STS-133

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
STS-133
Insígnia da missão
Estatísticas da missão
Ônibus espacial Discovery
Lançamento 24 de fevereiro de 2011 21:53:24 UTC
Plataforma 39A do Centro Espacial Kennedy
Aterrissagem 9 de março de 2011 16:58:14 UTC
Centro Espacial Kennedy
Órbitas não determinado
Duração 12 dias, 19h 04m 50s
Altitude orbital 224 km
Inclinação orbital 51.6 graus
Distância percorrida 8.536.190 km
Imagem da tripulação
Alvin Drew, Nicole Stott, Eric Boe, Steven Lindsey, Michael Barratt e Timothy Kopra (Substituído por Steve Bowen).
Alvin Drew, Nicole Stott, Eric Boe, Steven Lindsey, Michael Barratt e Timothy Kopra (Substituído por Steve Bowen).
Navegação
Último
Último
STS-132 patch.png STS-132
STS-134 patch.png STS-134
Próximo
Próximo

STS-133 foi uma missão da NASA realizada por um ônibus espacial, o último voo da nave Discovery. O lançamento foi realizado no dia 24 de fevereiro de 2011[1] .

Foi a missão ULF5 para a construção da Estação Espacial Internacional, onde se trasportou o Módulo Permanente de Logística Multifuncional.

Tripulação[editar | editar código-fonte]

A tripulação da STS-133 é formada por astronautas veteranos da NASA

Objetivos[editar | editar código-fonte]

Acoplar o EXPRESS Logistics Carrier 4 à ISS, transportar o Robonauta 2 e acoplar o Módulo de Logística Multifuncional a Estação Espacial.

Dia a dia[editar | editar código-fonte]

24 de fevereiro - Dia 1[editar | editar código-fonte]

O ônibus espacial Discovery durante laçamento
O ônibus espacial Discovery fotografado da Estação Espacial Internacional
Alvin Drew trabalha durante a primeira caminhada espacial
Steve Bowen acena durante segunda caminhada espacial
A Estação Espacial Internacional
O pouso do Discovery

O ônibus espacial Discovery foi lançando com sucesso nesta quinta-feira às 18h50 (de Brasília), a partir do Centro Espacial Kennedy, em Cabo Canaveral, na Flórida. Esta é a sua última missão após 27 anos do primeiro voo que ocorreu em 1984. A principal função da missão STS-133 é realizar trocas de importantes peças na Estação Espacial Internacional (ISS), transportando também o módulo de carga multifuncional "Leonardo" e o androide "Robonaut".[2]

25 de fevereiro - Dia 2[editar | editar código-fonte]

Os astronautas do ônibus espacial Discovery, bem como os membros da Estação Espacial Internacional, trabalharam na verificação de possíveis danos no escudo térmico da nave antes de realizar a acoplagem na ISS.

26 de fevereiro - Dia 3[editar | editar código-fonte]

O ônibus espacial Discovery se acoplou com sucesso à Estação Espacial Internacional neste sábado. A nave foi recebida com uma brincadeira pelo comandante da estação, Scott Kelly que perguntou - Por que demoraram tanto? - referindo-se às falhas mecânicas e à falta de condições meteorológicas para que o veículo pudesse ter realizado seu lançamento ao espaço em setembro, data inicial prevista para a missão.

O Discovery ficará quase uma semana acoplado à estação. Entre as peças levadas por sua tripulação está o Robonauta, primeiro robô humanoide a ir para o espaço que servirá para inúmeras tarefas, inclusive serviços de limpeza.[3]

27 de fevereiro - Dia 4[editar | editar código-fonte]

No quarto dia de voo, Nicole Stott e Michael Barratt retiraram a carga do Discovery usando braço robótico. Após os trabalhos a tripulação da STS-133 foi acompanhada por toda a Expedição 26 da ISS, incluindo o comandante Scott Kelly e o engenheiro de voo Paolo Nespoli para uma série de entrevistas à imprensa. As entrevistas foram realizadas com o Weather Channel, a rádio WBZ em Boston, Massachusetts, a WSB-TV em Atlanta, Geórgia, e a WBTV em Charlotte, Carolina do Norte.[4]

