Nelinho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Manoel Rezende de Mattos Cabral, mais conhecido como Nelinho (Rio de Janeiro, 26 de julho de 1950), é um ex-futebolista brasileiro.

Começou no Bonsucesso, passando pelo FC Barreirense de Portugal e por América, Remo, e logo foi transferido para o Cruzeiro na década de 1970, clube pelo qual ganhou a Taça Libertadores da América em 1976, seu título mais importante. Seu chute potente e com efeito o tornou o melhor lateral direito do mundo na sua época, e um dos melhores cobradores de falta da história do futebol do país.

Defendeu a Seleção Brasileira em duas Copas do Mundo, sendo protagonista de um dos mais belos gols desse torneio, na decisão do terceiro lugar, disputada contra a Itália na Copa do Mundo de 1978: aos 19 minutos do segundo tempo, pela direita, chutou de três dedos, com a parte externa do pé direito; a bola, que parecia ir para fora, fez uma curva acentuada para a direita, indo parar no canto oposto do gol de Dino Zoff.

Jogou pelo Atlético Mineiro, sendo um dos heróis do Hexacampeonato Mineiro conquistado pela equipe entre 1978 e 1983.

Em 1979, Nelinho foi desafiado a chutar a bola pra fora do Mineirão. Aceitou o desafio e conseguiu.

http://youtu.be/eruZ8K6WT3s

Precedido por
Palhinha
Técnico do Cruzeiro
1994
Sucedido por
Ênio Andrade


Ícone de esboço Este artigo sobre um futebolista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.