Anaurilândia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Anaurilândia
Bandeira de Anaurilândia
Brasão desconhecido
Bandeira Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 11 de Novembro
Fundação 11 de novembro de 1963 (50 anos)
Emancipação 25 de abril de 1965 (49 anos)
Gentílico anaurilandense
Padroeiro(a) São João Batista
Prefeito(a) Vagner Alves Guirado (Partido da República/PR)
(2013–2016)
Localização
Localização de Anaurilândia
Localização de Anaurilândia no Mato Grosso do Sul
Anaurilândia está localizado em: Brasil
Anaurilândia
Localização de Anaurilândia no Brasil
22° 11' 16" S 52° 43' 04" O22° 11' 16" S 52° 43' 04" O
Unidade federativa  Mato Grosso do Sul
Mesorregião Leste de Mato Grosso do Sul IBGE/2008 [1]
Microrregião Nova Andradina IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Bataguassu, Bataiporã, Nova Andradina e Rosana (SP)
Distância até a capital federal: 1 067 km
estadual: 372
km[2]
Características geográficas
Área 3 395,540 km² [3]
Área urbana 0,450 km² (MS: 57º) – est. Embrapa[4]
Distritos Anaurilândia (sede) e Quebracho
População 8 534 hab. (MS: 56º) –  est. IBGE 2011[5]
Densidade 2,513 hab/km²
Altitude 312 m [6]
Clima Subtropical Cfa
Fuso horário UTC−4
Indicadores
IDH-M 0,72 (MS: 57º) – alto PNUD/2000 [7]
Gini 0,43 (MS: 26º) – est. IBGE 2003[8]
PIB R$ 94 976,892 mil (MS: 54º) – IBGE/2008[9]
PIB per capita R$ 10 999,06 IBGE/2008[9]
Página oficial

Anaurilândia é um município brasileiro da região Centro-Oeste, situado no estado de Mato Grosso do Sul.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localização[editar | editar código-fonte]

O município de Anaurilândia está localizado no sul da região Centro-Oeste do Brasil, á leste de Mato Grosso do Sul (Microrregião de Nova Andradina) e na divisa com Paraná/São Paulo. Possui latitude de 22º11’15” e longitude de 52°43’04”. Distâncias:

Geografia física[editar | editar código-fonte]

Solo

No município de Anaurilândia, predomina o Latossolo Vermelho-Escuro álico de textura média, que são solos minerais, não hidromórficos, altamente intemperizados, profundos, bem drenados, sendo encontrados, geralmente, em regiões planas ou suave onduladas, às margens do Rio Paraná, Argissolos que são solos minerais, não hidromórficos, com perfis bem desenvolvidos, Planossolos, solos típicos de relevo plano e áreas rebaixadas evidenciados por um hidromorfismo acentuado, Neossolo Quartzarênico de baixa fertilidade natural, são solos pouco desenvolvidos, profundos e muito profundos, excessivamente drenados, mas com baixa capacidade de retenção de água, torna esse solo desaconselhável à utilização agrícola; e a Associação Complexa, unidade composta por vários tipos de solos, onde não é possível identificar qual deles é o dominante, sendo difícil a separação, mesmo em estudo em escalas maiores, no caso de Anaurilândia foi identificado o AC2: Planossolo + Gleissolos + Neossolos + Organossolos, ocorrendo em área marginal ao Rio Paraná.

Relevo

Está a uma altitude de 312 m. Município com características de relevo plano e suave ondulado, destaca-se no interior, modelados planos e dissecados tabulares, sendo as acumulações fluviais muito significativa e amplas, devido a sua proximidade à calha do rio Paraná. O município de Anaurilândia encontra-se na Região dos Planaltos Arenítico-Basálticos Interiores, dividindo-se em duas unidades geomorfológicas; Superfície Rampeada de Nova Andradina, e Vale do Paraná.

Apresenta relevo plano geralmente elaborado por várias fases de retomada erosiva, relevos elaborados pela ação fluvial e áreas planas resultante de acumulação fluvial sujeita a inundações periódicas.

Clima, temperatura e pluviosidade

Está sob influência do clima tropical (AW). Na porção N e NE do município apresenta clima úmido a sub-úmido, com índices de umidade variando de 20 a 40%. A precipitação anual varia entre 1.500 a 1.750mm e o excedente hídrico anual de 800 a 1.200mm durante cinco a seis meses, deficiência hídrica de 350 a 500mm durante quatro meses.

Na porção Oeste, Sudoeste e Sul do município, apresenta característica do clima úmido, com valores anuais variando de 40 a 60%, a precipitação pluviométrica varia entre 1.750 a 2.000mm anuais com excedente hídrico anual de 1.200 a 1.400mm durante sete a oito meses e deficiência hídrica de 200 a 350mm durante três meses.

Hidrografia

Está sob influência da Bacia do rio Paraná, pertencente á Bacia do Rio da Prata. Rios do município:

Formado pela confluência dos rios Paranaíba (nasce em Goiás) e o Grande (cujas cabeceiras ficam na serra da Mantiqueira, em Minas Gerais), a uns 10 km a nordeste da cidade de Aparecida do Taboado. Daí até o ponto extremo de Mato Grosso do Sul faz divisa entre este Estado (município de Anaurilândia) e o Estado de São Paulo. É o principal rio da bacia do mesmo nome.

