Região Metropolitana de Lages

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Região Metropolitana de Lages
Localização
Localização da Região Metropolitana de Lages
Unidade federativa  Santa Catarina
Lei Lei Complementar Estadual de Santa Catarina 495 de 2010
Data da criação 26/01/2010
Número de municípios 23
Cidade-sede Lages
Características geográficas
Área 19 090,739 km²[1]
População 399 548 hab. (37º) Censo IBGE/2010[2]
Densidade 20,93 hab./km²
PIB R$ 4 975 822,953 mil IBGE/2008[3]
PIB per capita R$ 13 567,34 IBGE/2008[3]

A Região Metropolitana de Lages é uma região metropolitana brasileira, localizada no estado de Santa Catarina. Foi criada pela lei complementar estadual n° 495 de 2010.[4]

O núcleo metropolitano é constituído pelos municípios de Lages e Correia Pinto. A área de expansão metropolitana é integrada pelos municípios de Anita Garibaldi, Bocaina do Sul, Campo Belo do Sul, Capão Alto, Cerro Negro, Otacílio Costa, Painel, Palmeira, Ponte Alta, São José do Cerrito, Curitibanos, Frei Rogério, Ponte Alta do Norte, Santa Cecília, São Cristóvão do Sul, São Joaquim, Bom Jardim da Serra, Bom Retiro, Rio Rufino, Urubici e Urupema. Todos os municípios juntos somam uma população aproximada em 380,000 habitantes.[5]

Referências

  1. IBGE (10 de outubro de 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  2. «Censo Demográfico 2010». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 5 de dezembro de 2010 
  3. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 12 de dezembro de 2010 
  4. LEI COMPLEMENTAR Nº 495, de 26 de janeiro de 2010
  5. http://www.lages.sc.gov.br/dinamica/ver_noticia.php?codigo=5563