Edílson Mendes Guimarães

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Edilson
Informações pessoais
Nome completo Edilson Mendes Guimarães
Data de nasc. 27 de julho de 1986 (31 anos)
Local de nasc. Nova Esperança (PR), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,77 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Grêmio
Número 2
Posição Lateral-direito
Clubes de juventude
2002–2005 Avaí
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2004–2005
2005
2005
2006–2008
2008
2008
2008
2008
2008
2009–2010
2010–2012
2011
2013–2014
2015–2016
2016–
Avaí
Vitória
Atlético-MG
Avaí
Veranópolis
Guarani de Palhoça
Ponte Preta
Joinville
Juventus de Jaraguá
Ponte Preta
Grêmio
Atlético Paranaense (emp.)
Botafogo
Corinthians
Grêmio


00005 000(1)






00046 000(6)
00057 000(2)
00018 000(1)
00058 000(6)
00045 000(1)
00057 000(3)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 11 de abril de 2017.

Edilson Mendes Guimarães (Nova Esperança, 27 de julho de 1986) é um futebolista brasileiro que joga como lateral-direito. Atualmente defende o Grêmio.

Carreira

Edílson iniciou sua carreira nas categorias de base do Avaí aos 16 anos de idade, no ano de 2002.[1][2] No ano de 2004, Edílson chegou a ser convocado para a Seleção Brasileira Sub-20 para a disputa da Milk Cup[3][4] mas, devido a problemas com comportamento extra-campo, Edílson acabou desvirtuando a sua carreira. Mesmo assim, Edílson conquistou pelo Avaí os títulos da Taça Governador Sub-17 de 2002 e do Campeonato Catarinense Juvenil e Juniores de 2003.[1]

No ano de 2009, quando Edílson defendia a Ponte Preta, foi punido pelo clube por ter cometido um grande ato de indisciplina quando, juntamente com os companheiros de equipe Leandrinho e André, chegou embriagado a um treino após sofrer um acidente automobilístico na noite anterior.[5][6] Apesar de ter um histórico complicado, Edílson ainda defendeu grandes clubes do futebol brasileiro, como Atlético Mineiro e Grêmio.[7] Pelo clube gaúcho ele fez sua estréia no dia 3 de março de 2010, quando venceu o Avenida por 3 a 1 com um gol e uma assistência de Edílson.[8] Em 12 de julho de 2011, ele foi contratado por empréstimo de um ano e maio pelo Atlético Paranaense, a pedido do então treinador Renato Gaúcho.[9]

No ano de 2013, Edílson foi contratado pelo Botafogo. No clube da estrela solitária, foi Campeão Carioca após vencer os dois turnos da competição.[10] Após boa campanha pelo Botafogo, Edílson renovou o seu contrato com o clube para 2014.[11][12] No dia 3 de outubro de 2014 teve seu contrato rescindido com o Botafogo devido divergências com a diretoria.[13]. Em 2015 acertou com o Corinthians até o final do Ano. No dia 25 de julho acertou a renovação de contrato por mais dois anos com o Corinthians. Seu novo vinculo iria até o final de 2017. Sem chances no Corinthians, Edilson fechou o retorno ao Grêmio no dia 13 de maio de 2016, após 4 anos da última passagem. Ele estava na reserva de Fagner, e assinou contrato por 3 temporadas.

Estatísticas

Atualizado até 16 de abril de 2016.

Jogos pelo Corinthians

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador, pelo Corinthians.

Clubes

No dia 13/05/2016 Corinthians afirma a saída do atleta para o Grêmio.

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional
Competições
continentais
Outros
torneios¹
Total
Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols Jogos Gols
Brasil Corinthians 2015 44 1 1 0 1 0 13 0 33 0
2016 0 0 0 0 3 0 9 1 12 1
Total 44 0 1 0 4 0 22 1 45 1
Total 44 01 1 0 4 0 22 1 45 1

³Estão incluídos jogos e gols pelo Campeonato Paulista, Torneios Amistosos e Amistosos

Títulos

Vitória
Ponte Preta
Grêmio
Botafogo

Corinthians

Referências

  1. a b «Edílson». Memória Avaiana. 10 de agosto de 2009. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  2. «Tá em casa! Revelado pelo Avaí, Edílson tem boas recordações de duelos com o Criciúma». Lancenet!. 7 de dezembro de 2013. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  3. «Seleção Sub-20 convocada para Milk Cup». Cassilândia Notícias. 10 de julho de 2004. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  4. «Lateral-direita Edílson, do Grêmio, deve vir por empréstimo». Furacão.com. 12 de julho de 2011. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  5. «Punição! Ponte multa baladeiros mas Leandrinho escapa». Futebol Interior. 4 de maio de 2009. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  6. «Ponte afasta três por exageros em noitada». Estadão. 5 de maio de 2009. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  7. «Grêmio apresenta Edílson, ex-Ponte Preta, nesta sexta-feira». O Globo Esportes. 19 de fevereiro de 2010. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  8. «Com time misto, Grêmio vence Avenida por 3 a 1 fora de casa». Zero Hora. 3 de março de 2010. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  9. «Grêmio anuncia empréstimo de Edilson ao Atlético-PR». IG Esporte. 12 de julho de 2011. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  10. «Campeão carioca, Botafogo tem bandeira hasteada na sede da Ferj». Globoesporte.com. 26 de junho de 2013. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  11. «Botafogo acerta renovação de contrato do lateral direito Edílson». Terra Networks. 9 de dezembro de 2013. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  12. «Após Edílson, Bolívar renova por um ano com o Botafogo». Goal. 10 de dezembro de 2013. Consultado em 6 de janeiro de 2014 
  13. «Crise aumenta: Bota rescinde com Sheik, Bolívar, Julio Cesar e Edilson» 

Ligações externas