  • Outros rios
  • Rio Baía: afluente pela margem direita do rio Paraná, corre paralelo à margem direita do rio Paraná. Em seu alto curso, era a continuidade do rio Três Barras. O rio Baía foi alagado pela barragem da Usina Hidrelétrica Engenheiro Sérgio Motta, também conhecida por Usina de Porto Primavera.
  • Rio Quiterói: afluente pela margem direita do rio Paraná, no município de Anaurilândia.
  • Rio Três Barras: corta o município de Anaurilândia e deságua na lagoa Baía, paralela ao rio Paraná, no município de Anaurilândia. A referida lagoa foi alagada pela barragem da Usina Hidrelétrica Engenheiro Sérgio Motta, conhecida como Usina de Porto Primavera.
Vegetação

Se localiza na região de influência do Cerrado. A vegetação do município revela o predomínio da pastagem plantada; a vegetação natural de Cerrado é ainda representada pelas fisionomias Arbóreo Denso (Cerradão), Arbóreo Aberto (Campo Cerrado) e pelos contatos com a Floresta Aluvial e Submontana.

Geografia política[editar | editar código-fonte]

Fuso horário

Está a -1 hora com relação a Brasília e -4 com relação ao Meridiano de Greenwich (Tempo Universal Coordenado).

Área

Ocupa uma superfície de de 3 395,540 km² e a área urbana totaliza 0,45 km².

Subdivisões

Anaurilândia (sede) e Quebracho.

Arredores

Limita-se com Bataguassu, Bataiporã, Nova Andradina e Rosana (SP).

Historia[editar | editar código-fonte]

Em 1916 vieram para a região Ciriaco Gonzáles e o Major Cecílio Manoel da Costa Lima, ambos se radicaram às margens do Riacho Quiteroizinho. Ciriaco Gonzáles foi influenciado por seu cunhado Deocleciano Paes (entao irmão da esposa de Ciriaco Gonzáles, Anaurelíssia Gonzáles) a lotear parte da fazenda Água Amarela, onde foi edificado um povoado, dando origem a Vila Água Amarela. Luciano da Costa Lima, outro pioneiro e desbravador, foi o fundador do Distrito Quebracho.

A principal fonte de economia da região era a exploração da erva-mate, planta nativa da região. O principal ervateiro foi Eduardo Fernando dos Santos, representante da Companhia Mate Laranjeira. Até então as pessoas tomavam apenas mate (chimarrão ou terere), mate doce ou chá mate. Foi quando José Martins trouxe o primeiro café para Anaurilândia. O primeiro porto de navegação da região foi o porto Sete de Setembro, descoberto por uma caravana de 900 soldados agregados por Ciriaco Gonzáles e Cristino Severino da Silva. Os Soldados foram comandados por José Lito. Edufo Quinhone foi o pioneiro no setor do comércio, trazia mercadorias de São Paulo através do porto São José para comercializar na região. Vendia calçados, peças de tecidos, ferramentas, munição e remédios.

Em 11 de Novembro de 1963 ocorre o desmembramento da Vila Água Amarela que passa a se chamar Município de Anaurilândia, sendo uma homenagem a esposa de Ciriaco Gonzáles, Anaurelíssia Gonzáles. Foi instalado em 25 de abril de 1965. Em 1977 o sul de Mato Grosso se emancipa formando o atual estado de Mato Grosso do Sul, a qual Anaurilandia faz parte atualmente.

Politica[editar | editar código-fonte]

  • 1º Prefeito: Lázaro Severino da Silva - Vice-Prefeito: Olímpio José da Silva.
  • 2º Prefeito: José Xavier Prates - Vice-Prefeito: Geraldo Destro.
  • 3º Prefeito: Laur Severino Correa - Vice-Prefeito: Izidoro Pereira de Souza.
  • 4º Prefeito: João Aranda Guirado - Vice-Prefeito: Olívio Redivo.
  • 5º Prefeito: Napoleão Pereira de Lima - Vice-Prefeito: Auro Corrêa Franco.
  • 6º Prefeito: Benedito Alves de Godoy - Vice-Prefeito: Idenor Ribeiro dos Santos.
  • 7º Prefeito: Napoleão Pereira de Lima - Vice-Prefeito: José Xavier Prates.
  • 8º Prefeito: Edon Carlos Gonzales - Vice-Prefeito: Nilson Oliveira da Silva.
  • 9º Prefeito: Edson Stefano Takazono - Vice-Prefeito: Antonio Carlos da Silva.
  • 10º Prefeito: Edson Stefano Takazono - Vice-Prefeito: Antonio Carlos da Silva.
  • 11º Prefeito: Antonio Eduardo De Lima Ricardo - Vice-Prefeita: Maria Ap. da Silva.
  • 12º Prefeito: Edson Stefano TAkazono - Vice Prefeito: Antonio Carlos da Silva.

Atual Prefeito: Vagner Alves Guirado - Vice Prefeito: Antonio Carlos da Silva.

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. Mapas e rotas Guia 4 Rodas. Página visitada em 3 de novembro de 2011.
  3. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  4. Urbanização das cidades brasileiras Embrapa Monitoramento por Satélite. Página visitada em 30 de Julho de 2008.
  5. Estimativa Populacional 2011 Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2011). Página visitada em 13 de setembro de 2011.
  6. Mato Grosso do Sul Embrapa. Página visitada em 19 de julho de 2011.
  7. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  8. Indice GINI Cidade Sat. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (2000). Página visitada em 06 de agosto de 2011.
  9. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 dez. 2010.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons