Carlos Gilberto Nascimento Silva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gil
Informações pessoais
Nome completo Carlos Gilberto Nascimento Silva
Data de nasc. 12 de junho de 1987 (29 anos)
Local de nasc. Campos dos Goytacazes (RJ), Brasil
Nacionalidade Brasil brasileiro
Altura 1,92
Destro
Informações profissionais
Clube atual China Shandong Luneng
Número 4
Posição Zagueiro
Clubes de juventude
Brasil Rio Branco
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2004–2008
2009
2009–2011
2011–2012
2013–2016
2016−
Brasil Americano
Brasil Atlético Goianiense
Brasil Cruzeiro
França Valenciennes
Brasil Corinthians
China Shandong Luneng
0099 0000(5)
0042 0000(2)
0102 0000(4)
0043 0000(2)
0185 0000(7)
0030 0000(0)
Seleção nacional3
2014– Brasil Brasil 0009 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 24 de agosto de 2016.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 8 de junho de 2016.

Carlos Gilberto Nascimento Silva, mais conhecido por Gil (Campos dos Goytacazes, 12 de junho de 1987) é um futebolista brasileiro que atua como zagueiro. Atualmente, joga no Shandong Luneng.

Clubes[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Natural de Campos dos Goytacazes, Gil teve uma infância difícil e começou a sua carreira nas categorias de base do Rio Branco, da sua cidade natal.

Americano[editar | editar código-fonte]

Aos 17 anos, Gil chegou no Americano para jogar como volante. Mas o treinador Paulo Marcos acabou o colocando de zagueiro, de onde ele não saiu mais. Pelo clube alvinegro, Gil se profissionalizou.

Jaguaré[editar | editar código-fonte]

Na temporada de 2007, foi emprestado pelo Americano ao Jaguaré.[1] Com a camisa do Tricolor do Norte, Gil conquistou a Copa Espírito Santo daquele ano. Na época, ele atuava com a camisa 3 e era conhecido pelo nome de Gilberto Balói.[1]

Retorno ao Americano[editar | editar código-fonte]

Depois da passagem vitoriosa pelo futebol capixaba, Gil voltou ao Americano para a disputa do Campeonato Carioca de 2008, onde se destacou. Na época, os dirigentes do Alvinegro de Campos tentaram alguns contatos no Vasco da Gama para viabilizar a transferência, mas acabou não acontecendo. Então os mesmos dirigentes conseguiram o empréstimo dele para o Atlético Goianiense.

Atlético Goianiense[editar | editar código-fonte]

Confirmado pelo Atlético Goianiense em julho de 2008, como reforço para o retante da temporada, ele assinou contrato até o final do mesmo ano. Em pouco tempo se tornou titular no clube goiano e se destacou no título da Série C do Campeonato do Brasileiro, chamando a atenção de clubes da Série B e da Série A.

Para a temporada de 2009, o zagueiro foi adquirido em definitivo pelo Dragão. O ex-agente FIFA Júlio Fortes e o então vice-presidente atleticano Maurício Sampaio compraram 100% dos direitos econômicos de Gil por um valor não divulgado. O ex-dirigente rubro-negro passou a sua porcentagem (50%) para o clube, para que o Atlético pudesse ganhar algo com uma futura venda. Pelo Campeonato Goiano daquele ano, ele foi escolhido o melhor zagueiro da competição. Suas boas atuações voltaram a despertar interesse de grandes equipes do futebol brasileiro.

Aparecida[editar | editar código-fonte]

Após ser o melhor atleta do Atlético Goianiense por duas temporadas seguidas, Gil foi comprado por um grupo de empresários (o valor girou em torno de € 250 mil), registrado na Aparecida e emprestado ao Cruzeiro.

Cruzeiro[editar | editar código-fonte]

Foi anunciado oficialmente pelo Cruzeiro em 1 de agosto de 2009.[2] Participou das campanhas do vice-campeonato da Libertadores em 2009 e do vice-campeonato Brasileiro em 2010. Aos poucos conquistou seu espaço e se tornou um dos melhores jogadores do país. Logo, despertou interesse de clubes europeus.

Valenciennes[editar | editar código-fonte]

Em 20 de agosto de 2011, o Valenciennes, da França, pagou € 3 milhões para ter Gil, que assinou com os Les Athéniens até 30 de julho de 2014.[3] Gil chegou no clube francês indicado pelo ex-jogador Cláudio Caçapa e com a dura missão de substituir Milan Biševac. Ele fez sua estreia na Ligue 1 em 10 setembro de 2011, contra o AC Ajaccio.

Corinthians[editar | editar código-fonte]

No início de janeiro de 2013, Gil foi contratado pelo Corinthians por € 3,5 milhões (cerca de R$ 9,41 milhões). Foi para o CT Joaquim Grava, onde passou por mais testes e assinou vínculo por quatro anos.

