Malcom Filipe Silva de Oliveira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Malcom
Malcom
Malcom atuando pelo Zenit.
Informações pessoais
Nome completo Malcom Filipe Silva de Oliveira
Data de nasc. 26 de fevereiro de 1997 (24 anos)
Local de nasc. São Paulo (SP), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,71 m
canhoto
Informações profissionais
Clube atual Zenit
Número 10
Posição ponta-direita
Clubes de juventude
2008–2014 Corinthians
Clubes profissionais
Anos Clubes
2014–2015
2016–2018
2018–2019
2019–
Corinthians
Bordeaux
Barcelona
Zenit
Seleção nacional
2014–2015
2016–2021
2018–
Brasil Sub-20
Brasil Sub-23
Brasil
Medalhas
Jogos Olímpicos
Ouro Tóquio 2020 Futebol

Malcom Filipe Silva de Oliveira, conhecido como Malcom, (São Paulo, 26 de fevereiro de 1997), é um futebolista brasileiro que atua como ponta-direita. Atualmente joga pelo Zenit.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Corinthians[editar | editar código-fonte]

2014[editar | editar código-fonte]

Malcom iniciou a sua carreira nas categorias de base do Corinthians e despontou na Copa São Paulo de 2014.[1] Após o término da competição, foi integrado a equipe principal pelo treinador Mano Menezes.[2]

No dia 7 de setembro de 2014, aos 17 anos, Malcom fez a sua estreia pelo Corinthians, contra o Criciúma, pelo Brasileirão.[3] 11 dias após a sua estreia profissionalmente, no 18 de setembro de 2014, marcou seu primeiro gol profissionalmente, diante da Chapecoense pelo Campeonato Brasileiro.[4]

2015[editar | editar código-fonte]

Em 2015 conquistou o Campeonato Brasileiro, sendo este seu primeiro titulo nacional.[5] Ainda no mesmo ano, se envolveu em uma polêmica devido à sua CNH, durante um escândalo de fraudes na emissão de carteiras de motorista em diversas unidades do DETRAN no estado de São Paulo. O jogador conseguiu o documento apenas 20 dias após completar 18 anos, sendo que na época o tempo médio para se tirar o documento era de 90 dias. Além disso, a habilitação de Malcom foi emitida no Detran de Hortolândia, cidade há mais de 110km de sua residência. Na época, o jogador alegou que havia cumprido o prazo de 90 dias entre aulas teóricas e práticas, além de ter requisitado o documento na cidade de Santo André, local onde residia.[6]

Bordeaux[editar | editar código-fonte]

Em 30 de janeiro de 2016, foi vendido por 5 milhões de euros para o Bordeaux[7]. Em 27 de setembro de 2017 o clube adquiriu mais 15% dos direitos econômicos do atleta por 4,5 milhões de euros.[8]

Barcelona[editar | editar código-fonte]

Em 23 de julho de 2018, a Roma e o Bordeaux anunciaram um acordo pela transferência de Malcom. Entretanto, o Barcelona entrou na negociação nas últimas horas, travando o acordo.[9]No dia seguinte, o Barcelona anunciou sua contratação por 41 milhões de euros, mais um milhão em variáveis, o que causou polemica.[10][11]

Seu primeiro gol oficial pelo Barça foi pela Liga dos Campeões da UEFA, contra a Internazionale[12], no jogo que foi 1-1, Malcom fez o primeiro gol do jogo, mas logo depois viria o gol de empate do argentino Mauro Icardi no Giuseppe Meazza. Seu segundo gol foi pela Copa del Rey no jogo de volta da segunda rodada, contra o Cultural Leonesa, na qual o Barça venceu por 4-1.[13]

Malcom andava fazendo más atuações, não jogando o que se esperava e logo foi especulado uma suposta transferência para o Tottenham[14] ou que o Barça estaria decido de emprestá-lo. Everton FC e Guangzhou Evergrande e outros times também mostraram interesse no jogador.[15][16]

Zenit[editar | editar código-fonte]

Malcom em 2020.

Em 2 de agosto de 2019, o Barcelona confirmou a venda de Malcom ao Zenit por 40 milhões de euros, mais 5 milhões em variáveis.[17]

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Sub-20

No dia 20 de outubro de 2014, Malcom foi convocado pelo treinador das categorias de base do Brasil, Alexandre Gallo para disputar um torneio com a seleção Sub-21 na China, mas foi cortado.

Em 27 de novembro de 2014 foi convocado novamente para integrar a Seleção Sub-21.


