Siri de Ramos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Boca de Siri)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Siri de Ramos
Bandeira do GRES Boca de Siri.png
Fundação 29 de janeiro de 1997 (22 anos)
Escola-madrinha Imperatriz[1]
Cores
Verde
Branco
Símbolo Siri
Bairro Ramos
Desfile de 2019
Enredo "A Soberana Ordem dos Barões – Os Caminhos te Conduzem à Leopoldina"

Grêmio Recreativo Escola de Samba Siri de Ramos é uma escola de samba da cidade do Rio de Janeiro,[2] sendo localizado no bairro de Ramos, mais precisamente na Comunidade Roquete Pinto, próximo do Piscinão.

Suas cores são o verde e o branco, as mesmas da escola madrinha, a Imperatriz Leopoldinense.[1]

História[editar | editar código-fonte]

O Boca de Siri foi fundado no dia 7 de dezembro de 1979, como bloco. Mais tarde filiou-se à Federação dos Blocos, sempre participando de festas no Piscinão.[3]

Mestre Beto, ex-diretor de bateria da Imperatriz Leopoldinense, é considerado figura importante do bloco, que foi campeão por cinco anos consecutivos, vencendo o Grupo 2 dos blocos em 2006, e o grupo um entre 2007 e 2010.[4][5]

Em 2011, o Boca de Siri, com o enredo Doce infância, sagrou-se pentacampeão do Grupo 1 dos blocos de enredo, sendo o primeiro bloco a se transformar em escola de samba automaticamente, sem passar por avaliação.[6] Após isso, pensou-se em mudar de nome, para Acadêmicos de Ramos, o que no entanto foi rechaçado pela diretoria que decidiu continuar com o mesmo nome. já no seu primeiro ano, sagrou-se levantou mais um título, agora do Grupo de acesso E, num enredo sobre as mulheres. no ano de 2013, depois de vários anos consecutivos ganhando, dessa vez o Boca de Siri não levou mais um caneco. onde apresentou nesse ano, o enredo sobre Xingú.[7]

Depois do carnaval 2018, a direção da escola resolveu mudar de nome, agora sendo Siri de Ramos, no ano em que estreia na Série B.

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Categoria no Commons

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Edivaldo Oliveira "Vadão" ?-atualidade [8]

Diretores[editar | editar código-fonte]

Ano Diretor de Carnaval Diretor geral de harmonia Mestre de bateria Ref.
2013–2014 Edivaldo Oliveira "Vadão" Tonny Beto [9]
2015 Edivaldo Oliveira "Vadão" Edivaldo Oliveira "Vadão" Beto [10]
2019 Nei Costa Uilian Beto

Intérpretes[editar | editar código-fonte]

Período Intérprete oficial Referência
2006–2015 Jefão [11]
2016 Taroba
2017 Jefão
2018 Alexandre D'Mendes
2019–presente Jefão

Coreógrafo[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2012 Wanderson Oliveira [12]
2014 Wanderson Frattine
2019 Thiago Fagundes

Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2014 Gutierrez e Lohane
2015 Marcos Antônio e Glaucia Paiva [11]
2016 Maycon e Larissa Vitória
2018 Diego Lucas e Thainara
2019 Diego Lucas e Monalisa Mendes

Corte de bateria[editar | editar código-fonte]

Ano Rainha Ref.
2012 Meiry Ellen
2013–2016 Carmem Montego [13]
2017-atualmente Nanda Marquez

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Boca de Siri
Siri de Ramos
Ano Colocação Divisão Enredo Carnavalesco Ref.
2003 3° Lugar Grupo Avaliação
(Blocos)
[14]
2004 Campeão Grupo 3
(Blocos)
[15]
2005 3° Lugar Grupo 2
(Blocos)
[16]
2006 Campeão Grupo 2
(Blocos)
"Canto a Dicró, sua praia é Ramos" Valério Guidinelle [17]
2007 Campeão Grupo 1
(Blocos)
"Amazônia – Verde que te quem verde, Verde quete quem ver-te"
(Samba-enredo composto por Laércio, Marcello Lopes, Pardal, Bete Palavrão e Toti)
Valério Guidinelle [18][19]
2008 Campeão Grupo 1
(Blocos)
"Zumbi dos Palmares, o líder negro de todas as raças" Valério Guidinelle [20][21]
2009 Campeão Grupo 1
(Blocos)
"Luiz Gonzaga do povo" Valério Guidinelle [22][23]
2010 Campeão Grupo 1
(Blocos)
"Jorge Guerreiro" Valério Guidinelle [24][25]
2011 Campeão Grupo 1
(Blocos)
"Doce infância" Valério Guidinelle [26][27]
2012 Campeã Grupo E "Personalidade mulher"
(Samba-enredo composto por Laércio, Naldo, Pc do repique, Mauricio do Pandeiro, Toti e Fernando de Lima)
Valério Guidinelle [28][29]
2013 6.º Lugar Grupo C "Brasil, território Xingú" Valério Guidinelle [30]
2014 9.º Lugar Grupo C "Tem futebol no país do Carnaval!" Valério Guidinelle e Renato Bandeira [31]
2015 8.º Lugar Série C "Da praia de Maria Angu ao Piscinão de Ramos!"
(Samba-enredo composto por Édson Silva “Edinho”, Lucas Moreno, Claudinho do Pagode, Licinho, Diego Martins e Canindé)
Valério Guidinelle [11]
2016 5.º Lugar Série C "Do reino das Yabás... As candaces e a riqueza cultural do Brasil!" Valério Guidinelle [32]
2017 5.º Lugar Série C "Brincar carnaval é…" Valério Guidinelle
2018 Vice-campeã Série C "Vamos falar de índios " Eduardo Pinho [33]
2019 9.º Lugar Série B "A Soberana Ordem dos Barões – Os Caminhos te Conduzem à Leopoldina" Mateus Medeiros e Monica Cabull [34]
2020 Série B

Títulos[editar | editar código-fonte]

Títulos da Boca de Siri
Divisão Títulos Carnavais
Trophy (transp. Simón Bolívar Cup).png Série E 1 2012

Premiações[editar | editar código-fonte]

Prêmios recebidos pelo GRES Boca de Siri.

