Evan Rachel Wood

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Evan Rachel Wood
Wood na première do filme Tudo Pode Dar Certo, em 22 de abril de 2009
Nascimento 7 de setembro de 1987 (27 anos)
Raleigh, Carolina do Norte
 Estados Unidos
Ocupação Atriz
Cônjuge Jamie Bell
Atividade 1994 - presente
IMDb: (inglês)

Evan Rachel Wood (Raleigh, 7 de setembro de 1987)[1] é uma atriz norte-americana.

Iniciou sua carreira na década de 1990, aparecendo em diversos seriados de televisão, entre eles American Gothic e Once and Again. Sua estreia no cinema ocorreu em 2002, com o filme Little Secrets (2002), e se tornou mais conhecida após ser indicada para o Globo de Ouro no filme de drama adolescente Thirteen (2003).

Wood continuou atuando, principalmente em filmes independentes, incluindo Pretty Persuasion (2005), Down in the Valley (2006) e Running with Scissors (2006), e na produção cinematográfica Across the Universe (2007). Em 2008, Wood começou a aparecer mais em filmes comerciais, entre eles: The Wrestler (2008), Tudo Pode Dar Certo (2009) e The Ides of March (2011). Ela também voltou à televisão, interpretando a personagem Sophie-Anne no seriado True Blood, entre os anos de 2009 à 2011; Wood também fez a personagem Veda Pierce no seriado da HBO, Mildred Pierce, papel que lhe rendeu uma segunda indicação ao Globo de Ouro, e ao Emmy na categoria de Melhor Atriz Coadjuvante.

Wood foi descrita pelo jornal britânico The Guardian como "uma das melhores atrizes de sua geração". Em sua vida pessoal, ela teve um relacionamento com o cantor Marilyn Manson, no qual haviam ficado noivos, até que se separaram em agosto de 2010, sendo que durante o tempo que ficaram juntos, despertaram a atenção da imprensa.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Evan Rachel Wood nasceu na cidade de Raleigh, Carolina do Norte, nos Estados Unidos. Seu pai, Ira David Wood III nasceu em 19 de novembro de 1947, e também é ator, além de já ter trabalhado como cantor, diretor de teatro e dramaturgo, sendo que atualmente é diretor executivo de uma companhia de teatro local, chamada Theatre in the Park.[2] Sua mãe, Sara Lynn Moore nasceu em 6 de março de 1958, e também trabalha como atriz, além de ser diretora e professora de atuação.[3] Wood têm dois irmãos, Dana e Ira David Wood IV, sendo que este último também é ator. Sua tia paterna, Carol Winstead Wood trabalha como designer de produção em Hollywood.[4]

Wood e seus irmãos foram envolvidos ativamente na companhia de teatro de seu pai, Theatre in the Park, durante sua infância, sendo que ela fez uma aparição em uma de suas peças, em 1987, numa adaptação de A Christmas Carol, quando tinha somente alguns meses de idade.[5] Posteriormente, ela participou de outra peça natalina, chamada Ghost of Christmas Past, e mais tarde ela fez o papel da personagem Helen Keller, ao lado de sua mãe (que interpretou Anne Sullivan), sob a direção de seu pai, em uma adaptação para o teatro do filme O Milagre de Anne Sullivan.[6] [7]

Vida profissional[editar | editar código-fonte]

Primeiros trabalhos: 1994-2000[editar | editar código-fonte]

Wood começou sua carreira fazendo uma pequena participação no seriado American Gothic.[1] Em 1996, os seus pais se separaram, e depois se divorciaram, e Wood acabou se mudando com a sua mãe para a cidade natal dela, no Condado de Los Angeles, na Califórnia.[3] [1] Nessa mesma época, ela entrou para o seriado Profiler do canal de televisão NBC, onde ficou por uma temporada;[8] e logo depois, ela foi escalada para fazer a personagem Jessie Sammler na série televisiva Once and Again, onde ficou até o ano de 2002.[8] Com este seriado, Wood venceu a categoria "Melhor Elenco de Série de TV" da premiação Young Artist Awards de 2001.[9]

A primeira produção da carreira de Wood foi em 1998, no filme de baixo orçamento Digging to China (no Brasil, com o título O Poder da Emoção), no qual fez a personagem Harriet Frankovitz, e atuou ao lado de Kevin Bacon e Mary Stuart Masterson. Wood disse que inicialmente fazer esse filme foi difícil, mas ela observou que: "eventualmente, o filme me levou a decisão de que atuar é algo que eu nunca poderia parar de fazer".[3] Nesse mesmo ano, ela também fez o filme Practical Magic (no Brasil, sob o título Da Magia à Sedução), um filme de fantasia familiar, onde contracenou ao lado de Nicole Kidman e Sandra Bullock, sendo o seu primeiro filme que teve um lançamento para os cinemas.[1] [10]

2001-2005: Thirteen, The Missing e The Upside of Anger[editar | editar código-fonte]

Evan Rachel Wood em 2005.

