Cidade Alta (Salvador)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde julho de 2016). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

A Cidade Alta trata-se da parte maior e mais moderna área da cidade de Salvador, capital da Bahia. Liga-se à Cidade Baixa por diversas vias, e, claro, pelo Elevador Lacerda.[1] Os turistas frequentam a região, embora esta não seja a mais procurada pelos mesmos.

O que abarca[editar | editar código-fonte]

A Cidade Alta abarca grandes prédios e movimentadas avenidas. É considerado o centro econômico da cidade, sofrendo com engarrafamentos e superlotação de ônibus, que se deslocam pra lá vindo dos mais variados pontos da cidade. Conta com vários shoppings e espaços de lazer, destacam-se o Parque de Pituaçu, Parque da Cidade, Parque Metropolitano do Abaeté e as praias mais concorridas da cidade. Por não haver muito espaço, a expansão da Cidade Alta dá-se na Avenida Luís Viana Filho, conhecida como Paralela, onde há bastantes locais vagos, onde estão sendo comprados e sendo construídos muitos prédios em velocidade estrondante. A maior parte da Cidade Alta está acima dos 30 metros do nível do mar, sendo que algumas localidades ultrapassam os 100 metros.

Referências

  1. Cidade Alta em Guia da Semana

Ver também[editar | editar código-fonte]