Eleições legislativas regionais na Madeira em 2019

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Current event marker.png
Este artigo ou seção é sobre uma eleição futura.
A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis.
Ballot box current.svg
← 2015 • Flag of Portugal.svg • 2023
Eleições legislativas regionais na Madeira em 2019
47 deputados na Assembleia Legislativa da Madeira
22 de setembro de 2019
Logo PSD cor.PNG
Partido Social Democrata
Cds simbolo 2.png
CDS - Partido Popular
Logo do Partido Socialista(Portugal).png
Partido Socialista
Juntos pelo povo - jpp 0.jpg
Juntos pelo Povo
Portuguese Communist Party logo.svg
Partido Comunista Português
LeftBloc.svg
Bloco de Esquerda
Partido Trabalhista Portugues logo.jpg
Partido Trabalhista Português

As eleições legislativas regionais na Madeira em 2019, também designadas eleições para a Assembleia Legislativa da Região Autónoma da Madeira, irão ser realizadas a 22 de setembro de 2019.[1]

A campanha eleitoral para as legislativas regionais na Madeira irá decorrer de 8 a 20 de setembro de 2019.

Partidos[editar | editar código-fonte]

A tabela abaixo lista os partidos atualmente representados na Assembleia Legislativa da Madeira.

Nome Ideologia Líder Resultado de 2015
Votos (%) Assentos
PSD Partido Social Democrata Conservadorismo liberal Miguel Albuquerque 44,4%
24 / 47
CDS-PP CDS - Partido Popular Conservadorismo Rui Barreto 13,1%
7 / 47
PS Partido Socialista Social-democracia Emanuel Câmara [2]
Paulo Cafôfo
11.4%
[3]
5 / 47
PTP Partido Trabalhista Português Social-democracia Quintino Costa
1 / 47
JPP Juntos pelo povo Centrismo Élvio Sousa 10,3%
5 / 47
PCP Partido Comunista Português Comunismo Edgar Silva 5.5%
[4]
2 / 47
BE Bloco de Esquerda Socialismo democrático Paulino Ascenção 3,8%
2 / 47
Ind. Independente Gil Canha (eleito para o agora extinto PND)
1 / 47

Existem outros partidos que vão contestar a eleição: [5]

Sondagens[editar | editar código-fonte]

Na tabela abaixo estão listados os resultados das sondagens numa ordem cronológica inversa, isto é, mostrando primeiro os mais recentes. O valor de maior percentagem em cada sondagem é destacado a negrito e com o fundo da cor do partido em questão. Os resultados das sondagens estão com a data do levantamento, não com a data da sua publicação.

Instituto de sondagem Data de realização Tamanho
amostral
PSD CDS–PP PS JPP CDU BE PTP Outros Líder
Eurosondagem
Seat projection
21.07.19–24.07.19 1,519 33.3
18 / 19
7.1
3 / 4
31.9
17 / 18
4.2
2
4.0
2
6.9
3 / 4
0.5
12.0
0 / 1
1.4
EP Elections 26.05.19 ? 37.2 8.1 25.8 3.0 5.3 1.3 19.3 11.4
CDS-PP internal
Seat projection
08.02.19 ? 36.0
19 / 20
8.0
4 / 5
33.0
18 / 19
4.0
2
3.0
1
3.0
1
2.0
0 / 1
11.0
3.0
Eurosondagem
Seat projection
14.01.19–17.01.19 1,510 34.7
18 / 19
8.0
4
36.9
19 / 20
4.8
2
3.6
1 / 2
4.0
2
0.9
7.1
2.2
Eurosondagem
Seat projection
26.11.18–28.11.18 748 34.2
18
10.6
5
33.9
18
6.5
3
3.4
1
4.0
2
1.6
5.8
0.3
EuroSondagem
Projeção de assentos
07/12/2018 ? 34,2
18
10,5
5
33,9
18
6,5
3
3,4
1
4,0
2
1,6
5,8
0,3
Intercampus
Projeção de assentos
21/11–26/11/2018 400 ?
19
?
2
?
23
?
2
?
1
?
?
?
?
EuroSondagem
Projeção de assentos
19/07–24/07/2018 1.018 36,3
18 / 19
7,1
3 / 4
35,7
18 / 19
6,0
3
4,8
2
3,9
2
1,2
5,0
0,6
EuroSondagem
Projeção de assentos
05/02–07/02/2018 1.018 38,5
20 / 21
5,9
3
33,2
17 / 18
6,8
3
3,1
1
4,9
2
1,4
6,2
5,3
EuroSondagem
Projeção de assentos
22/10–24/10/2017 1.017 36,3
19
6,0
3
33,6
17
6,5
3
4,5
2
4,1
2
2,1
1
6,9
2,7
Eleições autárquicas 01/10/2017 33,6 9,1 29,1 10,2 2,4 0,7 1,7 13,2 4,5
EuroSondagem
Projeção de assentos
07/06–09/06/2017 1.010 40,4
21 / 22
5,4
2 / 3
30,0
15 / 16
4,7
2
4,9
2
5,9
3
1,9
6,8
10,4
EuroSondagem
Projeção de assentos
14/03–16/03/2017 1,017 38,0
20 / 21
8,6
4
27,2
14 / 15
4,1
2
5,0
2 / 3
6,9
3
1,3
8,9
10,8
Eleições regionais de 2015 29/03/2015 44,4 13,7 11,4[a] 10,3 5,5 3,8 [a] 10,9 30,7
↑[a] PS, PTP, PAN e MPT disputaram a eleição numa coligação eleitoral chamada Mudança.[7] A sondagem para a coligação é exibida na coluna do PS.

Referências

  1. «Regionais na Madeira serão a 22 de Setembro». Diário de Notícias da Madeira. 7 de dezembro de 2018. Consultado em 17 de dezembro de 2018 
  2. O líder do PS-Madeira é Emanuel Câmara, mas nomeou o presidente do Funchal, Paulo Cafôfo, como candidato do PS à Presidência do Governo da Madeira.
  3. PS-PTP-PAN-MPT
  4. Coalizão Democrática Unitária
  5. https://www.publico.pt/2019/08/13/politica/noticia/rir-ultimo-boletim-voto-madeira-pdr-1883276
  6. «CHEGA quer reduzir deputados no parlamento da Madeira e extinguir o cargo de representante da República». Observador 
  7. «Tribunal Constitucional validou coligação 'Mudança" para as eleições na Madeira». Diário de Notícias. 16 de fevereiro de 2015. Consultado em 7 de abril de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]