Caminho das Árvores

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Caminho das Árvores
  Bairro do Brasil  
Bairros limítrofes
Fonte: Não disponível

O Caminho das Árvores é um bairro de Salvador[1], localizado entre o Shopping da Bahia, antigo Iguatemi, e o Salvador Shopping. Originário da fazenda da família Odebrecht que a transformou em um loteamento destinado a casas de alto luxo, hoje as casas dividem o espaço com prédios residenciais do mesmo padrão - bairro de casas sem ser condomínio fechado. Apesar disso, nos últimos anos, a principal avenida do bairro (Tancredo Neves) tem sido povoada por diversas empreendimentos mistos (residencial/comercial) o que vem valorizando cada vez mais um imóvel no local.[2] No bairro, pode-se encontrar várias alamedas em meio aos residenciais.

História[editar | editar código-fonte]

O bairro surgiu em virtude de decreto de sua criação em 1974, um ano depois foi inaugurado o então Shopping Center Iguatemi. O bairro foi projetado para ser residencial e trafegado em 17 alamedas. Dentre estas, destaca-se a Alameda das Espatódeas, que em projeto era a única reservada para atuação comercial e a apenas um via de ligação entre avenidas, hoje é o maior polo comercial de decoração da Bahia.[3]

Entre as ações realizadas, o governo da Bahia implantou na Pituba e no Caminho das Árvores, o projeto "Banho de Luz" que buscou restaurar e melhorar toda a iluminação pública destes locais.[carece de fontes?]

Para o ano de 2008, foi previsto uma total reforma das ruas e praças do bairro, financiada pelo governo do estado da Bahia e empresas privadas que, desde o ano de 2006, já vem 'adotando' locais no bairro em troca de livre marketing pelo Estado.[carece de fontes?]

O bairro pertencia à Região Administrativa VIII (oito), denominada "Pituba/Costa Azul".[carece de fontes?]

Demografia[editar | editar código-fonte]

Em 2006 o bairro Caminho da Árvores tinha o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de 0,968, índices favoráveis iguais ao da Noruega, que é um país desenvolvido que apresenta os melhores resultados há vários anos no ranking.[4]

Uma pesquisa feita pelo jornal Correio em 2016 indicou que o bairro tem o quarto preço de aluguel de imóvel mais caro em Salvador.[5]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Bahia Toda Hora :: Salvador Ultimas notícias :: Sucom multa estabelecimentos no Caminho das Árvores, área nobre de Salvador». www.bahiatodahora.com.br. Consultado em 17 de julho de 2016 
  2. «Bahiagás ocupa pole position na compra do prédio da Desenbahia». Consultado em 17 de julho de 2016 
  3. «Polos de decoração reinventam negócio». Consultado em 17 de julho de 2016 
  4. «Grande Salvador tem IDH de Europa e África». PNUD. Consultado em 27 de abril de 2019. Arquivado do original em 27 de abril de 2019 
  5. Eduardo Bittencourt (15 de dezembro de 2016). «Pesquisa indica os bairros mais baratos para alugar um imóvel; veja lista». Correio (jornal). Consultado em 27 de abril de 2019