A equipe também completou mais transferências de cargas de e para o ISS. Durante todo o dia, Al Drew e Steve Bowen prepararam ferramentas que estarão usando durante a caminhada espacial. Mais tarde, eles se uniram com a tripulação do ônibus espacial e da ISS, mais o comandante Kelly e o engenheiro de voo Nespoli, para uma revisão dos procedimentos da caminhada espacial. Após a revisão, Bowen e Drew usaram máscaras de oxigênio e entraram no bloqueio da da escotilha Quest para o acampamento pré-padrão da caminhada espacial. O procedimento é feito para ajudar os astronautas com o nitrogênio de seu sangue e prevenir problemas com a descompressão.[5]

28 de fevereiro - Dia 5[editar | editar código-fonte]

Os astronautas Steve Bowen e Alvin Drew concluíram com sucesso a primeira de duas caminhadas espaciais previstas, anunciou a Nasa. Bowen, de 47 anos, e Drew, de 48, regressaram à câmara de descompressão da Estação Espacial Internacional às 22:20 UTC (19:20 de Brasília), após seis horas e 34 minutos de trabalhos no espaço. Os astronautas realizaram sem dificuldade todas as tarefas de instalação de uma extensão elétrica entre os módulos americanos da ISS, o Unity e o Tranquility.

O cabo irá fornecer acesso a uma fonte elétrica de emergência e faz parte da preparação de instalação do módulo de carga multifuncional Leonardo, no Unity, que será conectado de modo permanente à ISS e assim oferecer um volume suplementar de reserva. Além disso, Steve Bowen e Alvin Drew retiraram uma bomba de amônia defeituosa de 362 kg, a depositando sobre uma plataforma para depois trazê-la à Terra. Outra tarefa dos astronautas foi encher com o vazio do espaço um cilindro metálico que faz parte de uma experiência da agência espacial japonesa chamada "Message in a bottle" (mensagem em uma garrafa), que será trazida à Terra para ser apresentada em exposições públicas.

A especialista da missão Nicole Stott comandou de dentro da ISS todas as atividades dos dois astronautas, bem como as comunicações entre eles e o centro de controle em Houston, Texas. O comandante da tripulação da ISS, Scott Kelly, além de Mike Barratt, especialista de missão do Discovery, dirigiram o braço robótico da Estação, de 17,6 m de comprimento, para carregar a bomba de amônia defeituosa e outros equipamentos durante a caminhada espacial. Esta foi a 154ª saída de astronautas ao espaço durante a construção da ISS, que foi iniciada em 1998, que deverá durar até pelo menos o ano de 2020.[6]

1 de março - Dia 6[editar | editar código-fonte]

O módulo de logística multifuncional Leonardo, foi acoplado de forma permanente a Estação Espacial Internacional. Com 12,8 toneladas, o módulo foi retirado do compartimento de carga do Discovery com a ajuda do braço mecânico da ISS, que possui mais de 17 metros de comprimento, para ser preso sob o segmento Unity em uma manobra cirúrgica. Toda a operação ocorreu em um período de aproximadamente 90 minutos. O braço mecânico Canadarm2 foi direcionado pelos especialistas da missão do Discovery, Mike Baratt e Nicole Stott.

A Nasa anunciou também que a missão do Discovery na ISS foi prorrogada em um dia. A aumento da permanência tem como objetivo concluir o conserto do módulo Leonardo. Além disso todos esperam ainda um sinal positivo para um sobrevoo da ISS pela nave russa Soyuz, que será após reunião dos encarregados da ISS. Assim a missão do Discovery terá 12 dias de duração ao invés dos 11 anteriormente programados, sendo oito deles acoplados à ISS.[7]

2 de março - Dia 7[editar | editar código-fonte]

A segunda caminhada espacial começou com um razoável atraso devido a um vazamento detectado na última hora no traje espacial de Steve Bowen. Os astronautas conectaram seus trajes às baterias de energia cerca de 40 minutos mais tarde do que estava previsto. O vazamento foi detectado durante uma revisão rotineira que ocorre sempre antes de iniciar qualquer passeio espacial na cânula de hidrogênio do traje.[8]

