Os Vagabundos Trapalhões

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Os Vagabundos Trapalhões
Os Vagabundos Trapalhões.jpg
 Brasil
1982 •  cor •  96 min 
Direção J.B. Tanko
Roteiro Gilvan Pereira
Elenco Renato Aragão
Fábio Villa Verde
Dedé Santana
Mussum
Zacarias
Louise Cardoso
Edson Celulari
Género comédia
Lançamento Brasil 24 de junho de 1982
Idioma português
Cronologia
Os Saltimbancos Trapalhões (1981)
Os Trapalhões na Serra Pelada (1982)
Página no IMDb (em inglês)

Os Vagabundos Trapalhões é um filme brasileiro de 1982, do gênero comédia, dirigido por J.B. Tanko e estrelado pela trupe humorística Os Trapalhões.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Bonga milionário que se disfarça num pobre, seus três amigos e a namorada Loló (Louise Cardoso) cuidam de crianças abandonadas em uma caverna, na periferia de uma cidade. Um dia, Pedrinho (Fábio Villa Verde), menino rico mais solitário foge de casa e vai morar na caverna. O pai, um poderoso industrial na verdade filho de Bonga, oferece uma recompensa para quem trouxer o filho. Ao final se descobre que o vagabundo Bonga é na verdade um ex-milionário e é pai do industrial (Edson Celulari).

Elenco[editar | editar código-fonte]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Crítica[editar | editar código-fonte]

Robledo Milani em sua crítica para o Papo de Cinema disse que o filme tem "ritmo irregular, ainda que envolvente. Algumas de suas opções são controversas, principalmente vistas hoje em dia, em tempos em que o politicamente correto impera – as adoções, amplamente irregulares, tratam as crianças, em última instância, como frutas na feira."[1]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

O filme foi comercializado para Moçambique e Angola em 1984, e para o México em 1988.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Robledo Milani (26 de março de 2016). «Os Vagabundos Trapalhões». www.papodecinema.com.br. Consultado em 20 de outubro de 2016