Região Metropolitana de São José do Rio Preto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Região Metropolitana de São José do Rio Preto
Localização
Localização da Região Metropolitana de São José do Rio Preto
Unidade federativa  São Paulo
Lei LCE 1359/2021
Data da criação Diário Oficial - Executivo, 25/08/2021, p.1
Número de municípios 37
Cidade-sede São José do Rio Preto
Características geográficas
Área Não disponível
População 918,000[1] hab. {{{data_pop}}}
Densidade hab./km²

A Região Metropolitana de São José do Rio Preto, chamada também de Grande Rio Preto, é uma região metropolitana do estado de São Paulo, Brasil, criada pelo governo estadual[2] através de lei complementar nº 1.359, de 24 de agosto de 2021[3]. É formada por 37 municípios, totalizando uma população de aproximadamente 918 mil habitantes.[4][5]

A Região Metropolitana de São José do Rio Preto tem por objetivos promover: I - o planejamento regional para o desenvolvimento socioeconômico e a melhoria da qualidade de vida; II - a cooperação entre diferentes níveis de governo, mediante a descentralização, articulação e integração de seus órgãos e entidades da administração direta e indireta com atuação na região, visando ao máximo aproveitamento dos recursos públicos a ela destinados; III - a utilização racional do território, dos recursos naturais e culturais e a proteção do meio ambiente, mediante o controle da implantação dos empreendimentos públicos e privados na região; IV - a integração do planejamento e da execução das funções públicas de interesse comum aos entes públicos atuantes na região; V - a redução das desigualdades regionais. (artigo 2º da lei)

Está previsto como funções públicas de interesse comum ao Estado e aos Municípios da Região os seguintes campos funcionais: I - planejamento e uso do solo; II - transporte e sistema viário regional; III - habitação; IV - saneamento ambiental; V - meio ambiente; VI - desenvolvimento econômico; VII - atendimento social; VIII - esportes e lazer; IX - turismo. (artigo 7º da lei)

Municípios[editar | editar código-fonte]

Município População (2021)[6]
Adolfo 3.545
Bady Bassitt 18.013
Bálsamo 9.209
Cedral 9.452
Guapiaçu 22.087
Ibirá 12.639
Icém 8.363
Ipiguá 5.557
Irapuã 8.101
Jaci 7.322
José Bonifácio 37.707
Macaubal 8.174
Mendonça 5.638
Mirassol 60.768
Mirassolândia 4.966
Monte Aprazível 25.651
Neves Paulista 8.917
Nipoã 5.381
Nova Aliança 7.161
Nova Granada 21.871
Olímpia 55.477
Onda Verde 4.462
Orindiúva 7.318
Palestina 13.285
Paulo de Faria 8.973
Planalto 5.370
Poloni 6.166
Potirendaba 17.668
Sales 6.481
São José do Rio Preto 469.173
Severínia 17.820
Tanabi 26.231
Ubarana 6.488
Uchoa 10.191
União Paulista 1.886
Urupês 13.965
Zacarias 2.784

Distritos[editar | editar código-fonte]

Municípios Distritos
Ibirá Termas de Ibirá
Mirassol Ruilândia
Monte Aprazível Engenheiro Balduíno
Itaiúba
Junqueira
Neves Paulista Barra Dourada
Miraluz
Nova Aliança Nova Itapirema
Nova Granada Ingás
Mangaratú
Onda Branca
Olímpia Baguaçu
Ribeiro dos Santos
Palestina Boturuna
Duplo Céu
Jurupeba
São José do Rio Preto Engenheiro Schmitt
Talhado
Tanabi Ibiporanga
Urupês São João do Itaguaçu

Economia[editar | editar código-fonte]

O PIB da Região Metropolitana de São José do Rio Preto é de aproximadamente 32 bilhões de reais por ano.[1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Após aprovação da Alesp, leis que criam as regiões metropolitanas de São José do Rio Preto e Piracicaba são sancionadas». www.al.sp.gov.br. Consultado em 8 de novembro de 2021 
  2. «Rio Preto e Piracicaba são as novas Regiões Metropolitanas do estado após sanção de Doria». Diário do Transporte. 24 de agosto de 2021. Consultado em 19 de outubro de 2021 
  3. «Lei Complementar nº 1.359, de 24 de agosto de 2021». www.al.sp.gov.br. Consultado em 30 de março de 2022 
  4. «Sancionada criação das Regiões Metropolitanas de S. José do Rio Preto e Piracicaba». Governo do Estado de São Paulo. 24 de agosto de 2021. Consultado em 7 de setembro de 2021 
  5. «SP cria regiões metropolitanas de São José do Rio Preto e Piracicaba». R7.com. 24 de agosto de 2021. Consultado em 7 de setembro de 2021 
  6. Nacional, Imprensa. «Portaria - DOU - Imprensa Nacional». www.in.gov.br. Consultado em 2 de janeiro de 2022 
Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia de São Paulo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.