Territórios do Noroeste

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura os territórios americanos ao sul dos Grandes Lagos, veja Território do Noroeste.
Canadá Territórios do Noroeste

Northwest Territories Territoires du Nord-Ouest (Francês)

 
—  Território  —
Bandeira de Territórios do Noroeste
Bandeira
Brasão de armas de Territórios do Noroeste
Brasão de armas
Lema: Nenhum[1]
Localização dos Territórios do Noroeste no Canadá
Localização dos Territórios do Noroeste no Canadá
Confederação 15 de Julho de 1870 (6.°)
Capital Yellowknife
Maior Cidade Yellowknife
Administração
 - Primeiro-ministro Bob McLeod
 - Comissário George Tuccaro
Área
 - Total 1,346,106 km²
 - Terra 1.183.085 km²
 - Água 163.021 km²
População (2016)
 - Total 44,291
    • Densidade 0,03 hab./km²
Informações
 - Línguas oficiais Inglês, Francês, Inuktitut, Chipewyan, Cree, Gwich’in, inuinnaqtun, Inuktitut,

Inuvialuktun, Slavey e Dogrib

 - PIB nominal C$ 4.731 bilhões (11.°)
 - PIB per capita C$ 107 522 (1.°)
 - IDH (2014) 0,907 (6.º) – muito alto[2]
Fuso horário -7 (UTC)
Código postal X0 e X1 (Yellowknife)
Abreviação Postal NT
Código ISO 3166 CA-NT
Membros do Parlamento 1 de 338 (0.3%)
Membros do Senado 1 de 105 (1%)
Sítio www.gov.nt.ca

Os Territórios do Noroeste (também conhecidos pela sigla NWT, e em francês: Les Territoires do Nord-Ouest, em Inuktitut: ᓄᓇᑦᓯᐊᖅ) é um dos três territórios do Canadá (os outros dois são Yukon e Nunavut). Em uma área de terra de aproximadamente 1.144.000 km² e uma população de 41.462 de acordo com o censo de 2011, é o segundo maior e mais populoso dos três territórios no norte do Canadá.[3] Sua população estimada em 2016 é de 44.291.[4] A cidade de Yellowknife tornou-se a capital do território em 1967.

Os Territórios do Noroeste, incorporaram a confederação canadense em 15 de julho de 1870, mas as fronteiras do território atual só foram finalizadas em 1 de Abril de 1999, quando o território foi dividido para criar o território de Nunavut ao leste, através da lei de Nunavut e do acordo de reivindicações de terras de Nunavut.[5][6]

Os Territórios do Noroeste fazem fronteira com os territórios de Yukon, a oeste, e de Nunavut, a leste, e com as províncias de Alberta, Colúmbia Britânica e Saskatchewan ao sul; todos estes territórios e províncias fizeram parte dos Territórios do Noroeste no passado, tendo-se separado entre as década de 1870 e de 1990 até adquirir suas atuais fronteiras. Os próprios Territórios do Noroeste eram controladas pela Companhia da Baía de Hudson, que os cedeu ao governo canadense em 1870.

Os Territórios do Noroeste possuem grandes reservas de recursos naturais como diamantes, gás natural e ouro. O território possui a renda per capita mais alta entre todas as subdivisões nacionais do Canadá, de 94 953 dólares. Caso fosse um país independente, os Territórios do Noroeste teriam a maior taxa per capita do mundo, à frente de Luxemburgo (com 83 mil dólares).

