União do Parque Curicica

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Curicica
Bandeira do GRES União do Parque Curicica.png
Fundação 1 de março de 1993 (25 anos)
Cores

Azul

Vermelho

Branco

Símbolo Aperto de mão
Bairro Curicica
Presidente Lorraine Rosa
Presidente de honra João de Jesus
Carnavalesco Wagner Gonçalves
Intérprete oficial Ronaldo Yllê
Diretor de carnaval Jeferson Carlos e Jota Lourenço
Diretor de harmonia Alexandre Costa
Diretor de bateria Yan Hurley
Rainha da bateria Shayene Cesário
Mestre-sala e porta-bandeira Ewerton Anchieta e Cássia Maria
Coreógrafo Marcello Moragas e Marcelo Chocolate
Desfile de 2019
Enredo Eu vi Deus, ela é negra!
Posição de desfile 5ª - 01:00
5 de Março
www.curicica.com.br

Grêmio Recreativo Escola de Samba União do Parque Curicica é uma escola de samba do carnaval carioca, sendo sediada no bairro de mesmo nome.[1]

Sua sede possui camarotes, palanque de bateria com letreiro do enredo, salas de baianas, velha-guarda e compositores, bares, sem falar do espaço interno. Já foi presidida pelo popular Zezinho Orelha, que mais tarde seria, por dois carnavais, o presidente da AESCRJ.

História[editar | editar código-fonte]

A União do Parque Curicica foi fundada no ano de 1993, mas só desfilou como escola de samba em 1999, quando se apresentou para a avaliação da AESCRJ.

Em 2003, a escola chegou à Marquês de Sapucaí e fez uma boa estreia com o enredo sobre os 90 anos do Mercadão de Madureira, obtendo a 5º colocação. entretanto, no ano seguinte, a escola apresentou um enredo confuso sobre um ser interplanetário que pousa sua nave espacial em terras brasileiras, e se encanta com a fauna e a flora, mas se decepciona como homem que é alimentado por um bicho de sete cabeças, representado pela ganãmcia, poder, ira, miséria, ódio, guerra e desunião. Sob chuva incessante, a União do Parque Curicica foi a 10º colocada e foi rebaixada de grupo.

Sob as mãos do carnavalesco Jorge Caribé, a escola deu a volta por cima em 2005, sagrando-se campeã do Grupo C com o enredo "Bahia de São Salvador, o Porto Seguro do Brasil". De volta a Sapucaí, o mesmo carnavaleco levou a escola ao 4º lugar em 2006, com o irreverente enredo que levantou a bandeira GLS.

Em 2007, a escola exaltou o Brasil, apresentando os encantos que o país oferece do Oiapoque ao Chuí, obtendo a 8º colocação.

Em 2008, a escola abordou a água como o elemento gerador da vida e os riscos do desperdício para o homem e para a natureza. O desfile foi prejudicado pela chuva e a escola ficou em 11º lugar. no ano de 2009, a escola trouxe o intérprete Ronaldo Yllê (que já foi da Imperatriz) e os carnavalescos Amauri Santos e Paulinho de Ouro, que desenvolveram um enredo sobre a malandragem carioca, apresentando um desfile considerado pela crítica como bom, e terminando na terceira colocação, com 239,6 pontos. A mesma colocação obteve em 2010, com o enredo sobre sobre lendas, mistérios e magias terminou na mesma colocação do carnaval anterior.

No ano de 2011, com um enredo sobre o samba, a Curicica terminou como vice-campeã no Grupo de acesso B[2]. Como o regulamento dizia que só a campeã subiria para o Grupo A, a escola permaneceu no mesmo grupo. Logo depois do Carnaval, sua então presidente, Marilza Silva, esposa do presidente da AESCRJ Zezinho Orelha, faleceu. Em seu lugar, assumiu Edson Procópio, e como vice ficou Eduardo José, que indicaram Roberta Rosa para a direção de Carnaval.

Para 2012, após a saída de Amauri Santos que quis ser carnavalesco da Caprichosos, a direção da escola optou por uma comissão de carnaval, formada por Felipe Herzog, Diogo Villa Maior, Leonardo Pimenta e Raquel Winter, que desenvolveram um enredo sobre as cartas, enredo este que rendeu a sexta colocação.