Em 2002, Wood fez o filme Little Secrets que foi dirigido por Blair Treu, onde interpretou a personagem Emily Lindstrom. O filme recebeu uma aprovação de 60% no agregador de resenhas Rotten Tomatoes e teve um faturamento de US$ 405 mil dólares.[11] [12] Nesse mesmo ano, Wood entrou no elenco do filme de ficção-científica S1m0ne, onde interpretou a personagem Lainey Christian.[8]

Em 2003 Wood protagonizou o filme Thirteen (no Brasil, sob o título Aos Treze em Portugal-Treze Inoncencia Perdida). Ela fez a personagem Tracy Freeland, e na película, sua personagem se afunda em drogas ilícitas, sexo, automutilação e em pequenos crimes. Sua atuação foi bastante elogiada, e ela acabou recebendo uma indicação para o Globo de Ouro, na categoria de Melhor Atriz - mas acabou perdendo para Charlize Theron com o filme Monster.[13] Thirteen faturou 10 milhões de dólares nas bilheterias mundiais, e recebeu uma aprovação de 82% no agregador de resenhas Rotten Tomatoes.[14] [15] Durante o lançamento deste filme, Wood foi capa da revista Vanity Fair na edição de julho de 2003.[16] Nesse mesmo ano, ela entrou no elenco de Desaparecidas, onde interpretou a personagem Lilly Gilkeson, uma garota que é sequestrada, o que acaba fazendo com que sua família se mobilize para tentar encontrá-la. Também em 2003, ela fez o papel de Nora Easton no episódio "Got Murder?", da 3ª temporada do seriado CSI: Crime Scene Investigation.

Em 2005 Wood esteve no filme The Upside of Anger (no Brasil, sob o título A Outra Face da Raiva) do diretor Mike Binder. Ela atuou ao lado de Kevin Costner e Joan Allen, interpretando a personagem Lavender "Popeye" Wolfmeyer, que na película, lida com a ausência de seu pai. Sua personagem também narrou o filme.[3] Este filme faturou 28 milhões de dólares mundialmente, e recebeu uma aprovação de 75% dos críticos de cinema.[17] [18]

Os próximos dois papéis de Wood foram em filmes independentes. O primeiro foi Pretty Persuasion (no Brasil, com o título Garotas Malvadas), um filme de humor negro, centrado no assédio sexual, na discriminação escolar e nas atitudes da mulher na mídia e na sociedade.[19] Neste filme, Wood fez a personagem Kimberly Joyce, uma vilã sexualmente ativa.[8] Ela também protagonizou o filme, Down in the Valley, filme dirigido por David Jacobson.

Wood também protagonizou dois videoclipes nesta mesma época, "At the Bottom of Everything" da banda Bright Eyes e "Wake Me Up When September Ends" do Green Day.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

No verão de 2011, foi anunciado que Wood e Jamie Bell voltaram a ter um relacionamento, cinco anos depois do primeiro ter se rompido.[20] Os dois se casaram em uma pequena cerimônia em 30 de outubro de 2012.[21] No dia 30 de julho de 2013, nasceu o primeiro filho do casal.[22]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Ano Título Título em português Papel Observações
1995 A Father for Charlie Tessa feito para televisão
1998 Practical Magic br: Da Magia à Sedução
pt: Magia e Sedução
Kylie Owens
Digging to China br: O Poder da Emoção Harriet Frankovitz lançamento limitado
1999 Down Will Come Baby Robin Garr feito para televisão
2002 Little Secrets Emily Lindstrom
S1m0ne Lainey Christian
2003 The Missing Pt: Desaparecidas

