Adalto Magalha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Adalto Magalha
Informação geral
Nome completo Adalto Magalhães Gavião
Nascimento 9 de janeiro de 1945
Local de nascimento Rio de Janeiro, DF
País  Brasil
Morte 6 de agosto de 2016 (71 anos)
Local de morte Rio de Janeiro, RJ
Gênero(s) MPB
Ocupação(ões) Cantor e compositor

Adalto Magalha, nome artístico de Adalto Magalhães Gavião (Rio de Janeiro, 9 de janeiro de 1945Rio de Janeiro, 6 de agosto de 2016), foi um cantor e compositor de música popular brasileira.[1]

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • 1986 - Explosão do Pagode
  • 2005 - Samba de Tradição
  • 2014 - Não Vivo Sem o Samba

Premiações[editar | editar código-fonte]

Tamborim de Ouro

2001 - O Samba do Ano (Tradição - "Hoje É Domingo, É Alegria. Vamos Sorrir e Cantar") [2]

Notas e Referências

  1. «Biografia no Cravo Albin». dicionariompb.com.br. Consultado em 6 de outubro de 2012 
  2. «Tamborim de Ouro 2001». Site Academia do Samba. Consultado em 22 de abril de 2017. Cópia arquivada em 9 de novembro de 2013 


Ícone de esboço Este artigo sobre um cantor é um esboço relacionado ao Projeto Música. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.