Ano Prêmio Categoria / premiados Divisão Ref.
2012 Troféu Jorge Lafond Campeã do Grupo E Grupo E [35]
Plumas & Paetês Compositores (Laércio, Naldo, PC do Repique, Mauricio do Pandeiro, Toti e Fernando de Lima) [36]
Coreógrafo (Wanderson Oliveira)
Diretor de carnaval (Edvaldo Pereira de Oliveira)
2013 Plumas & Paetês Carnavalesco (Valério Guidinelle) Série C [37]
Pesquisador (Valério Guidinelle)

Referências

  1. a b Begha Lindemberg, de Ramos, e Gisele Netto (12 de novembro de 2002). «Fofoca vira samba». Consultado em 27 de março de 2014. Cópia arquivada em 27 de março de 2014 
  2. «Blocos de enredo – Carnaval 2007». JB On Line. Consultado em 1 de janeiro de 2010 
  3. «Grupo Boca de Siri se apresenta em Ramos». RJTV. 30 de dezembro de 2008. Consultado em 19 de dezembro de 2010 
  4. «Guia Oficial do carnaval 2010 – Blocos de Enredo». Riotur. Consultado em 14 de maio de 2010 
  5. «Classificação 2010». Federação dos Blocos do Estado do Rio de Janeiro. Consultado em 1 de agosto de 2010 
  6. «Bloco Boca de Siri vai estrear em 2012 como escola de samba no Rio». G1. 23 de novembro de 2011. Consultado em 25 de novembro de 2011 
  7. Mirian Santos, para o Esquina do Samba (14 de fevereiro de 2013). «Desfile Boca de Siri 2013». 15:04. Consultado em 22 de maio de 2013 
  8. Academia do Samba. «Diretoria». Consultado em 26 de maio de 2014 
  9. [1]
  10. «Galeria do Samba – As escolas de samba do Rio de Janeiro – Carnaval de 2015 – Siri de Ramos». Galeria do Samba – As escolas de samba do Rio de Janeiro 
  11. a b c «Boca de Siri – sambanaintendente». archive.is. 20 de novembro de 2015. Arquivado do original em 20 de novembro de 2015 
  12. [2]
  13. «Intendente: Boca de Siri dá um mergulho na Intendente». SRZD – Sidney Rezende 
  14. «carnaval2003». www.federacaodosblocos.com. Consultado em 31 de janeiro de 2019 
  15. «Carnaval2004». www.federacaodosblocos.com. Consultado em 31 de janeiro de 2019 
  16. «CARNAVAL2005». www.federacaodosblocos.com. Consultado em 31 de janeiro de 2019 
  17. Federação dos Blocos. «Boca de Siri 2006». Consultado em 5 de novembro de 2013 
  18. Federação dos Blocos. «Boca de Siri 2007». Consultado em 5 de novembro de 2013 
  19. «Federação dos Blocos – Resultados 2007» 
  20. Federação dos Blocos. «Boca de Siri 2008». Consultado em 5 de novembro de 2013 
  21. «Federação dos Blocos – Resultados 2008» 
  22. Federação dos Blocos. federacaodosblocos/2009.htm «Boca de Siri 2009» Verifique valor |URL= (ajuda). Consultado em 5 de novembro de 2013 
  23. «Federação dos Blocos – Resultados 2009» 
  24. Federação dos Blocos. «Boca de Siri 2010». Consultado em 5 de novembro de 2013 
  25. «Federação dos Blocos – Resultados 2010» 
  26. Federação dos Blocos. «Boca de Siri 2011». Consultado em 5 de novembro de 2013 
  27. «Federação dos Blocos – Resultados 2011» 
  28. Academia do Samba. «Boca de Siri 2012». Consultado em 5 de novembro de 2013 
  29. SRZD-Carnaval (22 de fevereiro de 2012). «Veja como foram os desfile das escolas do Grupo E». 20h51. Consultado em 5 de novembro de 2013 
  30. Academia do Samba. «Boca de Siri 2013». Consultado em 5 de novembro de 2013 
  31. Galeria do Sambaa (18 de julho de 2013). «Boca de Siri divulga sinopse do enredo do Carnaval 2014». 17:01. Consultado em 19 de julho de 2013 
  32. http://www.radioarquibancada.com.br/?platform=hootsuite
  33. «G.R.E.S. BOCA DE SIRI». Galeria do Samba. Consultado em 19 de janeiro de 2018 
  34. «Siri de Ramos 2019». Apoteose.com. Consultado em 19 de janeiro de 2019 
  35. «Troféu Jorge Lafond 2012». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 27 de junho de 2016 
  36. «Plumas e Paetês 2012». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 10 de junho de 2016 
  37. «9ª edição do Troféu Plumas & Paetês será na Cidade do Samba». CARNAVAL CARIOCA – O melhor carnaval do mundo – Ano 7. Consultado em 13 de junho de 2016