São João da Barra Futebol Clube

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Não confundir com Esporte Clube São João da Barra.
São João da Barra
São João da Barra Futebol Clube.jpg
Nome São João da Barra Futebol Clube
Fundação 1 de maio de 2006 (11 anos)
Estádio Manoel José Viana de Sá
Capacidade 2.000
Localização São João da Barra, Rio de Janeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

São João da Barra Futebol Clube, é uma agremiação esportiva da cidade de São João da Barra, no estado do Rio de Janeiro, fundada a 1 de maio de 2006.

História[editar | editar código-fonte]

Equipe profissional do São João da Barra, em 2008. Foto de Paulo Roberto Rodrigues

O clube estreou na Terceira Divisão de Profissionais em 2007. Na primeira fase se classificou em segundo em seu grupo, atrás somente do Quissamã Futebol Clube e à frente do outro classificado Aperibeense Futebol Clube e dos eliminados Esporte Clube Italva e Paduano Esporte Clube. Na segunda fase fica em segundo, atrás somente do Sendas Pão de Açúcar Esporte Clube, se classificando para a disputa da Copa Rio, de 2008, que acabou não disputando. Na terceira fase acaba eliminado ao ficar em último na chave, atrás dos classificados Aperibeense Futebol Clube e Paraíba do Sul Futebol Clube e do igualmente eliminado Esporte Clube Italva.

Em 2008, se classifica na primeira fase em terceiro no seu grupo, atrás de Quissamã Futebol Clube e Sampaio Corrêa Futebol e Esporte e à frente do eliminado Tanguá Esporte e Cultura. Na segunda fase é o líder da sua chave, à frente do classificado Sampaio Corrêa Futebol e Esporte e dos eliminados Barra Mansa Futebol Clube e Várzea Futebol Clube. Na terceira fase é novamente o líder da sua chave, superando o outro classificado Paraíba do Sul Futebol Clube e os eliminados Fênix 2005 Futebol Clube e Deportivo La Coruña Brasil Futebol Clube. Na semi-final é eliminado pelo Campo Grande Atlético Clube que chegaria à final contra o Quissamã Futebol Clube e seria o vice-campeão.

Em 2009, se licencia dos campeonatos de âmbito profissional promovidos pela FFERJ.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Fonte[editar | editar código-fonte]

  • VIANA, Eduardo. Implantação do futebol Profissional no Estado do Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Editora Cátedra, s/d.