James Horner

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gnome globe current event.svg
Este artigo é sobre uma pessoa que morreu recentemente.
Algumas informações relativas às circunstâncias da morte podem mudar a qualquer instante.

Editado pela última vez em 2 de julho de 2015.

James Horner
Informação geral
Nome completo James Roy Horner
Nascimento 14 de agosto de 1953
Origem Los Angeles, Califórnia
País  Estados Unidos
Data de morte 22 de junho de 2015 (61 anos)
Gênero(s) Trilha Sonora
Ocupação(ões) Compositor
Maestro
Período em atividade 1979 - 2015

James Roy Horner (Los Angeles, 14 de agosto de 1953California, 22 de junho de 2015)[1] foi um músico estadounidense, dedicado principalmente a compor trilhas sonoras de filmes.

Conhecido pela integração entre elementos de corais e eletrônicos em muitas de suas trilha sonoras, e pelo uso frequente de elementos musicais celtas. Seu trabalho para o filme Titanic, de 1997, contribuiu para que o álbum de trilha sonora do filme esteja entre os mais vendidos de todos os tempos.[2] [3]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Estudou no Royal College of Music, em Londres, e na Universidade do Sul da Califórnia.

Iniciou na composição cinematográfica com obras menores, mas assim foi criando certa fama. Nos anos 80 e princípio dos 90 se converte em um dos pilares da música cinematográfica.

Foi nomeado ao Oscar em 7 ocasiões: Aliens (br: Aliens, o Resgate), de 1986, Field of Dreams (br: Campos de Sonhos), de 1989, Braveheart (br: Coração Valente), de 1995, Apollo 13, de 1995, Titanic, de 1997, A Beautiful Mind (br: Uma Mente Brilhante), de 2001, e House of Sand and Fog, de 2003; vencendo dois por Titanic e Avatar, que foi indicado ao oscar 2010 de melhor trilha sonora original.

Horner trabalhou com a colaboração dos cineastas tais como: Don Bluth, Walter Hill, Nicholas Meyer, Phil Alden Robinson, Ron Howard, James Cameron e Mel Gibson.

James Horner faleceu em 22 de junho de 2015 aos 61 anos, quando seu avião turboélice EMB 312 Tucano Embraer caiu no Los Padres National Forest, no sul da Califórnia. Ele era o único ocupante da aeronave. Embora o piloto não foi imediatamente identificado, o advogado de Horner disse: "Sabemos que é seu avião, e nós sabemos que não tenho notícias dele." Variety confirmou posteriormente a morte de Horner. Seu assistente escreveu em sua página no Facebook "perdemos uma pessoa incrível com um coração enorme e inacreditável talento que morreu fazendo o que amava".

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Óscar
  • 1987: "Somewhere Out There" (de: An American Tail)
  • 1987: Aliens
  • 1990: Field of Dreams
  • 1996: Braveheart
  • 1996: Apollo 13
  • 1998: Titanic - vencedor
  • 1998: "My Heart Will Go On" - Vencedor (de Titanic)
  • 2002: A Beautiful Mind
  • 2004: House Of Sand And Fog
  • 2010: Avatar
Golden Globe
  • 1987: "Somewhere Out There" (de: An American Tail)
  • 1990: Glory
  • 1992: "Dreams To Dream" (de: An American Tail: Fievel Goes West)
  • 1995: Legends of the Fall
  • 1996: Braveheart
  • 1998: Titanic - Vencedor
  • 1998: "My Heart Will Go On" - Vencedor (de: Titanic)
  • 2002: A Beautiful Mind
  • 2010: Avatar
Grammy
  • 1988: Somewhere Out There - Vencedor (de: An American Tail)
  • 1988: An American Tail
  • 1990: Field of Dreams
  • 1991: Glory (Vencedor)
  • 1996: Whatever You Imagine (de: The Pagemaster)
  • 1999: My Heart Will Go On - Vencedor (de:Titanic)
  • 2003: A Beautiful Mind
Satellite Awards
  • 1998: Titanic - Vencedor
  • 1998: "My Heart Will Go On" - Vencedor (de: Titanic)
  • 2002: "All Love Can Be" - Vencedor (de: A Beautiful Mind)
  • 2002: A Beautiful Mind
  • 2004: The Missing

Referências

  1. Clemmensen, Christian. James Horner (1953-) Filmtracks.com. Visitado em 21 May 2012.
  2. USA Today coverage of Horner's work
  3. Clemmensen, Christian (18 November 1997, Revised 16 April 2012). Titanic (James Horner) Filmtracks.com. Visitado em 21 May 2012.
Accordrelativo20060224.png Este artigo sobre um(a) músico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.