No decorrer de 2012, uma série de mudanças ocorreu no Carnaval. Com a criação da Série A, as escolas do então Grupo B, que desfilavam na Sapucaí, inclusive a Curicica, foram promovidas à segunda divisão automaticamente. Por outro lado, seu ex-presidente Zezinho Orelha, foi destituído do comando da AESCRJ, entidade que organizava o Carnaval da Intendente Magalhães (quarto ao sexto grupo até 2012, terceiro ao quinto a partir de 2013). Naquele ano, foi proposto na Curicica um enredo sobre a construção civil. No entanto, naquele ano, a escola passou por diversos problemas internos e chegou-se a cogitar que enrolaria a bandeira.

A ex-porta-bandeira Kátia Paz assumiu o comando da escola emergencialmente, fez algumas mudanças no quadro da agremiação, uma delas foi a surpreendente dispensa do mestre de bateria Celsinho do Repique. Para ocupar o cargo foi contratado Mestre Lolo. Sem tempo de promover uma eliminatória de samba-enredo, optou por reeditar o enredo de 1994 da Portela: Quando o Samba era Samba... [3], fazendo uma homenagem à escola de Madureira. O desfile foi bastante elogiado pela mídia, bem como a capacidade administrativa da nova presidente de promover um carnaval em tempo recorde.

Em 2014 a União Parque de Curicica foi a terceira a desfilar no sábado de carnaval, num desfile até surpreendente sobre a história da cachaça, o que fez com que terminasse na 7ª colocação. Logo depois Kátia Paz, que deu à luz na semana do Carnaval[4], comunicou que não concorreria à reeleição em abril do mesmo ano.[5]

No ano de 2015, sob o comando do presidente Fábio Brasil, a União Parque de Curicica foi a quinta escola a desfilar na sexta de carnaval, superando as dificuldades a escola realizou seu desfile em homenagem a 3 grandes baluartes do samba ( Arlindo Cruz, Martinho da Vila e Monarco ), a escola terminou na 12ª colocação, permanecendo na Série A para o carnaval 2016.

Em março de 2015, Wagner Raphael de Souza, o Dádi, um dos fundadores da agremiação, foi eleito presidente, mas apenas três meses depois foi assassinado.[6]

Em outubro de 2017 o então presidente Erivelton Baptista pediu renúncia ao cargo. No dia 19 de outubro de 2017 foi eleita para cumprir mandado a presidente Lorraine Rosa e vice-presidente Roberta Rosa. A União do Parque Curicica desfilou na terça-feira de carnaval na passarela popular do samba Intendente Magalhães, com o enredo “O reino está nu!”, desenvolvido pelo carnavalesco Marcus Ferreira. A escola foi vice campeã com a diferença de um décimo para a campeã Unidos da Ponte.

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Presidentes
Nome Mandato Ref.
João de Jesus 1994-1997
Zezinho Orelha 1998-2003 [7]
Marilza da Conceição Pereira da Silva 2004-2011 [7]
Edson Procópio 2012 [7]
Kátia Paz 2012-2014 [8]
Fábio Martins 2014 [9]
Dádi março de 2015 - 07/06/2015 [6]
Erivelton Azevedo 08/06/2015-2017 [10]
Lorraine Rosa 2017-atual [11]
Presidentes de honra
Nome Mandato Ref.
Zezinho Orelha 2004-2011
João de Jesus 2012-atual [7]

Intérpretes[editar | editar código-fonte]

Carnavais Intérprete oficial Referências
1999–2001 Paulo Bispo [12]
2002–2003 Rogerinho [13]
2004 Sandro Silva [14]
2005–2007 Julio Negão [15]
2008–presente Ronaldo Yllê [16]

Diretores[editar | editar código-fonte]

Período Diretor de Carnaval Diretor geral de harmonia Mestre de bateria Ref.
2004 Ricardo Souza Araújo Carlinhos Maravilha Marquinhos da Dona Geralda [17]
2005-2007 Marquinhos da Dona Geralda
2008 Lucimar Monteiro Muniz Marquinhos da Dona Geralda [18]
2009 Eduardo José da Silva "Zezinho Orelha" Paulo José Silva "Paulinho" Celsinho do Repique [19]
2010 Edson Procópio e Eduardo José Paulo Santos Celsinho do Repique [20]
2011 Comissão de Carnaval Paulo Santos Celsinho do Repique [21][22]
2012 Eduardo José da Silva "Zezinho Orelha" Paulinho Curicica Celsinho do Repique [23]
2013 Paulinho Lolo [24]
2014 Jeferson Carlos Paulinho Lolo
2015 Paulinho e Wanderson Vitor Hugo e Xande Dias Lolo [25]
2016 Jeferson Carlos Paulinho Léo [26][10]
2017 Wanderson Sodré Lincoln Dantas e Wilmar Rodrigues Léo
2018 Ubirajara Claudino e Jota Lourenço Vitor Hugo Matos Yan Hurley
2019- Jeferson Carlos e Jota Lourenço Alexandre Yan Hurley [27]