Após o imprevisto, Steve Bowen e Alvin Drew concluíram com sucesso a segunda e última caminhada espacial da missão STS-133. O tempo total gasto foi de 6 horas e 14 minutos, menos do que as 6h e 30 minutos que estavam previstas para os trabalhos. Os astronautas retiraram uma proteção térmica de uma plataforma de armazenamento que está localizada no laboratório europeu Columbus e também instalaram uma câmara no robô Dextre.[9]

3 de março - Dia 8[editar | editar código-fonte]

A tripulação do Discovery realizou algumas tarefas rotineiras, como a transferência de cargas. Na maior parte do dia os astronautas tiveram folga para descansar.

4 de março - Dia 9[editar | editar código-fonte]

O presidente dos Estados Unidos Barack Obama conversou com os astronautas da missão STS-133 por telefone. A conversa foi bem rápida, tendo uma duração total de cerca de seis minutos, e foi também muito humorada, principalmente quando Obama questionou sobre o robô Robonaut 2, conhecido como R2 em uma referência ao robô R2D2 de Guerra das Estrelas - “Então, vocês o colocarão na limpeza, para lavar pratos ou algo assim? Ou ele tem tarefas mais excitantes?” indagou o presidente que mais tarde não conseguiu acreditar que o robô ainda está guardado e embrulhado com plásticos - “Ele fez um voo tão longo e vocês ainda não o tiraram do pacote?” disse Obama arrancando muitas gasgalhadas da tripulação.[10]

7 de março - Dia 12[editar | editar código-fonte]

O ônibus espacial Discovery se desacoplou da Estação Espacial Internacional e partiu em direção à Terra.

9 de março - Dia 14[editar | editar código-fonte]

O ônibus espacial Discovery completou sua última viagem ao espaço, retornando à Terra com seis astronautas a bordo. A missão de 13 dias destinada a instalar um novo módulo de armazenamento e um robô humanóide foi bem-sucedida. O pouso foi realizado com sucesso no Centro Espacial Kennedy, na Flórida, às 16:58:14 UTC.

"Esta foi uma das melhores missões do Discovery e também uma das que tivemos menor dificuldade", destacou LeRoy Cain, um dos responsáveis pelo programa. Em seu último dia no espaço, a tripulação foi acordada com a apresentação ao vivo do cantor e guitarrista Todd Park Mohr junto a três membros da banda de rock "Big Head Todd and the Monsters", que interpretaram "Blue Sky".

Caminhadas espaciais[editar | editar código-fonte]

Duas caminhadas espaciais (EVAs) estão programadas durante o voo.[11]

EVA Astronautas Início (UTC) Fim (UTC) Duração
EVA 1 Steve Bowen
Alvin Drew
28 de fevereiro de 2011
15:46
28 de fevereiro de 2011
22:20
6 horas 34 minutos
Drew e Bowen instalaram um cabo de extensão de energia para fornecer uma fonte de alimentação de emergência caso seja necessário. Os astronautas moveram o módulo de bomba de amônia, que não foi substituído em agosto de um gancho para uma plataforma melhor junto à câmara Quest. Drew e Bowen instalaram uma peça de hardware que ficará sob uma câmera na armação. O hardware irá inclinar a câmera para fornecer espaço para uma peça de reposição visando ser instalado em uma missão futura. Em seguida, eles substituiram um guia para o sistema do carro de trilho usado para movimentação de cargas ao longo da treliça. As guias foram removidas quando os astronautas estavam realizando o trabalho na estação de estibordo Solar Alpha Rotary Comum (SARJ), que gira os painéis solares para acompanhar o sol. Os astronautas também 'encheram' com o vazio do espaço um cilindro metálico que faz parte de uma experiência da agência espacial japonesa chamada "Message in a bottle" (mensagem em uma garrafa), e que será trazida à Terra para ser apresentada em exposições públicas.
EVA 2 Steve Bowen
Alvin Drew
2 de março de 2011
15:42
2 de março de 2011
21:56
6 horas 14 minutos
Drew removeu o isolamento térmico de uma plataforma, enquanto Bowen a de um gancho no módulo Columbus. Bowen, em seguida, instalou uma câmera na montagem do robô Dextre, removendo o isolamento da plataforma electrónica do Dextre. Drew instalou uma luz sobre um carrinho de carga e reparou alguns isolamentos térmicos desalojado de uma válvula na treliça.

