Jorge Caribé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jorge Caribé
20-12-2008 Ensaio do Salgueiro no Sambódromo 3.jpg
Nascimento
Rio de Janeiro (cidade) (RJ)
Nacionalidade brasileiro
Ocupação Carnavalesco

Jorge Caribé (Rio de Janeiro) e um carnavalesco brasileiro especializado principalmente em temas afros e sempre atuando em escolas de samba dos Grupos de acesso do Carnaval carioca, embora tivesse passagens no Grupo Especial.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Iniciou sua carreira como carnavalesco no ano de 2000 na escola de samba Lins Imperial, onde com o enredo No ano 2000, o Rei Gongá é a cultura nos 500 anos do Brasil alcançando a 6º colocação no antigo Grupo de acesso B. em 2001 foi convidado a fazer parte da Comissão de Carnaval idealizada pela Vila Isabel, continuou na Lins Imperial e assinou o carnaval da Engenho da Rainha. Em seguida, permanecendo a frente da Lins Imperial por 3 anos, onde conquistou o título do antigo Grupo de acesso B de 2003 com o enredo em homenagem a Aroldo Melodia que tinha como título:Segura a Marimba! Aroldo Melodia vem aí e dessa vez, no ano de 2014, em mais uma homenagem, dessa vez a escola de samba Mangueira, alcançando a 12º colocação e nos ano de 2005 e 2006, fez os carnavais do Arranco e União do Parque Curicica e subindo essas escolas de grupo.

No ano de 2006 assumiu o comando do carnaval da Em Cima da Hora que desfilou com o enredo Festa dos Deuses Afro-Brasileiros e sendo campeão do Grupo de acesso D. Em 2008, conquistou mais um título, dessa vez com a então emergente Inocentes de Belford Roxo, na qual desenvolveu o enredo Ewe, a cura vem da floresta, pelo Grupo de acesso B e continuou na Em Cima da Hora, onde foi rebaixado com o enredo Entre pulgas e piolhos... Assim levaram nossos tesouros. No ano de 2009, fez a sua estreia como carnavalesco de Grupo Especial, na tradicional Portela, onde atuando com Lane Santana[1] e problemas estruturais, levou a escola de Madureira a terceira colocação. o mesmo se repetiu em outra tradicional, agora na Mangueira, onde na companhia de Jaime Cezário[2][3] levaram a verde e rosa ao desfile das campeãs, com o enredo Mangueira é música do Brasil e no carnaval de 2010 foi contratado pela segunda vez como carnavalesco da escola de samba Lins Imperial[4].

Depois de bons êxitos no Grupo Especial e afastado do carnaval, foi contratado pela União de Jacarepaguá ao manter-lá na Série A ao elaborar o enredo Dos Barões do café à cidade universitária. Vassouras, ouro verde do Brasil!, mas no ano de 2014 foi rebaixado, tendo como enredo Iourubás - a história do povo Nagô e nesse ano ia também assinar o desfile da Sereno de Campo Grande[5], mas não concluiu. No carnaval de 2015 foi contratado como carnavalesco da escola de samba Renascer de Jacarepaguá[6] para desenvolver um tema sobre Candeia e além disto continuou como carnavalesco da União de Jacarepaguá, para desenvolver o enredo Da Corte de Abatolá à terra dos Tupinambas!. quando tudo garantiria que consecutivamente faria mais uma ano como jornada dupla, Jorge Caribé se desligou da União de Jacarepaguá[7] mas continua a frente da Renascer,´que cujo enredo falará sobre os Ibejis.

Desfiles assinados por Jorge Caribé[editar | editar código-fonte]

