Salto do Céu

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Município de Salto do Céu
Bandeira indisponível
Brasão indisponível
Bandeira indisponível Brasão indisponível
Hino
Aniversário 2 de setembro
Fundação 1979
Gentílico saltense [1]
Prefeito(a) Wemerson Adão Prata (PP)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Salto do Céu
Localização de Salto do Céu em Mato Grosso
Salto do Céu está localizado em: Brasil
Salto do Céu
Localização de Salto do Céu no Brasil
15° 07' 48" S 58° 07' 37" O15° 07' 48" S 58° 07' 37" O
Unidade federativa Mato Grosso
Mesorregião Sudoeste Mato-Grossense IBGE/2008[2]
Microrregião Jauru IBGE/2008[2]
Municípios limítrofes Barra do Bugres, Rio Branco, Lambari d'Oeste, Reserva do Cabaçal
Distância até a capital 371 km
Características geográficas
Área 1 312,186 km² [3]
População 3 347 hab. estimativa IBGE/2017[4]
Densidade 2,55 hab./km²
Altitude 300 m
Clima Tropical subúmido Aw
Fuso horário UTC−4
Indicadores
IDH-M 0,702 alto PNUD/2000[5]
PIB R$ 33 034,628 mil IBGE/2008[6]
PIB per capita R$ 8 933,11 IBGE/2008[6]

Salto do Céu é um município brasileiro do estado de Mato Grosso.

História[editar | editar código-fonte]

As origens do município estão no desdobramento dos assentamentos de colonos da Colônia Rio Branco, a partir de 1960.  Dando prosseguimento à procura de glebas aptas para produção de cereais, João Augusto Capilé Filho, chefe da Comissão de Planejamento da Produção, penetrou em terreno de mata fechada acima do Rio Branco, tendo a impressão que entrava em região virgem, intocada, tal a imponência que apresentava a floresta. Subindo o Rio Branco, Capilé escutou o rumor de um salto. Procurou conhecê-lo e se deparou com uma enorme queda d'água. Impressionado pela altura denominou-o Salto do Céu. Em homenagem à queda d'água, o lugar de assentamento dos colonos adotou o nome de Salto do Céu.

A chegada de João Carreiro de Sá e de Cipriano Ribeiro Sobrinho assinalou o início da ocupação da terra em Salto do Céu. Os dias de abertura foram todos árduos, pois o trabalho era feito com foice, facão e machado.

O município foi criado em 13 de dezembro de 1979, pela Lei nº 4.152. Salto do Céu possui ainda várias comunidades importantes, tal como, Vila Progresso, São Jorge e Cristinópolis. Comunidades essas, que contribui para um grande desenvolvimento econômico da Cidade de Salto do Céu.

Procura-se ainda abrir novos leques de pesquisas quanto um estudo aprofundado sobre o município de Salto do Céu, em relação a origem de seus distritos, e povoados.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 15º07'47" sul e a uma longitude 58º07'36" oeste, estando a uma altitude de 300 metros. Sua população estimada em 2017 era de 3 347 habitantes. Possui uma área de 1299,57 km².

Clima[editar | editar código-fonte]

O clima de Salto do Céu é o tropical subúmido, caracterizado por um período chuvoso, entre outubro e março, e um período seco, entre abril e setembro. Durante os meses de abril a setembro, frentes frias e massas de ar polar atlântica trazem o frio, derrubando as temperaturas bruscamente durante o dia, não ultrapassando os 15°C, e durante a madrugada, alcançando 6°C ou menos. Entre os meses de setembro a novembro, a temperatura pode alcançar 40°C, sendo comum dias com máximas de 37°C. A partir de 28 de janeiro de 2008 o INMET instalou uma estação automática no município, sendo a única da Microrregião do Jauru.

Turismo[editar | editar código-fonte]

Quanto ao turismo, Salto do Céu, possui várias cachoeiras lindas, como a; Salto das Estrelas, Salto das Nuvens, Cachoeira das Abelhas, entre outras que ainda não são conhecidas pelo habitantes da mesma.

Distritos[editar | editar código-fonte]

Salto do Céu possui várias comunidades importantes, tal como, Vila Progresso, São Jorge e Cristinópolis. Comunidades essas, que contribui para um grande desenvolvimento econômico da Cidade de Salto do Céu.

Economia[editar | editar código-fonte]

Atualmente a economia de Salto do Céu, é baseada na produção de bovinos, leiteiro e corte.

Religião[editar | editar código-fonte]

Religião no Município de Salto do Céu segundo o censo de 2010.[7]

Religião %
Catolicismo 51,1
Protestantismo 35,4
Outras 0,8
Sem religião 12,7

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. [[1]]
  2. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  3. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  4. «Estimativas da população 2017». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. 30 de agosto de 2017. Consultado em 30 de agosto de 2017 
  5. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  6. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010 
  7. cidades.ibge.gov.br https://cidades.ibge.gov.br/brasil/mt/salto-do-ceu/pesquisa/23/22107?detalhes=true. Consultado em 26 de abril de 2019  Em falta ou vazio |título= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Mato Grosso é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.