Miss Alagoas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Miss Alagoas
Tipo Concurso de Beleza
Fundação 1955
Sede Alagoas Maceió
Coordenação Maria Fernanda Schiavo

Miss Alagoas é uma competição de beleza feminina de nível estadual que é realizada anualmente e tem como objetivo selecionar a melhor representante alagoana para a etapa nacional de Miss Brasil BE Emotion, válido para a disputa de Miss Universo. O concurso está sob a coordenação da gaúcha e Miss Brasil Beleza Internacional 2000 Maria Fernanda Schiavo desde 2018. O Estado nunca ganhou o certame nacional, o mais próximo que chegou do título foi em 2016 e em 2018 quando Gabriele Marinho e Isabella Burgui pararam entre as cinco finalistas.

Tabela de Classificação[editar | editar código-fonte]

Abaixo está a performance das alagoanas no Miss Brasil.

Posição Performance
Miss Brasil
2º. Lugar
3º. Lugar
4º. Lugar 1
5º. Lugar 1
Semifinalista 5

Premiações Especiais[editar | editar código-fonte]

  • Miss Elegância: Bertini Motta (1955)

Edições[editar | editar código-fonte]

Vencedoras[editar | editar código-fonte]

     A candidata tornou-se Miss Brasil.
     A candidata parou entre as finalistas.
     A candidata parou entre as semifinalistas.
Ano Candidata Representação Colocação
2021 Rafaela Barbosa Arapiraca TBD
2020 A Miss Brasil foi indicada, portanto não houve disputa.
2019 Raíssa de Souza Rio Largo
2018 Isabella Burgui Maceió Finalista (Top 05)
2017 Nathália Pastoura Santana do Ipanema Semifinalista (Top 10)
2016 Gabriele Marinho Barbosa Maceió Finalista (Top 05)
2015 Camila Leão de Lima Campelo Maceió
2014 Aline Karla Ferreira de Macêdo Arapiraca
2013 Nicole Camila Verçosa Rosa Barra de São Miguel
2012 Marina Dantas Rijo Valoura Roteiro
2011 Stéfanie Marques Carvalho Piranhas
2010 Juliana Accioli Guimarães Faculdade de Maceió
2009 Kamyla Brandão L. Moura Viçosa
2008 Williana Graziella Siqueira Viçosa
2007 Camilla Reis Cavalcanti Góis Revista Stylos
2006 Tatiane Maria Bezerra Terêncio Revista Destaque
2005 Aline Roberta Serafim da Rocha Verdes Mares Distribuidora
2004 Fernanda Scorsatto Dorigon Semifinalista (Top 10)
2003 Danielle Nascimento dos S.
2002 Érika Catarina de Amorim
2001 Aline Canedo Souza
2000 Simonne Luz Menezes
1999 Elena Cristina da Silva
1998 Juliana Tenório Peixoto
1997 Danyelly Velozo de Melo
1996 Isabel Cristina Gonçalves
1995 Tatiani Garcez Brigagão Semifinalista (Top 10)
1994 Adriana Amaral Coelho
1993 A Miss Brasil foi indicada, portanto não houve disputa.
1992 Patricia Bani
1991 O Estado não enviou candidata ao Miss Brasil 1991.
1990 Não houve disputa nacional de Miss Brasil em 1990.
1989 Karina Padilha Rebelo
1988 Girleide Costa Campêlo
1987 Mosaly Rodrigues Brasileiro
1986 Vera Ítala Leão Rêgo Arruda
1985 Viviane Elisabeth Dorothea
1984 Mônica Márcia Mendonça
1983 Eveline Braga Santos Semifinalista (Top 12)
1982 Sílvia Vicente da Silva
1981 Sandra Lobo Pauferro Semifinalista (Top 12)
1980 Alda Torres Tenório
1979 Walmair Novais Santos
1978 Valdelice Pereira Marinho
1977 Célia Maria Neto Costa
1976 Ana Cristina Menezes
1975 Roseana Porto Farias
1974 Maria de Fátima Silva
1973 Márcia Andrada Tenório
1972 Maria do Rosário Lerner Penedo
1971 Ednar César Cerqueira São Miguel dos Campos
1970 Maria Líbia Jucá Mafra Lions Clube de Maceió
1969 Vera Lúcia Henriques Rio Largo
1968 Cláudia Virgínia Martins Clube de Regatas Brasil
1967 Maria de Lourdes Barros Arapiraca
1966 Kátia da Silva Malta Iate Clube Pajussara
1965 Mary Grace Bandeira Iate Clube Pajussara
1964 Teresinha Granja Rio Largo
1963 Terezinha Binas
1962 Salete Mendonça
1961 Carmen Mascarenhas Jaraguá Tênis Clube
1960 Lunalva Lamenha Costa Casa do Estudante Universitário de Alagoas
1959 Lydia Anny Kunnz Barreto Iate Clube Pajussara
1958 Noélia Lopes Cavalcanti Iate Clube Pajussara
1957 Rosa Lúcia Pachêco Associação Atlética Banco do Brasil
1956 Maria Teresa de Mello Associação Teatral das Alagoas
1955 Bertini Motta de Barros Clube de Regatas Brasil

Observações[editar | editar código-fonte]

  1. Em 1990 não houve concurso nacional.
  2. No ano de 1991 e 1993 o estado não participou.
  3. Não são naturalmente de Alagoas as misses:
    1. Isabella Burgui (2018) é de São Paulo.
    2. Nathalia Pastoura (2017) é de São Paulo.
    3. Fernanda Dorigon (2004) é do Rio Grande do Sul.
    4. Danielle Nascimento (2003) é nascida na Bahia.
    5. Érika Catarina (2002) é de Pernambuco.
    6. Isabel Gonçalves (1996) é do Rio de Janeiro.
    7. Tatiani Brigagão (1995) nasceu no Rio de Janeiro.
    8. Patrícia Bani (1992) é nascida em São Paulo.
    9. Viviane Lundgren (1985) é nascida em Pernambuco.
    10. Vera Henriques (1969) é de Minas Gerais.
    11. Maria Teresa do Rego (1956) é do Piauí.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]