Estreou com a camisa do Timão em 23 de janeiro de 2013, na partida válida pelo Paulistão 2013, contra a Ponte Preta, o resultado foi de 1-0. O jogador teve um início arrasador no Corinthians . Superou suas expectativas, assumiu a titularidade na equipe do Corinthians e se firmou fazendo o simples. Terminou a temporada como recordista de jogos do clube no ano e foi eleito o melhor zagueiro na temporada.

Seu primeiro gol com a camisa do Alvinegro do Parque São Jorge foi no dia 26 de fevereiro de 2014, contra o Comercial, em partida válida pelo Campeonato Paulista.[4] Marcou um importante gol contra o Santos, na Vila Belmiro, pelo Brasileiro de 2014.[5]

Shandong Luneng[editar | editar código-fonte]

No dia 20 de Janeiro de 2016, Gil assinou contrato por quatro temporadas com o Shandong Luneng, pelo preço de € 10.000.000 (R$ 43.900.000). O zagueiro irá receber um salário de R$ 1.500.000.

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Sua primeira convocação para a Seleção Brasileira veio em 19 de agosto de 2014, quando o técnico Dunga o convocou para os amistosos contra a Colômbia e Equador.[6]

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Até 24 de agosto de 2016.

Clubes[editar | editar código-fonte]

[7]

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional[a]
Competições
continentais[b]
Outros
torneios[c]
Total
Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist.
Cruzeiro 2009 19 0 0 0 0 0 1 0 0 20 0 0
2010 24 1 0 10 0 0 11 1 0 45 2 0
2011 15 0 1 8 0 0 14 2 0 37 2 1
Total 58 1 1 0 0 0 18 0 0 26 3 0 102 4 1
Valenciennes 2011-12 25 1 0 3 0 0 0 0 0 28 1 0
2012-13 15 1 0 0 0 0 0 0 0 15 1 0
Total 40 2 0 3 0 0 0 0 0 0 0 0 43 2 0
Corinthians 2013 36 0 1 4 0 0 10 0 0 20 0 0 70 0 1
2014 34 5 0 6 0 0 16 1 0 56 5 0
2015 34 2 1 2 0 0 10 0 0 11 0 0 57 2 1
Total 104 7 2 12 0 0 20 0 0 47 1 0 183 7 2
Shandong Luneng 2016 21 0 0 1 0 0 8 0 0 30 0 0
Total 21 0 0 1 0 0 8 0 0 30 0 0
Total 222 8 3 16 0 0 46 0 0 73 4 0 356 13 3
Jogos pelo Cruzeiro

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador, pelo Cruzeiro.

Jogos pelo Valenciennes

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador, pelo Valenciennes.

Jogos pelo Corinthians

Expanda a caixa de informações para conferir todos os jogos deste jogador, pelo Corinthians.

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Abaixo estão listados todos jogos e gols do futebolista pela Seleção Brasileira. Abaixo da tabela, clique em expandir para ver a lista detalhada dos jogos de acordo com a categoria selecionada.

Seleção principal

Ano
Jogos Gols Assist. Média
2014 3 0 0 0
2015 2 0 0 0
2016 4 0 0 0
Total 9 0 0 0

Títulos[editar | editar código-fonte]

Jaguaré
Atlético Goianiense
Cruzeiro
Corinthians
Seleção Brasileira

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Ex-jogador do Jaguaré é a surpresa da primeira convocação de Dunga». AGazeta.RedeGazeta.com.br. 19 de agosto de 2014. Consultado em 19 de novembro de 2015. 
  2. «Cruzeiro confirma contratação do zagueiro Gil». Esportes.Estadao.com.br. 1 de agosto de 2009. Consultado em 19 de novembro de 2015. 
  3. «Gil deixa o Cruzeiro e acerta com o Valenciennes da França». GloboEsporte.com. 20 de agosto de 2011. Consultado em 19 de novembro de 2015. 
  4. «Corinthians bate Comercial, completa trinca e põe pressão em rivais». Esporte.IG.com.br. 27 de fevereiro de 2014. Consultado em 19 de novembro de 2015. 
  5. «Gil marca de cabeça e Corinthians vence o Santos por 1 a 0 pelo Brasileirão 2014». TimaoWeb.com.br. 10 de agosto de 2015. Consultado em 19 de novembro de 2015. 
  6. «Primeira lista de Dunga tem novatos de Corinthians e Cruzeiro e mais dez da Copa». ESPN.com. 19 de agosto de 2014. Consultado em 19 de novembro de 2015. 
  7. «Football : Gil» (em inglês). FootballDatabase.eu. Consultado em 19 de novembro de 2015. 
  8. «Finalistas, Santos e Palmeiras dominam a seleção do Paulistão». GloboEsporte.com. 30 abril de 2015. Consultado em 19 de novembro de 2015. 
  9. «Paulistas e Inter dominam seleção do Brasileiro; Goulart é o Craque». Lancenet.com.br. 8 de dezembro de 2014. Consultado em 19 de novembro de 2015. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]