo (extremo Sul). Tendo como suas cores principais o azul, o branco, o vermelho e o verde.

História[editar | editar código-fonte]

A escola foi criada após algumas reuniões realizadas na casa de shows Corujão, que mais tarde tornaria o local dos primeiros ensaios da agremiação, e por causa disso, inspiraria a ideia da Coruja como símbolo.[2] Seu nome deu-se alusivamente à virada do milênio em 2001.[2]

Em 2001, o Corujão foi vendido, e alguns integrantes conseguiram com o poder público um espaço no CDM Dr. Tancredo Neves, no bairro do Grajaú, para que a agremiação continuasse com suas atividades. A mudança de endereço levou a uma grande reformulação na escola de samba.[2]

Em 2002, a Estrela do Terceiro Milênio apresentou-se oficialmente pela primeira vez no carnaval de São Paulo.

Participando do concurso em 2004, apresentou o enredo “Boa noite.com” obtendo a 4ª colocação do seu grupo e o direito à ascender ao grupo 3. No ano de 2011, no dia 5 de maio, a escola completou 13 anos de história. Como presente para este anos, a escola conquistou no carnaval 2011 uma vaga no Grupo de Acesso do Carnaval de São Paulo, trazendo um enredo que abordava o Protocolo de Kyoto. Para o carnaval de 2012 a escola levou para avenida um desfile que tinha a Coruja, seu símbolo, como tema.

Em 2014, a escola foi acusada pela Liga-SP de reutilizar uma alegoria da Rosas de Ouro, do ano anterior, e por isso, penalizada, o que levou a seu rebaixamento. No entanto, seus integrantes acusaram a liga de não possibilitar que a agremiação se defendesse e prometeram recorrer ao Poder Judiciário contra a punição.[3]

Em 2016 sagra-se campeã do grupo 1 da União das Escolas de Samba (UESP) e retorna ao grupo de acesso pela LIGA das Escolas de Samba de São Paulo.

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Silvio Antônio de Azevedo maio de 1998-2001 [2]
Alexandre Almeida 2002-2008 [2]
Alberto Souza Miranda 2009 - 2015 [4]
Gilberto Rodrigues 2016-

Diretores[editar | editar código-fonte]

Ano Diretor de Carnaval Diretor geral de harmonia Mestre de bateria Ref.
2014 Silvio Azevedo Comissão Diego [4]
2015 Silvio Azevedo Wilson Costa & Lucas Mascarenhas Diego [5]
2016 Silvio Azevedo Wilson Costa Diego
2017

Coreógrafo[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2014 Fábio Rocha [6]
2015 Chris Rabello
2016 Chris Rabelo

Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2014 Everson Cantídio e Edilaine Campos [4]
2015 Edilaine e Alex [5]
2016 Edilaine e Alex

Corte da Bateria[editar | editar código-fonte]

Período Rainha de Bateria Ref.
2012 Sabrina Boing Boing [7][8]
2013–ㅤ Elaine de Abreu [9][5]

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Estrela do Terceiro Milênio
Ano Colocação Grupo Enredo Carnavalesco Intérprete Ref
2002 Avaliação Acredite, se quiser! Cláudio Ramos [10]
2003 Avaliação Manjar dos Deuses, do Cacau ao Chocolate Cláudio Ramos Marcão CA,
Marquinhos e Edinho
[11]
2004 Avaliação Boanoite.com Cláudio Ramos Marcão CA,
Marquinhos e Edinho
[12]
2005 10º lugar 3-UESP Ó Pátria Amada, Idolatrada, SOS... Comissão de Carnaval Marcão CA e Edinho [13]
2006 Avaliação Ainda Há Tempo... E Se Chover Vai Melhorar Comissão de Carnaval Marcão CA e Edinho
2007 Campeã 3-UESP Guarapiranga, 100 Anos Comissão de Carnaval Toninho Penteado,
Marquinhos e Edinho
2008 Campeã 2-UESP Feijoada, das Sobras ao prato principal Comissão de Carnaval
2009 7º lugar 1-UESP 1, 2, 3... Abracadabra! Além da Mágica Cláudio Ramos
2010 9º lugar 1-UESP Óxente Cabra da peste, São Paulo, capital do nordeste Anselmo Brito
2011 Campeã 1-UESP Deus perdoa, a natureza castiga! Protocolo de Kyoto, um alerta pela vida Eduardo Félix André Pantera
2012 4º lugar Acesso Quem sabe muitas vezes não diz. Quem diz muitas vezes não sabe. Sabedoria é o segredo da vida! Eduardo Félix André Pantera
2013 3º lugar Acesso Reluz na constelação da Terceiro Milênio uma maravilha de estrela chamada Elke Eduardo Félix André Pantera
2014 8° lugar Acesso Xirê! Louvação aos orixás
Compositores: Edimar do Salgueiro, Wesley Rios, Cássio de Oliveira, Ronaldo Brás, Edson Salim, Wagninho Sempre Soube e Lucas Mascarenhas.
Eduardo Félix André Pantera [4]
2015 Vice-campeã 1-UESP Deus aponta a estrela que vai brilhar Eduardo Félix Fabinho Pires [14][5]
2016 Campeã 1-UESP Na alegria e na tristeza, na saúde e na doença amando-te e respeitando-te! Eduardo Félix Fabinho Pires e Lucas Mascarenhas
2017 Acesso Para bom entendedor um pingo é letra e o símbolo uma palavra Eduardo Félix Vaguinho

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. SASP. «Institucional». Consultado em 20/05/2014. 
  2. a b c d e «História». Arquivado desde o original em 20/05/2014. Consultado em 20/05/2014. 
  3. Redação SRZD (10/03/2014). «'Não vamos cair no tapetão', diz vice da Terceiro Milênio». Consultado em 20/05/2014. 
  4. a b c d «Carnaval 2014». Arquivado desde o original em 20/05/2014. Consultado em 20/05/2014. 
  5. a b c d [1]
  6. [2]
  7. SRZD-SP (06/02/2012). «Sabrina Boing Boing será rainha da Terceiro Milênio». 13h24. 
  8. EGO (19/02/2012). «Sabrina Boing Boing desfila com seios pintados». 
  9. SRZD-SP (15/04/2014). «Terceiro Milênio confirma Elaine de Abreu como rainha em 2015». 02h34. 
  10. SASP. «Carnaval 2002». Consultado em 23/07/2011. 
  11. SASP. «Carnaval 2003». Consultado em 23/07/2011. 
  12. SASP. «Carnaval 2004». Consultado em 23/07/2011. 
  13. SASP. «Carnaval 2005». Consultado em 23/07/2011. 
  14. SRZD-SP (04/06/2014). «Estrela do Terceiro Milênio: veja a sinopse do enredo para 2015». 01h47.