Feitiço do Rio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Feitiço do Rio
Bandeira do GRES Feitiço do Rio.png
Fundação 23 de fevereiro de 2016 (1 ano)
Escola-madrinha Unidos da Tijuca[1]
Cores

Laranja

Azul

Branco
Símbolo Clave de Sol
Bairro Vila Isabel[2]
Presidente Antonio Gonçalves
Intérprete oficial Betinho do Cavaco
Mestre-sala e porta-bandeira Vinícius de Jesus e Viviane Oliveira
Coreógrafo Dudu Neves
Desfile de 2018
Enredo Peça é Gente no Tabuleiro da Intendente
Posição de desfile Décima Sétima escola a desfilar no dia 17/02/2018

Grêmio Recreativo Escola de Samba Feitiço do Rio (ou simplesmente Feitiço do Rio) é uma escola de samba da cidade do Rio de Janeiro, sediada em Vila Isabel.[2] Seu nome é uma referência à música "Feitiço da Vila", de Noel Rosa, morador ilustre do bairro de Vila Isabel. A escola é a única da capital carioca, em atividade, a possuir entre suas cores oficiais o laranja.

Não possui quadra e seus ateliê e barracão de alegorias ficam no bairro do Santo Cristo.

História[editar | editar código-fonte]

A escola foi fundada em 23 de fevereiro de 2016, com evento de lançamento oficial realizado em 15 de maio de 2016 (seu CNPJ tem como registro o dia 4 de abril de 2016).[2]

Filiada à Samba é Nosso para desfilar no Grupo E do ano seguinte (2017), passou à LIESB quando esta se tornou a liga oficial do Carnaval da Intendente Magalhães. Sua eliminatória de samba-enredo para o Carnaval de 2017 ocorreu em novembro, numa disputa entre cinco parcerias[3], a escola escolheu a composição de Dalton Cunha e parceiros.[4] Em seu primeiro desfile, no sábado pós-Carnaval, dia 04 de março de 2017, apresentou um enredo em homenagem ao já falecido comunicador Abelardo Barbosa, o Chacrinha.[5] Obteve o sétimo lugar entre quinze escolas.[6]

Para o carnaval de 2018, a agremiação escolheu o enredo "Peça é gente no tabuleiro da Intendente", o qual abordará temática relacionada aos jogos de tabuleiro. Sua disputa de samba enredo ocorreu em 1º de outubro de 2017, com a participação de seis sambas inscritos, sendo quatro finalistas. A escola escolheu a composição de Paulinho Ferreira e parceiros.

Segmentos[editar | editar código-fonte]

Presidentes[editar | editar código-fonte]

Nome Mandato Ref.
Daniel Guimarães Fev/2016 a Maio/2016
Jota Lourenço Maio/2016 - Maio/2017 [5]
Antonio Gonçalves Maio/2017 - Atualidade

Diretores[editar | editar código-fonte]

Ano Diretor de Carnaval Diretor geral de harmonia Diretor Musical Mestre de Bateria Ref.
2017 - Allan Guimarães - Chininha [7]
2018 - Allan Guimarães Guilherme Salgueiro Chininha

Intérpretes[editar | editar código-fonte]

Período Intérprete oficial Referência
2017 Betinho do Cavaco [7]
2018 Betinho do Cavaco

Coreógrafo da Comissão de Frente[editar | editar código-fonte]

Ano Nome Ref.
2017 Dudu Neves [7]
2018 Dudu Neves

Casal de Mestre-sala e Porta-bandeira[editar | editar código-fonte]

Ano 1º Casal Ref. 2º Casal Ref.
2017 Vinícius Jesus e Viviane Oliveira [7] -
2018 Vinícius Jesus e Viviane Oliveira Vinícius Araújo e Manuela Brasil

Presidentes de Alas[editar | editar código-fonte]

Ano Baianas Passistas Compositores Ref.
2017 Sandra Trindade Pedro Telles Alexandre Valle
2018 Sandra Trindade Pedro Telles Jorge Alckimista

Rainhas de Bateria e Musos[editar | editar código-fonte]

Período Rainha Musos Ref.
2017 Valeria Mari Johnathan Avelino [7]
2018 Valeria Mari Johnathan Avelino, Fabíola Estrela e Helder Oliveira

Carnavais[editar | editar código-fonte]

Feitiço do Rio
Ano Colocação Grupo Enredo Carnavalesco Ref.
2017 7.º Lugar Série E "É um barato o feitiço do Chacrinha"
(Samba-enredo composto por Dalton Cunha, Guilherme Salgueiro, Matheus Viug e Walace Professor)
Thiago Santos, Daniel Guimarães e Renata Bulcão [7][5][6]
2018 Série E "Peça é gente no tabuleiro da Intendente"

(Samba-enredo composto por Paulinho Ferreira, Henrique Costa, Fábio Fonseca, Fernando Professor e Thiago Acácio)

Projetado por Thiago Santos, Daniel Guimarães e Renata Bulcão;

Execução de Daniel Guimarães e Elídio Júnior

Premiações[editar | editar código-fonte]

Prêmios recebidos pelo GRES Feitiço do Rio.

Ano Prêmio Categoria / premiados Divisão Ref.
2017 Samba na Veia Prêmio Especial de Melhor Diretoria Série E
Prêmio Especial "Diva do Samba" (Carla Bulcão - Vice-Presidente)

Referências

  1. Samba na Intendente. «Muito prazer, seja bem-vindo Feitiço do Rio». Consultado em 14 de abril de 2017 
  2. a b c empresascnpj.com. «Gremio Recreativo Escola de Samba Feitico do Rio (nome fantasia: Gres Feitico do Rio)». Consultado em 8 de março de 2017. Cópia arquivada em 9 de março de 2017 
  3. Samba na Intendente. «5 sambas inscritos no Feitiço do Rio». Consultado em 8 de março de 2017 
  4. Samba na Intendente. «MUITO PRAZER, CHEGUEI PRA FICAR! NA AVENIDA TEM FEITIÇO DO CHACRINHA (Samba Campeão no Feitiço do Rio)». Consultado em 8 de março de 2017 
  5. a b c Adriana Vieira (4 de março de 2017). «Intendente Magalhães: Feitiço do Rio canta o Feitiço do Chacrinha na Passarela do Povão». Consultado em 8 de março de 2017. Cópia arquivada em 8 de março de 2017 
  6. a b Rádio Arquibancada (6 de março de 2017). «Império Ricardense campeão da Série E». Consultado em 8 de março de 2017 
  7. a b c d e f Apoteose.com. «Feitiço do Rio». Consultado em 8 de março de 2017