Dimitri Tiomkin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde agosto de 2017). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Dimitri Tiomkin
Nascimento 10 de maio de 1894
Kremenchuk
Morte 11 de novembro de 1979 (85 anos)
Londres
Sepultamento Forest Lawn Memorial Park
Cidadania Estados Unidos, Império Russo, República Socialista Federativa Soviética Russa
Cônjuge Albertina Rasch, Desconhecido
Alma mater Conservatório de São Petersburgo
Ocupação pianista, compositor, maestro, compositor de bandas sonoras, produtor cinematográfico
Prêmios Prêmio da Academia para a Trilha de Melhor Drama Original ou Comédia, Prêmio da Academia para a Trilha de Melhor Drama Original ou Comédia, Prêmio da Academia para a Trilha de Melhor Drama Original ou Comédia, Globo de Ouro de melhor banda sonora original, Globo de Ouro de melhor canção original, Legião de Honra, Ordem de Isabel a Católica, Ordem das Artes e das Letras
Página oficial
http://www.dimitritiomkin.com/index.cfm

Dimitri Tiomkin (Ucrânia, 10 de maio de 1894 - Londres, 10 de novembro de 1979), foi um compositor estadunidense de origem judaica ucraniana. Compôs as trilhas dos seguintes filmes, entre outros: Matar ou Morrer, Disque M para Matar, Um Fio de Esperança, O Velho e o Mar, Os Canhões de Navarone, 55 Dias em Pequim, O Álamo, A Queda do Império Romano.

Recebeu vinte e duas indicações ao Oscar e o ganhou quatro vezes sendo três de melhor trilha sonora por Matar ou Morrer, Um Fio de Esperança e O Velho e o Mar, e uma por melhor canção original por The Ballad of High Noon, do filme de mesmo nome.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.