Ano Escola Colocação Divisão Enredo Ref.
2000 Lins Imperial 6º lugar B No ano 2000, o Rei Gongá é a cultura nos 500 anos do Brasil [8]
2001 Vila Isabel 4º lugar A Estado maravilhoso cheio de encantos mil [9]
Lins Imperial 5º lugar B O canto da Guerreira [10]
Engenho da Rainha 7º lugar C Engenho da Rainha, 51 anos: Uma boa ideia [11]
2002 Lins Imperial 7º lugar B Os Cucumbis: a trajetória do samba [12]
2003 Lins Imperial Campeã B Segura a Marimba! Aroldo Melodia vem aí [13]
2004 Lins Imperial 12º lugar A 75 Anos de Mangueira - É Bom Se Segurar, Que a Poeira Vai Subir [14]
2005 Arranco Vice-Campeã B Quem vai querer? [15]
Parque Curicica Campeã C Bahia de São Salvador, o Porto Seguro do Brasil [16]
2006 Arranco 7º lugar A Gueledés, o Retrato da Alma [17]
Parque Curicica 4º lugar B GLS com a bandeira da alegria, o babado da Curicica no carnaval é só alegria! [18]
Em Cima da Hora Campeã D Festa dos Deuses Afro-Brasileiros [19]
2007 Vizinha Faladeira 5º lugar B Oduduya - A volta ao tempo da criação [20]
Em Cima da Hora 5º lugar C Os tambores do Brasil [21]
2008 Inocentes Campeã B Ewe, a cura vem da floresta [22]
Em Cima da Hora 12º lugar C Entre pulgas e piolhos... Assim levaram nossos tesouros [23]
2009 Portela 3º lugar Especial E por falar em amor… Onde anda você? [24]
2010 Mangueira 6º lugar Especial Mangueira é música do Brasil [25]
Lins Imperial 8º lugar RJ-1 Folia de Reis [26]
2013 União de Jacarepaguá 15º lugar Série A Dos Barões do café à cidade universitária. Vassouras, ouro verde do Brasil! [27]
2014 União de Jacarepaguá 15º lugar Série A Iourubás - a história do povo Nagô [28]
2015 Renascer 9º lugar Série A Manifesto ao povo em forma de arte! [29]
União de Jacarepaguá 3º lugar Série B Da Corte de Abatolá à terra dos Tupinambas! [30]
2016 Renascer 8º lugar Série A Ibejís - Nas brincadeiras de crianças: Os orixás que viraram santos no Brasil... [31]
Novo Império Campeã Acesso Sou Bantu, sou Kimbondo, sou Angola, sou Espírito Santo. Sou Quilombola!
2017 Novo Império 4º lugar Especial A cura para o mundo está aqui! Vitória, um manto cheio de esperança
União de Jacarepaguá 11º lugar Série C Os Retornantes
2018 Império da Tijuca 7º Lugar Série A Olubajé - Um banquete para o rei
União de Jacarepaguá 4º Lugar Série D Caruaru - capital do Forró e do São João mais arretado do Brasil
Novo Império 4º Lugar Especial No vai e vem do mar, lá se vão 100 anos do Sindicato da Estiva [32]

Referências

  1. Galeria do Samba (1 de março de 2008). «Lane Santana e Jorge Caribé são os novos carnavalescos da Portela». 16:32. Consultado em 11 de outubro de 2015 
  2. Isaac Ismar, para o SRZD-Carnaval (20 de abril de 2009). «Mangueira: Jorge Caribé chega para a comissão de carnaval». 18h13. Consultado em 21/111/2012  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. G1 (7 de setembro de 2009). «Mangueira demite carnavalesca Márcia Lage». Consultado em 11 de outubro de 2015 
  4. Galeria do Samba (17 de março de 2009). «Jorge Caribé é o novo carnavalesco da Lins Imperial». 11:13. Consultado em 11 de outubro de 2015 
  5. Carnavalesco (12 de junho de 2013). «Jorge Caribé o novo carnavalesco do Sereno de Campo Grande». 13:02. Consultado em 12 de junho de 2013 
  6. Joice Hurtado, para o SRZD-Carnaval (28 de abril de 2014). «Exclusivo: Renascer já tem carnavalesco e enredo para 2015». 22h27. Consultado em 29 de abril de 2014 
  7. Carnavallesco (13 de agosto de 2015). «União de Jacarepaguá tem novo carnavalesco». Consultado em 11 de outubro de 2015 
  8. Academia do Samba. «Lins Imperial 2000». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  9. Galeria do Samba. «Vila Isabel 2001». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  10. Academia do Samba. «Lins Imperial 2001». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  11. Academia do Samba. «Engenho da Rainha 2001». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  12. Academia do Samba. «Lins Imperial 2002». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  13. Academia do Samba. «Lins Imperial 2003». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  14. Academia do Samba. «Lins Imperial 2004». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  15. Academia do Samba. «Arranco 2005». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  16. Academia do Samba. «Parque Curicica 2005». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  17. Academia do Samba. «Arranco 2006». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  18. Academia do Samba. «Parque Curicica 2006». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  19. Academia do Samba. «Em Cima da Hora 2006». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  20. Academia do Samba. «Vizinha Faladeira 2007». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  21. Academia do Samba. «Em Cima da Hora 2007». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  22. Academia do Samba. «Inocentes 2008». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  23. Academia do Samba. «Em Cima da Hora 2008». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  24. Academia do Samba. «Portela 2009». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  25. Academia do Samba. «Mangueira 2010». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  26. Academia do Samba. «Lins Imperial 2010». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  27. Galeria do Samba. «União de Jacarepaguá 2013». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  28. Galeria do Samba. «União de Jacarepaguá 2014». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  29. Galeria do Samba. «Renascer 2015». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  30. Galeria do Samba. «União de Jacarepaguá 2013». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  31. Galeria do Samba. «Renascer 2016». Consultado em 25 de outubro de 2015 
  32. Folha Vitória (26 de janeiro de 2018). «Carnaval da Novo Império faz homenagem aos 100 anos da Estiva». 21h28