Hora de acordar[editar | editar código-fonte]

No que se tornou uma tradição nas missões espaciais, é tocada uma música no começo de cada dia, escolhida especialmente por terem uma ligação com algum tripulante ou mesmo com a situação de momento.

A Nasa abriu um processo de seleção para o público pela primeira vez para a missão STS-133. O público foi convidado a votar em duas canções para acordar os astronautas em missões anteriores e para acordar a tripulação STS-133.

Dia Música Artista Tocada para Links
Dia 2 “The Prince of Egypt” Brian Stokes Mitchell Michael Barratt WAV, MP3
Dia 3 “Woody's Roundup" Riders in the Sky Alvin Drew WAV, MP3
Dia 4 “Java Jive" The Manhattan Transfer Steven Lindsey WAV, MP3
Dia 5 “Oh What a Beautiful Morning" Davy Knowles & Back Door Slam Nicole Stott WAV, MP3
Dia 6 Happy Together" The Turtles Stephen Bowen WAV, MP3
Dia 7 “The Speed of Sound" Coldplay Eric Boe WAV, MP3
Dia 8 City of Blinding Lights" U2 Tripulação STS-133 WAV, MP3
Dia 9 “The Ritual/Ancient Battle/2º Kroykah" Tripulação STS-133 WAV, MP3
Dia 10 “Ohio (Come Back to Texas)" Bowling for Soup Tripulação STS-133 WAV, MP3
Dia 11 “Spaceship Superstar" Prism Tripulação STS-133 WAV, MP3
Dia 12 Theme to "Star Trek" Voz de William Shatner
Som de Alexander Courage
Tripulação STS-133 WAV, MP3
Dia 13 "Blue Sky" (Live) Big Head Todd and the Monsters Tripulação STS-133 WAV, MP3
Dia 14 “Coming Home” Gwyneth Paltrow Tripulação STS-133 WAV, MP3

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Seções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.

Faltando poucas semanas para a decolagem da missão, o astronauta Timothy Kopra, inicialmente escalado como membro da tripulação, foi substituído pelos seu colega Stephen Bowen após sofrer um acidente de bicicleta.

Marcos da missão[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. NASA (14 de outubro de 2009). NASA's Shuttle and Rocket Missions NASA. Visitado em 24 de janeiro de 2011.
  2. Terra (24 de Fevereiro de 2011). Discovery é lançado com sucesso para última missão espacial Terra. Visitado em Fevereiro 24, 2011.
  3. Globo (27 de fevereiro de 2011). Discovery chega À estação espacial internacional Globo. Visitado em 27 de fevereiro de 2011.
  4. STS-133 MCC Status Report #07 NASA. Visitado em 2011-02-28.
  5. Bill Harwood. Astronauts having on busy Sunday aboard the station CBS News/SpaceflightNow. Visitado em 2011-02-28.
  6. AFP. Discovery: astronautas concluem primeira caminhada espacial AFP/SpaceflightNow. Visitado em 2011-03-01.
  7. AFP. Módulo Leonardo é acoplado de forma permanente com a ISS AFP/SpaceflightNow. Visitado em 2011-03-02.
  8. Terra. Vazamento em traje de astronauta atrasa caminhada espacial Terra/SpaceflightNow. Visitado em 2011-03-02.
  9. AFP. Discovery: astronautas concluem última caminhada espacial AFP/SpaceflightNow. Visitado em 2011-03-03.
  10. PublicoPt. Obama falou ao telefone com a ISS e pediu que robô R2 seja desempacotado PublicoPt/SpaceflightNow. Visitado em 2011-03-04.
  11. Chris Gebhardt (11 de junho de 2010). STS-133: Three Flight Days and two EVAs added to Discovery’s mission NASAspaceflight.com. Visitado em June 11, 2010.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre STS-133
Precedido por
STS-132
Programa de Ônibus espaciais
Sucedido por
STS-134