Hélio Hermito Zampier Neto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Neto Zampier
Neto Zampier
Informações pessoais
Nome completo Hélio Hermito Zampier Neto
Data de nasc. 16 de agosto de 1985 (34 anos)
Local de nasc. Rio de Janeiro (RJ), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,97 m
Destro
Apelido Fênix, Grandão,[1] Gigante
Informações profissionais
Período em atividade 2005–2019 (14 anos)
Clube atual Aposentado
Posição ex–Zagueiro
Clubes de juventude
2003–2005
2004
2005
Francisco Beltrão
Paraná (emp.)
Vasco da Gama (emp.)
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2006–2008
2008–2009
2009–2012
2010
2013–2014
2015–2019
Francisco Beltrão
Cianorte
Guarani
Metropolitano (emp.)
Santos
Chapecoense
00000 0000(0)
00000 0000(0)
00041 0000(2)
00006 0000(1)
00040 0000(1)
00052 0000(4)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 4 de outubro de 2016.

Hélio Hermito Zampier Neto, mais conhecido como Neto Zampier (Rio de Janeiro, 16 de agosto de 1985), é um ex-futebolista brasileiro que atuava como zagueiro. Ficou conhecido internacionalmente por ser um dos 6 sobreviventes do Voo LaMia 2933. Atualmente é superintendente de futebol da Chapecoense.[2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Neto começou a sua carreira como jogador profissional pelo Francisco Beltrão em 2006, após passagens na base pelo Paraná e Vasco da Gama. Depois defendeu os times do Cianorte, Guarani e Metropolitano.

Guarani[editar | editar código-fonte]

Neto foi um dos destaques do Guarani na campanha do vice-campeonato no Paulistão de 2012[3] e chamou a atenção de clubes como Santos[4] e Internacional.[5]

Santos[editar | editar código-fonte]

Em novembro de 2012, foi anunciado como novo jogador do Santos para a temporada de 2013, Neto não foi antes ao clube da baixada, por divergência de valores e uma lesão do atleta.[6] No Santos, Neto ficou até dezembro de 2014 quando não teve seu contrato renovado.

Chapecoense[editar | editar código-fonte]

Em 12 de fevereiro de 2015, foi anunciado como novo jogador da Chapecoense.[7]

No ano de 2015 foi muitas vezes titular do time. Ganhou espaço e foi bem aproveitado. Marcou gol na incrível goleada da Chape por 5 a 1 contra o Palmeiras na Arena Condá. Contra o Vasco da Gama fez um golaço de bicicleta garantindo a vitória do time por 1 a 0. Marcou contra seu ex- time Santos, na derrota da Chape por 3 a 1 na Vila Belmiro.

Em 2016 ganhou o Campeonato Catarinense e venceu o prêmio de melhor defensor do Campeonato. Foi um dos líderes da impressionante campanha do time na Copa Sul-Americana. Foi titular nas partidas históricas da Chape na Arena Condá, contra o Junior Barranquilla (quartas de final) e contra o San Lorenzo (semifinal).

Neto e Alan Ruschel voltaram a correr e treinar em Fevereiro de 2017.[8]

Acidente do Voo 2933 da Lamia[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Voo 2933 da LaMia

Neto é um dos sobreviventes da queda do Voo 2933 da Lamia, no dia 28 de novembro de 2016. A aeronave transportava a equipe do Chapecoense para Medellin, onde disputaria a primeira partida da final da Copa Sul-Americana de 2016.[9][10] Além da equipe da Chapecoense, a aeronave também levava 21 jornalistas brasileiros que cobririam a partida contra o Atlético Nacional (COL).[11] Na queda, o jogador sofreu um traumatismo cranioencefálico e foi submetido a uma cirurgia em um hospital da Colômbia, onde também contraiu uma pneumonia bacteriana. Ao acordar, Neto perguntou aos seus familiares o que havia ocorrido na partida contra o Atlético Nacional (COL) e porque estava com tantos ferimentos em seu corpo.

Apesar da gravidade da situação, Neto não sofreu lesões neurológicas, e o zagueiro tem boas chances de se recuperar completamente e voltar aos gramados.[12] O jogador ficou em estado de coma por vários dias, e só tomou conhecimento da tragédia cerca de duas semanas após o ocorrido.[13]

Neto deixou o hospital em Chapecó, emocionado com a perda dos amigos e visando um breve retorno ao time da Chapecoense.[14]

Aposentadoria[editar | editar código-fonte]

Em dezembro de 2019, o jogador resolveu encerrar a carreira nos gramados aos 34 anos[15][16]. Neto relatou que vinha sofrendo de dores cada vez mais insuportáveis, o que tornou inviável que continuasse a jogar.[17]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Até 2 de abril de 2016.

Clubes[editar | editar código-fonte]

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional[a]
Competições
continentais[b]
Outros
torneios[c]
Total
Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist.
Chapecoense 2015 23 3 0 1 0 0 4 0 1 3 0 0 31 3 1
2016 8 0 0 0 0 0 4 0 0 9 1 0 21 1 0
2017 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
2018 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Total 31 3 0 1 0 0 8 0 1 12 1 0 52 4 1
Total na carreira 31 3 0 1 0 0 8 0 1 12 1 0 52 4 2

Títulos[editar | editar código-fonte]

Paraná
Chapecoense

Referências

  1. Apelidado de 'grandão' por Neymar, Neto se diz 'zagueiro que chega junto'
  2. «Neto assume cargo de superintendente da Chapecoense: "Não vai ter sacanagem aqui"». globoesporte.com. Consultado em 13 de janeiro de 2020 
  3. lancenet.com.br: Guarani perde Neto para a decisão do Paulistão (8 de maio de 2012)
  4. gazetaesportiva.net: Guarani pede alto e Santos desiste de acerto com zagueiro Neto (21 de maio de 2012)
  5. esporte.uol.com.br: Inter confirma interesse em Neto, do Guarani, mas diz ter mais alvos para zaga (18 de maio de 2012)
  6. esporte.uol.com.br: Santos FC contrata o zagueiro Neto Arquivado em 31 de dezembro de 2012 no Archive.is
  7. «Direção da Chapecoense confirma o acerto com zagueiro Neto, ex-Santos» 
  8. «Neto e Alan Ruschel surpreendem com recuperação "além do esperado"». globoesporte.com 
  9. «Dois pernambucanos morrem em queda de avião da Chapecoense» 
  10. Paulo, iG São (29 de novembro de 2016). «Veja quem estava no voo da Chapecoense que matou 76 pessoas - Futebol - iG». Esporte 
  11. correio24horas.com.br/ Polícia de Medellín confirma morte de 76 pessoas em acidente com avião da Chapecoense
  12. «Neto pode voltar a jogar, acredita médico | Band.com.br». Chapecoense. Consultado em 3 de dezembro de 2016 
  13. «Zagueiro Neto é informado pelos médicos sobre acidente com avião da Chape - Futebol - UOL Esporte». UOL Esporte 
  14. «Neto deixa o hospital em Chapecó em cadeira de rodas, após 24 dias». sportv.com 
  15. «Sobrevivente da tragédia com avião da Chapecoense, zagueiro Neto anuncia aposentadoria». globoesporte.com. Consultado em 13 de dezembro de 2019 
  16. «Zagueiro Neto anuncia a sua aposentadoria do futebol». Lance!. Consultado em 13 de dezembro de 2019 
  17. «Ex-zagueiro Neto diz que parou por ordem médica: "Dor para amarrar o tênis"». www.uol.com.br. Consultado em 12 de janeiro de 2020 

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.