João Justino Amaral dos Santos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Veja Amaral para outros futebolistas brasileiros com o mesmo nome.

Amaral
Informações pessoais
Nome completo João Justino Amaral dos Santos
Data de nasc. 25 de dezembro de 1954 (63 anos)
Local de nasc. Campinas (SP), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,79m
Informações profissionais
Clube atual Aposentado
Posição ex-Zagueiro
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1971–1978
1979–1981
1981–1982
1982–1984
1984–1986
1987
Guarani
Corinthians
Santos
Club América
Leones Negros
Blumenau
00000 0000(0)
00133 0000(1)[1]
00000 0000(0)
00000 0000(0)
00000 0000(0)
00000 0000(0)
Seleção nacional3
1975 Brasil 00056 0000(0)[1]


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 1 de novembro de 2012.


3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 28 de outubro de 2011.

João Justino Amaral dos Santos, mais conhecido como Amaral (Campinas, 25 de dezembro de 1954), é um ex-futebolista brasileiro que atuava como zagueiro.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Amaral jogou pelo Guarani (1971-1978), Corinthians (1979-1981), Santos (1981-1982), no México pelo Club América (1982-1984) e (1984-1986) no Leones Negrose encerrou sua carreira em 1987 no Blumenau.

Um dos maiores zagueiros da História do Guarani, Amaral foi um zagueiro clássico, que preferia sair com a bola dominada a dar um bicão para a frente. Teve uma longa carreira na Seleção Brasileira, marcada por um momento importantíssimo na Copa de 1978. Na partida contra a Espanha, o Brasil corria o risco de não se classificar para a segunda fase caso fosse derrotado. Num ataque espanhol, o goleiro Leão acabou ficando batido. Amaral, com grande visão de jogo, postou-se sobre a linha de gol. A bola foi chutada pela equipe espanhola, e o zagueiro evitou o gol certo. Mas o rebote foi espanhol e uma nova tentativa foi feita. Mas Amaral estava lá novamente para tirar em cima da linha e entregar a bola às mãos de Leão. A partida terminou sem gols.[1]

Conquistou o Campeonato Paulista em 1979 e a Primeira Divisão Mexicana em 1984.

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Pela Seleção Brasileira, foi campeão do Torneio Bicentenário dos EUA, Taça do Atlântico, Copa Rio Branco, Copa Roca, todos em 1976 e participou da Copa do Mundo de 1978, formando a dupla de zaga titular, ao lado de Oscar.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Seleção Brasileira
Corinthians
Club América

Campanhas de destaque[editar | editar código-fonte]

Seleção Brasileira

Notas[editar | editar código-fonte]

  • Pelo Corinthians disputou disputou 133 jogos com 66 vitórias, 40 empates e 28 derrotas. Marcou 1 gol.
  • Pela Seleção Brasileira, jogou 56 partidas com 39 vitórias, 13 empates e 4 derrotas. Sua última partida pela seleção foi em 29 de junho de 1980 em um empate em 1x1 do Brasil contra a Polônia.

Referências

  1. a b «Amaral... Ex-zagueiro do Guarani e Corinthians». Terceiro Tempo. Consultado em 20 de agosto de 2018. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.