Coreógrafo[editar | editar código-fonte]

Período Nome Ref.
2014-2015 Helder Satiro [28]
2016 Marcelo Chocolate [28]
2018 Jardel Augusto
2019- Marcello Moragas e Marcelo Chocolate [27]

Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Período Nome Ref.
2008 José Roberto e Mônica
2009-2010 Jeferson Souza e Kátia Paz [20]
2011-2012 Wanderson Sodré e Andressa Dornelles
2013-2014 Wanderson Sodré e Mara Rosa [29]
2015 Jeferson Souza e Mara Rosa [25]
2016 Matheus Olivério e Alessandra Chagas [10]
2017 Marcinho e Shayene [30]
2018- Marcinho Souza e Leticia Malaquias
2019- Ewerton Anchieta e Cássia Maria [27]

Corte de bateria[editar | editar código-fonte]

Rainha de bateria
Período Nome Ref.
2009-2010 Patrícia Nery [31]
2011-2012 Egili Oliveira [32][33]
2014 Alessandra Mattos [34][35]
2015 Nanda Guimarães [36][37]
2016 Simone Parente
2017 Patrícia Chélida
2018- Shayene Cesário [38][27]
Rei da bateria
Período Nome Ref.
2013 Jerônimo da Portela [39]

Carnavais[editar | editar código-fonte]

União do Parque Curicica
Ano Colocação Divisão Enredo Carnavalesco Ref.
1999 Vice-campeã Grupo E "Brasil, quá quá quá no ano 2000"
(Samba-enredo composto por Luiz Camelho, Tiãozinho e Preto Velho)
José Marcos [12]
2000 Vice-campeã Grupo D "Na virada do milênio, a esperança de um povo" Sandro Gomes
2001 6.º Lugar Grupo C "Rio 2001, uma virada carioca"
(Samba-enredo composto por Arifan, Viegas, Cobrinha, Gil, Tuta e Caixote)
Sérgio Ferreira
2002 Vice-campeã Grupo C "Sou índio, sou branco, sou negro, sou Brasil, sou Brasileiro, eu nasci para bailar"
(Samba-enredo composto por Bola, Amâncio, Dilson e Rui Só)
José Marcos e Myriam Araújo
2003 5.º Lugar Gupo B "Da criação à reconstrução - 90 anos do Mercadão de Madureira"
(Samba-enredo composto por Luís Camelô , Paulo Bispo e Nego Lino)
José Marcos e Myriam Araújo
2004 10.º Lugar
(Rebaixada)
Gupo B "Verdade pra quem viveu, miragem pra quem não viu, invasão de amor e paz nas terras do meu Brasil"
(Samba-enredo composto por Luis Maia, Marcelo Rodrigues, Robertinho Grande e Paulo Victor)
Myriam Araújo
2005 Campeã Grupo C "Bahia de São Salvador, o Porto Seguro do Brasil"
(Samba-enredo composto por Zezinho de Lucas, Paulo Cruz e Manero)
Jorge Caribé
2006 4.º Lugar Gupo B "GLS com a bandeira da alegria, o babado da Curicica no carnaval é só alegria!"
(Samba-enredo composto por Humberto Carlos, Elizeu, Jarbas da Freguesia e Robson Vivendo)
Jorge Caribé
2007 8.º Lugar Gupo B "Brazil S.A - A pátria que nos pariu!"
(Samba-enredo composto por Ribeiro, Pedro Miguel, Leandro Thomaz, Ronaldo Yllê, Maneco)
Flávio Campello
2008 11.º Lugar Gupo B "O mundo místico das águas em berço esplêndido, derrama ao Planeta o seu clamor!"
(Samba-enredo composto por Pitimbu, Luis Maia, Jayme César, Maria Preta e Isaac)
Flávio Campello
2009 Vice-campeã Grupo RJ-1 "O carioca é aquele: espírito, paixão e fé"
(Samba-enredo composto por Amâncio, J.Sardinha, Rui Só e Brasil)
Amauri Santos e Paulinho do Ouro
2010 3.º Lugar Grupo RJ-1 "Lendas, mistérios e magias. Não creio, mas... sei lá, né?"
(Samba-enredo composto por Tonho, Fabian, Berequinho de JPA, Aniceto e Itamar)
Amauri Santos e Paulinho do Ouro
2011 Vice-campeã Grupo B "Eu sou o samba, a voz de um povo brasileiro!"
(Samba-enredo composto por Brasil, J.Sardinha, Rui Só, Fernando Bom Cabelo, Rafael Bernini e Badá)
Amauri Santos
2012 6.º Lugar Grupo B "As cartas não mentem jamais"
(Samba-enredo composto por Leley Fumaça, Neguinho, Tide, Fabiano Vasconcelos e Leandro Rangel)
Comissão de Carnaval
(Felipe Herzog, Diogo Villa Maior e Leonardo Pimenta)
2013 12.º lugar Série A "Quando o samba era samba...
(Reedição do enredo de 1994 da Portela)
(Samba-enredo composto por Wilson Cruz, Cláudio Russo e Zé Luiz)
Paulo Brasil [40]
2014 7.º Lugar Série A "Na garrafa, no barril, salve a cachaça, patrimônio cultural do Brasil"
(Samba-enredo composto por Washington, Junior Bebezão, Thiago Silveira, Fael Cachinho, Vagner Silva, Bola, Pitimbu, Dudu, Zé Luis e Cláudio Russo)
Mauro Quintaes [41]
2015 12.º Lugar Série A "Os três tenores... do samba!"
(Samba-enredo composto por Arlindo Neto, Léo Guimarães, Ronaldo Nunes, Marcelinho Moreira, e João Diniz)
Paulo Menezes [42]
2016 11.º Lugar Série A "Corações mamulengos"
(Samba-enredo composto por Washington Motta, Pitimbu, Vagner Silva, Alexandre Alegria, Telmo, Léo da Taberna e Marcelo Valência)
Marcus Ferreira [43]
2017 14.º Lugar
(Rebaixada)
Série A "O importante é ser feliz e mais nada!"
(Samba-enredo composto por Neguinho, Tide, Mariano, Cléber, Alex Português, Berequinho JPA, Tonho do Cavaco, Fabian Guerreiro, Aniceto e Robertinho Bacairis)
Leandro Mourão e Vitor Mourão [44]
2018 Vice-campeã Série B O Reino está nu! Marcus Ferreira [45]
2019 Série B Eu vi Deus, ela é negra! Wagner Gonçalves [27][46]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Títulos da União do Parque Curicica
Divisão Títulos Carnavais Referência
Trophy (transp. Simón Bolívar Cup).png Série C 1 2005


Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons

Premiações[editar | editar código-fonte]

Prêmios recebidos pelo GRES União do Parque Curicica.

Ano Prêmio Categoria / premiados Divisão Ref.
2004 S@mba-Net Ala mirim Grupo B [47]
2005 Troféu Jorge Lafond Melhor escola Grupo C [48]
Harmonia
Alegoria
2006 Troféu Jorge Lafond Enredo ("GLS com a bandeira da alegria, o babado da Curicica no carnaval é só alegria!") Grupo B [49]
Ala mirim
2007 Troféu Jorge Lafond Ala de passistas Grupo B [50]
Personalidade (Marilza da Conceição Pereira da Silva)
2008 Troféu Parangolé Carnavalesco Flávio Campello

(Pelo cruzamento de idéias nas concepções das fantasias)

Grupo B [51]
Troféu Jorge Lafond Ala de passistas [52]
2009 S@mba-Net Enredo ("O carioca é aquele: espírito, paixão e fé") Grupo B [53]
Ala mirim
Troféu Jorge Lafond Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira (Jéferson Souza e Kátia Paz) [54]
Ala de passistas
2010 S@mba-Net Samba-enredo

("Lendas, mistérios e magias. Não creio, mas... sei lá, né?" - Compositores: Tonho, Fabian, Berequinho de JPA, Aniceto e Itamar)