Sub-23

Convocado pelo técnico André Jardine para disputar os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020 e defender o primeiro título conquistado nos Jogos Olímpicos de Rio 2016. Participou em quase todas as partidas (apenas não jogou na segunda rodada da fase de grupos). A campanha vitoriosa do Brasil chegou à final olímpica, Malcom entrou na prorrogação ao substituir Matheus Cunha e, minutos depois, fez o gol do título ao Brasil na conquista do bicampeonato olímpico.[18]


Principal

No dia 21 de setembro de 2018, foi convocado por Tite para os amistosos contra Arábia Saudita e Argentina.[19]

Voltou a ser convocado no dia 27 de agosto de 2021 para as partidas de setembro contra Chile, Argentina e Peru pelas Eliminatórias da Copa do Mundo FIFA de 2022.[20]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Atualizado até 24 de novembro de 2020.[21]

Clubes[editar | editar código-fonte]

Equipe Temporada Campeonato
nacional
Copas
nacionais
Competições
continentais
Outros
torneios¹
Total
Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols
Corinthians 2014 20 2 3 0 2 0 25 2
2015 31 5 2 0 3 0 10 3 46 8
Total 51 7 5 0 3 0 12 3 71 10
Bordeaux 2015–16 12 1 1 1 13 2
2016–17 37 7 8 2 45 9
2017–18 35 12 1 0 2 0 38 12
Total 84 20 10 3 2 0 96 23
Barcelona 2018–19 15 1 6 2 3 1 24 4
Total 15 1 6 2 3 1 0 0 24 4
Zenit 2019–20 12 4 3 0 0 0 15 4
2020–21 21 3 0 0 3 0 1 0 25 3
Total 33 7 3 0 3 0 1 0 40 7

³Estão incluídos jogos e gols pelo Campeonato Paulista

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador, pela sua seleção nacional.

Sub-20
Ano
Jogos Gols Média
2015 11 1 0,10
Total 11 1 0,10
Sub-20
Sub-23
Ano
Jogos Gols Média
2016 2 0 0,00
Total 2 0 0,00
Sub-23

Títulos[editar | editar código-fonte]

Corinthians
Barcelona
Zenit
Seleção Brasileira

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

  • 40 jovens promessas do futebol mundial de 2014 (The Guardian)[22]
  • 52º melhor jogador sub-21 de 2016 (FourFourTwo)[23]

Referências

  1. Precoce aos 16, Malcom deixa vida comum para brilhar no Timãozinho lance.com.br
  2. Site Oficial do Corinthians
  3. «Corinthians só empata com o Criciúma e se distancia dos líderes do Brasileiro». ESPN. Consultado em 15 de julho de 2021 
  4. «Após primeiro gol no profissional, Malcom diz que imita Robinho e Neymar - Futebol - UOL Esporte». UOL Esporte 
  5. «Campeão, Malcom lembra quando gritava pelo Corinthians 'no cangote' do tio». ESPN 
  6. «Detran descobre fraude após jogador do Corinthians tirar CNH». São Paulo. 16 de julho de 2015 
  7. «Rumo à França, Malcom se despede do Corinthians com agradecimento». globoesporte.com 
  8. «Bordeaux compra 15% dos direitos de Malcom que eram do Corinthians». 27 de setembro de 2017 
  9. «Barça entra na disputa e deixa acerto de Malcom com a Roma em suspenso». globoesporte.com 
  10. «Agreement with Girondins de Bordeaux for the transfer of Malcom». fcbarcelona.com (em espanhol) 
  11. FC Barcelona on Twitter.
  12. https://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/liga-dos-campeoes/ultimas-noticias/2018/11/06/inter-de-milao-x-barcelona---champions-league.htm
  13. https://oglobo.globo.com/esportes/barcelona-cultural-leonesa-vitoria-com-gol-de-malcom-pela-copa-do-rei-23283789
  14. https://globoesporte.globo.com/futebol/futebol-internacional/noticia/tottenham-tenta-tirar-malcom-do-barcelona-com-oferta-de-r-213-milhoes-diz-jornal.ghtml
  15. http://www.espn.com.br/futebol/artigo/_/id/5133497/everton-volta-a-tentar-contratar-malcom-mas-ouve-nao-do-brasileiro-diz-jornal
  16. https://extra.globo.com/esporte/fora-dos-planos-do-barca-malcom-disputado-por-tottenham-guangzhou-evergrande-23379972.html
  17. «Acuerdo con el Zenit de San Petersburgo por el traspaso de Malcom». fcbarcelona.com. 2 de agosto de 2019 
  18. «É ouro! Malcom decide na prorrogação, Brasil vence a Espanha e conquista o bicampeonato olímpico». Globo. 7 de agosto de 2021 
  19. «Malcom comemora primeira convocação: "Momento mais esperado da minha vida"» 
  20. «Tite convoca Hulk e quatro estreantes para a Seleção na rodada tripla das Eliminatórias». ge. Consultado em 30 de agosto de 2021 
  21. «Perfil do Malcom». Soccerway. Consultado em 9 de abril de 2017 
  22. «Next Generation 2014: 40 of the best young talents in world football». The Guardian. 14 de outubro de 2014 
  23. «FourFourTwo's 59 Best Under-21 Wonderkids in the World: 59-51». FourFourTwo 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço relacionado ao projeto desporto. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.