Banco Santander (Brasil)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Santander Brasil
Banco Santander (Brasil), S.A.
Slogan Um banco para suas ideias
Gênero Banco
Fundação 1982
Sede Brasil São Paulo, SP
Áreas servidas Todo o Brasil
Presidente Jesús Zabalza (CEO)[1]

Banco Santander Brasil é a subsidiária do banco espanhol Santander para o Brasil. O Santander é o quinto maior banco comercial do Brasil em ativos[2] .

Histórico[editar | editar código-fonte]

O Santander chegou ao Brasil em 1982, com a abertura de um escritório de representação e em 1997, anunciou a aquisição do Banco Geral do Comércio por R$ 340 milhões, e em 1998, adquiriu o Banco Noroeste S.A.. Em 2000, comprou o Conglomerado Meridional[3] , formado pelos bancos Meridional e Bozano Simonsen, e, em novembro, fez a aquisição do Banco do Estado de São Paulo S.A. (Banespa)[4] , com uma oferta de mais de R$ 7,5 bilhões.

Em 2007, o banco comprou, por € 71 bilhões, do banco holandês ABN AMRO, num consórcio formado pelo Santander e os bancos Fortis e RBS. Com isso, o Santander assumiu os bancos Antonvenetta, da Itália (vendido meses depois) e Real.[5]

Em 10 de junho de 2010, o Grupo Santander anunciou um investimento de aproximadamente 270 milhões de dólares na cidade de Campinas, num pólo de tecnologia, pesquisa e processamento de dados[6] .[7]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um banco ou instituição financeira é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.