Grupo B [55]
2011 Troféu Jorge Lafond Ala de passistas Grupo B [56]
S@mba-Net Ala de passistas [57]
Conjunto de alegorias
2012 S@mba-Net Ala mirim Grupo B [58]
2013 Troféu Apoteose Intérprete (Ronaldo Yllê) Série A [59]
2014 Tamborim de Ouro Melhor escola Série A [60]
Estrela do Carnaval Bateria (Diretor responsável: Mestre Lolo) [61][62]
SRZD-Carnaval Bateria (Diretor responsável: Mestre Lolo) [63]
S@mba-Net Bateria (Diretor responsável: Mestre Lolo) [64][65]
Plumas & Paetês Maquiador artístico (Marcelo Augusto) [66]
2015 Estrela do Carnaval Bateria (Diretor responsável: Mestre Lolo) Série A [67]
Troféu Jorge Lafond Bateria (Diretor responsável: Mestre Lolo) [68]
2016 SRZD-Carnaval Bateria (Diretor responsável: Mestre Léo) Série A [69]

Referências

  1. Samba Rio Carnaval. «Curicica». Consultado em 4 de novembro de 2010. 
  2. Vicente Almeida, para o SRZD-Carnaval (9 de março de 2011). «Grupo B: União do Parque Curicica faz bela apresentação». 3h20. Consultado em 10 de outubro de 2012. 
  3. OBatuque.com (16 de outubro de 2012). «Curicica reeditará Portela 1994». 12:39. Consultado em 16 de outubro de 2012. [ligação inativa]
  4. Extra. «Curicica: bebê chega na semana da folia». Consultado em 22 de maio de 2014. 
  5. Carnavalesco (3 de abril de 2014). «Kátia Paz não será candidata à reeleição para presidência da União do Parque Curicica». 22:02. Consultado em 5 de abril de 2014. 
  6. a b Extra (8 de junho de 2015). «Presidente da escola de samba União do Parque Curicica é assassinado em Jacarepaguá». Consultado em 17 de julho de 2015. 
  7. a b c d Academia do Samba. «Diretoria». Consultado em 15 de maio de 2014. 
  8. OBatuque.com (9 de outubro de 2012). «Katia Paz é nova presidente da Curicica». 8:32. Consultado em 10 de outubro de 2012. [ligação inativa]
  9. SRZD (9 de maio de 2014). «Curicica tem novo presidente». 15h39 
  10. a b c [1]
  11. Carnaval Carioca (22 de outubro de 2017). «Lorraine Rosa assume a presidência da União do Parque Curicica» 
  12. a b http://www.curicica.com.br/história.html
  13. «Curicica 2003». Academia do Samba. Consultado em 1 de março de 2017. 
  14. «Curicica 2004». Academia do Samba. Consultado em 1 de março de 2017. 
  15. «Curicica 2007». Academia do Samba. Consultado em 1 de março de 2017. 
  16. «Ronaldo Yllê». Sambario Carnaval. Consultado em 18 de fevereiro de 2017. 
  17. [2]
  18. [3]
  19. [4]
  20. a b [5]
  21. SRZD-Carnavalesco (9 de março de 2011). «Grupo B: União do Parque Curicica faz bela apresentação». 03:20. Consultado em 21 de outubro de 2014. 
  22. [6]
  23. [7]
  24. OAbrelas (20 de outubro de 2012). «Mestre Lolo é o escolhido para comandar os ritmistas da União do Parque Curicica». 22:21. Consultado em 21 de outubro de 2012. 
  25. a b [8]
  26. Carnavalesco (16 de março de 2015). «Mestre Leo deixa a Tradição e assume a bateria da Curicica». 23:35. Consultado em 17 de março de 2015. 
  27. a b c d e Samba na Intendente (25 de junho de 2018). «A União do Parque Curicica divulgou seu enredo e equipe para 2019» 
  28. a b [9]
  29. OBatuque.com (20 de outubro de 2012). «Mara Rosa é a nova porta-bandeira da Curicica». 0:41. Consultado em 21 de outubro de 2012. 
  30. Carnavalesco (12 de julho de 2016). «Marcinho e Shayene vão defender o pavilhão da Curicica em 2017». Consultado em 24 de julho de 2016. 
  31. UOL (7 de fevereiro de 2013). «"Tem espaço para todo mundo", diz rainha da Portela que foge do padrão». 07h00. Consultado em 27 de setembro de 2013. 
  32. Curicica: depois de Celsinho, é a vez da rainha de bateria pedir desligamento
  33. Site Carnavalesco (27 de outubro de 2011). «Conheça os candidatos a Rei Momo e Rainha do Carnaval 2012» 
  34. Galeria do Samba. «Alessandra Mattos é nova rainha de bateria da União do Parque Curicica». Consultado em 27 de setembro de 2013. 
  35. Tititi do Samba (29 de novembro de 2013). «Alessandra Mattos é coroada por Mestre Lolo». Consultado em 2 de dezembro de 2013. 
