Roberto Szaniecki

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Roberto Szaniecki
Conhecido(a) por Polonês
Nascimento 30 de outubro de 1961 (56 anos) [1]
Varsóvia,  Polónia
Nacionalidade Brasil Brasileiro
Ocupação Carnavalesco
Principais trabalhos Grande Rio

Roberto Szaniecki (Varsóvia, 30 de Outubro de 1961)[2] é um carnavalesco brasileiro. conhecido também como polonês, por ser de descendentes e ter nascido na Polônia[2].

História[editar | editar código-fonte]

Em 1977, quando morava na Ilha do Governador. começou, a freqüentar o barracão da União da Ilha. sua primeira tarefa foi colar espelhinhos em um carro alegórico. transformando a curiosidade em aprendizado. em seguida foi auxiliar de Max Lopes, na Mangueira. lá participou do carnaval vitorioso de 1984. Depois, completamente integrado a equipe de Max, trabalhou na Vila Isabel, em 1986 e 1987. Mas 1988 voltou para a União da Ilha. em 1989, trocou o carnaval do Rio pelo de Belo Horizonte. Na capital mineira, viu o então bloco Unidos de Santa Teresa crescer e se transformar em escola campeã.

Sua estréia como carnavalesco principal foi em 1993, na Unidos da Ponte. No ano seguinte, fez o carnaval do Salgueiro, que tinha sido campeã no ano anterior. mas saiu-se muito bem, ficando com o vice-campeonato. No ano seguinte, o carnavalesco viveu um dos seus carnavais mais emocionantes. pois a escola tinha perdido a quadra, mas mesmo assim conseguiu o quinto lugar. no ano seguinte foi para a Grande Rio, em seguida voltou para a União da Ilha e foi pra Gaviões da Fiel, pelo qual ganhou seu primeiro título. em 2001, foi para a Viradouro onde não conseguiu completar o carnaval, sendo substítuído. nos anos de 2002 e 2003 assumiu a Estácio sendo a primeira vez que o carnavalesco trabalhou no grupo de acesso. em 2004, teve mais uma passagem pela Gaviões, onde fez um desfile com pinta de título, que no final foi desatroso e derrubou a escola para o grupo de acesso.

De 2005 a 2008 voltou a ser carnavalesco da Grande Rio, sendo duas vezes vice-campeão. em 2006 foi para a Império de Casa Verde, na qual pertenceu a comissão de carnaval, conquistando mais um título no carnaval Paulista. Em 2009, fez o carnaval da Mangueira[3]. no mesmo ano voltou a fazer parte da Império de Casa Verde. em 2010 foi para a Tom Maior e desenvolveu metade do carnaval da Inocentes[4]. em 2011, foi carnavalesco da Portela.[5]. foi carnavalesco da Porto da Pedra[6], por onde ficou menos da metade do desfile, devido a divergências com a direção da escola[7]. em 2012 retornou como carnavalesco da Império de Casa Verde com um Enredo sobre a ótica que não obteve muito secesso. Em 2013, voltou pela terceira vez, como carnavalesco da Grande Rio.[8] e após o carnaval, deixou a agremiação[9].

Foi especulado de que Szaniecki retornasse mais uma vez para Grande Rio. mas no entanto estará como carnavalesco da Nenê de Vila Matilde[10][11].

Enredos assinados por Roberto Szaniecki[editar | editar código-fonte]

