Grupo Rede

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Rede Energia
Razão social Rede Energia S.A.
Tipo Empresa de capital aberto
Cotação BM&F Bovespa: REDE3, REDE4
Indústria Energia
Gênero Sociedade anônima
Fundação 1903
Sede São Paulo, SP, Brasil
Proprietário(s) CPFL Energia
Equatorial Energia
Grupo Energisa
Pessoas-chave Jorge Queiroz
Empregados 14,100
Produtos Energia elétrica
Distribuição de energia elétrica
Geração e transmissão de energia elétrica
Acionistas Vale Paranapanema (68,24%)
BNDESPAR (15%)
Denerge (11.79%)
Faturamento 8 Milhões

A Rede Energia foi uma controladora de nove distribuidoras de energia espalhadas por vários estados brasileiros que teve como acionistas Jorge Queiroz e o BNDESPar[1][2].

Na distribuição e geração de energia, o grupo controlava a Cemat, Celtins, Caiuá Distribuição de Energia, Enersul, EEVP, Companhia Força e Luz do Oeste, Companhia Nacional de Energia Elétrica e Empresa Elétrica Bragantina.

Problemas financeiros[editar | editar código-fonte]

O Grupo Energisa assumiu o controle das 8 distribuidoras do Grupo rede Que estavam sob Intervenção da Aneel no dia 11 de abril de 2014.[3]

Referências

  1. «Processo de venda do Grupo Rede deve ir até março». Exame.com. 16 de janeiro de 2012. Consultado em 23 de janeiro de 2012 
  2. Josette Goulart (7 de dezembro de 2011). «Controlador da Rede Energia coloca empresa à venda». Valor Econômico. Consultado em 23 de janeiro de 2012 
  3. «Energisa assume o Grupo Rede». Energisa Relaçoes com Investidores. Consultado em 14 de abril de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.