  36. Galeria do Samba (16 de julho de 2014). «União do Parque Curicica tem nova rainha de bateria». 10:13. Consultado em 16 de julho de 2014. 
  37. SRZD-Carnaval (31 de agosto de 2014). «Nova rainha de bateria da Curicica: 'Vou me superar na Avenida'». 22h57. Consultado em 1 de setembro de 2014. 
  38. OFuxico (23 de janeiro de 2018). «Shayene Cesário será Rainha da União do Parque Curicica» 
  39. Sambazayres (8 de fevereiro de 2013). «COREÓGRAFO JERÔNIMO DA PORTELA DESFILARÁ COMO REI DA BATERIA DA UNIÃO DO PARQUE CURICICA». Consultado em 27 de setembro de 2013. 
  40. G1 (9 de fevereiro de 2013). «União do Parque Curicica reedita samba da Portela na Sapucaí». 02h06 
  41. G1 (2 de março de 2014). «União do Parque Curicica levanta o público com enredo sobre a cachaça». 00h40 
  42. Site Oficial União do Parque Curicica (12 de junho de 2014). «Enredo Carnaval 2015» 
  43. [10]
  44. [11]
  45. «Confira a sinopse da União do Parque Curicica para o Carnaval 2018». Carnaval Carioca.net. Consultado em 19 de janeiro de 2018. 
  46. G1 (28 de junho de 2018). «De Marielle Franco a Dona Ivone Lara, União do Parque Curicica vai homenagear mulheres negras» 
  47. «Premiação S@mba-Net 2004». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 16 de maio de 2016. 
  48. «Troféu Jorge Lafond 2005». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 17 de junho de 2016. 
  49. «Troféu Jorge Lafond 2006». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 17 de junho de 2016. 
  50. «Troféu Jorge Lafond 2007». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 20 de junho de 2016. 
  51. «Troféu Parangolé 2008». Academia do samba. Consultado em 14 de junho de 2016. 
  52. «Troféu Jorge Lafond 2008». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 24 de junho de 2016. 
  53. «Premiação S@mba-Net 2009». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 17 de maio de 2016. 
  54. «Troféu Jorge Lafond 2009». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 27 de junho de 2016. 
  55. «Premiação S@mba-Net 2010». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 17 de maio de 2016. 
  56. «Troféu Jorge Lafond 2011». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 27 de junho de 2016. 
  57. «Premiação S@mba-Net 2011». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 19 de maio de 2016. 
  58. «Premiação S@mba-Net 2012». www.academiadosamba.com.br. Consultado em 19 de maio de 2016. 
  59. «Entrega do Troféu Apoteose será neste domingo». Rádio Arquibancada - O melhor do carnaval. 26 de maio de 2013. Consultado em 25 de maio de 2016. 
  60. «Salgueiro é a bicampeã do troféu Tamborim de Ouro - O Dia na Folia - O Dia». O Dia. Consultado em 9 de maio de 2016. 
  61. «Confira aqui todos os ganhadores do Estrela do Carnaval de 2008 a 2014». Carnavalesco. Consultado em 12 de maio de 2016. 
  62. «Estrela do Carnaval 2014». Carnavalesco. Consultado em 12 de maio de 2016. 
  63. «'Prêmio SRZD-Carnaval 2014': confira lista de todos os homenageados». SRZD - Sidney Rezende. Consultado em 10 de maio de 2016. 
  64. «Prêmio S@mba-Net será neste sábado». Extra Online. Consultado em 19 de maio de 2016. 
  65. «16º Prêmio S@mba-Net será entregue no dia 17 de Maio». www.sambasul.com. Consultado em 19 de maio de 2016. 
  66. «Conheça os premiados do Prêmio Plumas & Paetês Cultural de 2014». SRZD - Sidney Rezende. Consultado em 13 de junho de 2016. 
  67. «Confira todos os vencedores do prêmio Estrela do Carnaval 2015». Carnavalesco. Consultado em 12 de maio de 2016. 
  68. «Cubango promeve 12ª edição do Troféu Jorge Lafond dia 25 de abril. Confira os premiados». Carnavalesco. Consultado em 28 de junho de 2016. 
  69. «Unidos de Padre Miguel vence Prêmio SRZD-Carnaval como Melhor Escola da Série A». SRZD - Sidney Rezende. Consultado em 10 de maio de 2016.