Ano Escola Colocação Divisão Enredo Ref.
1993 Unidos da Ponte 14º lugar Especial A face do disfarce
1994 Salgueiro Vice-Campeã Especial Rio de Lá para Cá [12][13]
1995 Salgueiro 5º lugar Especial O Caso do por Acaso [14][15]
1996 Grande Rio 11º lugar Especial Na era dos Felipes o Brasil era espanhol [16]
1997 União da Ilha 12º lugar Especial Cidade Maravilhosa, o sonho de Pereira Passos [17]
1999 Gaviões da Fiel Campeã Especial O Príncipe Encoberto ou a Busca de Dom Sebastião na Ilha de São Luís do Maranhão
2002 Estácio 8º lugar Acesso Nos braços do povo, na passarela do samba... Cinqüenta anos de O Dia [18]
2003 Estácio 5º lugar Acesso Um banho da natureza - Cachoeiras de Macacu [19]
2004 Gaviões da Fiel 16º lugar Especial Idéias e Paixões: Combustível das Revoluções
2005 Grande Rio 3º lugar Especial Alimentar o corpo e alma faz bem! [20]
2006 Grande Rio Vice-Campeã Especial Amazonas, o Eldorado é Aqui [21]
Império de Casa Verde Campeã Especial Do Boi Místico ao Boi Real - De Garcia D´Ávila na Bahia ao Nelore - O Boi que come capim - A Saga pecuária no Brasil para o Mundo
2007 Grande Rio Vice-Campeã Especial Caxias, o Caminho do Progresso, o Retrato do Brasil [22]
2008 Grande Rio 3º lugar Especial Do Verde de Coari, Vem Meu Gás, Sapucaí! [23]
2009 Mangueira 6º lugar Especial A Mangueira Traz Os Brasis do Brasil Mostrando a Formação do Povo Brasileiro [24]
Império de Casa Verde 5º lugar Especial É festa, é feriado, é celebração. O tigre comemora na avenida e exalta seu pavilhão são 15 anos de paixão
2010 Tom Maior 12º lugar Especial Brasília, Do Sonho à Realidade... Uma Homenagem de São Paulo aos 50 Anos da Capital Coração do Brasil
Inocentes Vice-Campeã Acesso Água para prover a vida [25]
2011 Portela Hors-concurs Especial Rio, Azul da Cor do Mar [26]
2012 Império de Casa Verde 11º lugar Especial Na ótica do meu Império, o foco é você!
2013 Grande Rio 6º lugar Especial Amo o Rio e vou à luta: ouro negro sem disputa
2016 Nenê 9º lugar Especial Nenê apresenta seu musical: Rainha Raia nas asas do carnaval

Referências

  1. Perfil-Carnavalesco: Roberto Szaniescki
  2. a b Folha de S.Paulo (4 de março de 2006). «Polonês faz sucesso no Rio e em São Paulo». Consultado em 1 de novembro de 2010 
  3. O Dia na Folia (20 de fevereiro de 2008). «Roberto Szaniecki é o novo novo carnavalesco da Mangueira». Consultado em 1 de novembro de 2010 
  4. Ralph Guichard, para o Carnaval Brasil (17 de janeiro de 2010). «Roberto Szaniecki não vai mais assinar desfile da Inocentes de Belford Roxo». Consultado em 23 de dezembro de 2010 
  5. carnavalesco (5 de março de 2010). «Portela confirma Szaniecki». Consultado em 1 de novembro de 2010 
  6. O Dia na Folia. «Roberto Szaniecki é o novo carnavalesco da Porto da Pedra». Consultado em 8 de abril de 2011 
  7. Roberto Szaniecki não é mais o carnavalesco da Porto da Pedra
  8. Simone Fernandes, para o Tudo de Samba (6 de março de 2012). «Grande Rio tem novo carnavalesco». Consultado em 8 de março de 2012 
  9. SRZD-Carnaval (20 de fevereiro de 2013). «Grande Rio não renova com Szaniecki e Tavinho Novello». Consultado em 20 de fevereiro de 2013 
  10. Grito de Carnaval (21 de maio de 2015). «Roberto Szaniecki é o novo carnavalesco da Nenê de Vila Matilde». Consultado em 5 de julho de 2015 
  11. SRZD-Carnaval/SP (23 de maio de 2015). «Nenê contrata Roberto Szaniecki». Consultado em 5 de julho de 2015 
  12. Galeria do Samba. «Salgueiro 1994». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  13. Academia do Samba. «Salgueiro 1994». Consultado em 20 de setembro de 2015 
  14. Academia do Samba. «Salgueiro 1995». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  15. Academia do Samba. «Salgueiro 1995». Consultado em 20 de setembro de 2015 
  16. Academia do Samba. «Grande Rio 1996». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  17. Academia do Samba. «União da Ilha 1997». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  18. Academia do Samba. «Estácio de Sá 2002». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  19. Academia do Samba. «Estácio de Sá 2003». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  20. Academia do Samba. «Grande Rio 2005». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  21. Academia do Samba. «Grande Rio 2006». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  22. Academia do Samba. «Grande Rio 2007». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  23. Academia do Samba. «Grande Rio 2008». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  24. Academia do Samba. «Mangueira 2009». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  25. Academia do Samba. «Inocentes 2010». Consultado em 23 de setembro de 2015 
  26. Academia do Samba. «Portela 2011». Consultado em 23 de setembro de 2015