Br: Sequestradas

Lilly Gilekson
Thirteen br: Aos Treze

pt:Treze-Inoncencia Perdida

Tracy Louise Freeland Indicada ao Globo de Ouro
2005 Pretty_Persuasion br: Garotas Malvadas Kimberly Joyce Lançamento limitado
The Upside of Anger Lavender 'Popeye' Wolfmeyer
2006 Running with Scissors br: Correndo com Tesouras Natalie
Down in the Valley br: Vale Proibido

pt:O Vale Proibido

October Summers(Tobe)
King of California br: O Rei da Califórnia Miranda
Astérix et les vikings br: Asterix e os Vikings Abba Lançamento limitado
2007 The Life Before Her Eyes Diana (jovem)
Across the Universe br: o Universo a volta

pt: atras do Universo

Lucy
2008 The Wrestler pt:o Wrestler Stephanie
2009 Whatever Works br: Tudo Pode Dar Certo Melodie
Phantasmagoria: The Visions of Lewis Carroll Alice
True Blood br: True Blood

pt: Sangue Fresco

Sophie-Anne Leclerq Série de televisão
2011 Mildred Pierce Veda Pierce Minissérie exibida na HBO
The Ides of March Molly Stearns
2013 Charlie Countryman Gabi Banyai
A Case of You Birdie
2014 Barefoot Daisy Kensington
10 Things I Hate About Life

Premiações[editar | editar código-fonte]

  • 2003 - Recebeu uma indicação ao Globo de Ouro de melhor atriz, por Thirteen
  • 2003 - Recebeu uma indicação ao MTV Movie Awards de melhor revelação feminina, por Thirteen

Referências

  1. a b c d "Evan Rachel Wood: Biography - People.com" (em inglês) 'People'. Cópia arquivada em 26 de agosto de 2012.
  2. Henerson, Evan (4 de setembro de 2002). "Rumor has it that Evan Rachel Wood is headed for stardom" (em inglês) Chicago Tribune. Cópia arquivada em 26 de agosto de 2012.
  3. a b c d O'Toole, Lesley (24 de junho de 2006). "Distress princess" (em inglês) The Guardian. Cópia arquivada em 26 de agosto de 2012.
  4. McDowell, Robert W. (1 de dezembro de 2004). "PREVIEW: Theatre in the Park Preview: A Christmas Carol, Starring David Wood as Scrooge, Will Have New Scenery and New Choreography" (em inglês) Classical Voice of North Carolina. Cópia arquivada em 26 de agosto de 2012.
  5. "ET Birthdays" - transmitido em 7 de setembro de 2009 no Entertainment Tonight.
  6. Kappes, Serena, Amy Longsdorf e Nick White (9 de março de 2005). "Celeb Spotlight: Evan Rachel Wood." (em inglês) People. Cópia arquivada em 26 de agosto de 2012.
  7. Kennedy, Douglas (26 de outubro de 2007). "Evan Rachel Wood lives life to the full" (em inglês) couriermail.com.au. Cópia arquivada em 26 de agosto de 2012.
  8. a b c d "Evan Rachel Wood Biography" (em inglês) Yahoo!. Cópia arquivada em 26 de agosto de 2012.
  9. "22nd Annual Awards" (em inglês) Young Artist Awards.
  10. "Practical Magic - Box Office Mojo" (em inglês) Box Office Mojo. Visitado em 26 de agosto de 2012.
  11. "Little Secrets (2002) - Rotten Tomatoes" (em inglês) Rotten Tomatoes. Visitado em 26 de agosto de 2012.
  12. "Little Secrets - Box Office Mojo" (em inglês) Box Office Mojo. Visitado em 26 de agosto de 2012.
  13. "HFPA - Awards Search" (em inglês) Hollywood Foreign Press Association. Cópia arquivada em 27 de agosto de 2012.
  14. "Thirteen (2003) - Box Office Mojo" (em inglês) Box Office Mojo. Visitado em 27 de agosto de 2012.
  15. "Thirteen (2002) - Rotten Tomatoes" (em inglês) Rotten Tomatoes. Visitado em 27 de agosto de 2012.
  16. (Julho de 2003) "Teen Engines: Riding with the Kid Cultur". Vanity Fair: 157.
  17. "The Upside of Anger - Box Office Mojo" (em inglês) Box Office Mojo. Visitado em 27 de agosto de 2012.
  18. "The Upside of Anger - Rotten Tomatoes" (em inglês) Rotten Tomatoes. Visitado em 27 de agosto de 2012.
  19. "DVD Garotas Malvadas" Lojas Americanas. Cópia arquivada em 27 de agosto de 2012.
  20. "Wood, Bell rekindle romance" (em inglês) Toronto Sun (1 de julho de 2011). Visitado em 3 de novembro de 2012.
  21. "Evan Rachel Wood e Jaime Bell se casam" Ego. Globo.com (2 de novembro de 2012). Visitado em 3 de novembro de 2012.
  22. Evan Rachel Wood and Jamie Bell confirm birth of son (em inglês) BBC (30 de julho de 2013). Visitado em 31 de julho de 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]