Etimologia[editar | editar código-fonte]

O nome foi adotado pelo governo britânico durante a era colonial para indicar onde estava o território em relação à Terra de Rupert. Na língua Inuktitut, os Territórios do Noroeste são chamados de: ᓄᓇᑦᓯᐊᖅ (Nunatsiaq) que significa "terra bonita."[7]

Houve algumas discussões sobre a mudança do nome dos Territórios do Noroeste após a separação e criação de Nunavut, possivelmente para um termo de uma língua aborígene. Uma proposta foi "Denendeh" (uma palavra da língua Athabaskan que significa "nossa terra"), como defendido pelo ex-primeiro-ministro Stephen Kakfwi, entre outros.[8][9]

No final, uma pesquisa realizada antes da divisão mostrou que havia um forte apoio para manter o nome de "Territórios do Noroeste". Este nome tornou-se indiscutível e continuou a ser o mais apropriado após divisão, e ainda hoje este é o nome oficial do território.[10][11]

Clima[editar | editar código-fonte]

Assembleia legislativa dos Territórios do Noroeste

Assim como Nunavut, os Territórios do Noroeste possuem um clima demasiadamente frio, classificado em quase todo o território como subártico. Os verões duram algumas semanas, com bastante sol, porém as temperaturas se mantêm bem baixas. As mínimas durante o verão ficam negativas, em torno de -3°C no sul, -5°C na região central e -9°C no norte. As máximas muito raramente ultrapassam 10°C, acontecendo apenas uma ou duas vezes em um século no extremo sul dos territórios. As máximas no verão ficam em torno dos 7°C no sul, 4°C na região central e 1°C no norte. Durante o inverno as temperaturas despencam bastante. As mínimas ficam em torno de -38°C no sul, -45°C na região central e -51°C na região norte. As máximas no inverno ficam em torno de -20°C no sul, -30°C na região central e -41°C na região norte. O recorde quente foi de 17°C nos entornos dos lagos ao sul dos territórios e o recorde baixo foi de -66,8°C no litoral dos territórios.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «What is the official motto of the Northwest Territories?». Assembly.gov.nt.ca. Consultado em February 22, 2011. Cópia arquivada em November 6, 2012  Verifique data em: |acessodata=, |arquivodata= (ajuda)
  2. «2016 CSLS Research Report» (PDF). The Human Development Index in Canada. 35 páginas. Consultado em 31 de agosto de 2012 
  3. «Population and dwelling counts, for Canada, provinces and territories, 2011 and 2006 censuses». Statcan.gc.ca. February 8, 2012. Consultado em February 8, 2012  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  4. Canada, Government of Canada, Statistics. «CANSIM - 051-0005 - Estimates of population, Canada, provinces and territories». www5.statcan.gc.ca. Consultado em 18 de dezembro de 2016 
  5. Justice Canada (1993). «Nunavut Act». Consultado em April 26, 2007  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  6. Justice Canada (1993). «Nunavut Land Claims Agreement Act». Consultado em April 26, 2007  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  7. Izenberg, Dafna (Summer 2005). «The Conscience of Nunavut». Toronto: Ryerson School of Journalism. Ryerson Review of Journalism (online) (em English). ISSN 0838-0651. Consultado em September 19, 2013  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  8. «Northwest Territories looking for new name – "Bob" need not apply». Canada: CBC. January 11, 2002. Consultado em February 22, 2011  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  9. «Western Arctic to Northwest Territories: MP calls for riding name change». Canada: CBC. June 25, 2008. Consultado em April 30, 2015  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  10. «Tundra for two: dividing Canada's far-north is no small task». Web.archive.org. Consultado em February 22, 2011. Cópia arquivada em April 5, 2005  Verifique data em: |acessodata=, |arquivodata= (ajuda)
  11. Jon Willing. «What about Bob, Water-Lou?». Web.archive.org. Consultado em February 22, 2011. Cópia arquivada em January 18, 2003  Verifique data em: |acessodata=, |arquivodata= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Províncias e territórios do Canadá Bandeira do Canadá
Províncias Alberta | Colúmbia Britânica | Saskatchewan | Manitoba | Ontário | Quebec | Nova Brunswick | Ilha do Príncipe Eduardo | Nova Escócia | Terra Nova e Labrador
Territórios Yukon | Territórios do Noroeste | Nunavut